Como é viajar de ônibus na Bolívia: as melhores empresas e serviços

26

Atualizado em 5 de setembro de 2021

Como é viajar de ônibus na Bolívia

Viajar de ônibus na Bolívia hoje é muito mais confortável e seguro do que há poucos anos. Eu já ouvi história de pessoas que passaram horas em um veículo sem ar-condicionado e banheiro. Isso e outros relatos de viajantes que tiveram a bagagem molhada ou roubada.

Com serviços mais profissionais e rodovias mais bem cuidadas, ônibus se tornou ainda mais procurado por turistas do mundo todo. Principalmente porque nos ajuda tanto na hora de salvar o orçamento.

Mesmo assim, uma coisa que você perceberá rapidamente é que não é nada fácil comprar passagens de ônibus com antecedência, já que nem todas as empresas estão na internet, e as que estão, nem sempre aceitam cartão de crédito.

Como é viajar de ônibus na Bolívia

Se isso tem seu lado ruim, a gente tenta observar o que pode ser bom: na Bolívia, nem sempre ter uma passagem significa que você vai viajar, já que as interrupções no tráfego são comuns. Por questões naturais, como deslizamentos de rochas, ou por protestos, como greves e manifestações políticas, estradas são fechadas e isso pode cancelar ou, pelo menos, atrasar sua partida.

Para lhe acalmar, saiba que nas duas vezes em que eu estive na Bolívia, não houve imprevistos desse tipo. Percorrendo o país em todas as direções, não vi protestos nem passei por situações de calamidade natural.

Empresas de ônibus na Bolívia

Para ter uma viagem mais confortável e, principalmente, segura, eu aconselho que você procure as empresas listadas abaixo, e sugiro evitar as empresas Panamericana, Urus, Expresso Santa Cruz e Emperador, porque há muitos relatos de acidentes e outros problemas envolvendo essas companhias.

 EMPRESAS SITE 
Transcopacabana transcopacabanasa.com.bo
Todo Turismo todoturismosrl.com
Panasur uyunipanasur.com
Tour Peru tourperu.com.pe
Trans Omar transomar.com

Para quem quer fazer um roteiro entre o Peru e a Bolívia, uma novidade é o Bolivia Hop. Voltado para turistas estrangeiros, o ônibus tem uma ótima qualidade e um serviço igualmente elogiável. O esquema é semelhante ao de uma excursão e pode ser interessante para quem ainda não se sente a vontade para viajar sozinho de ônibus na Bolívia.

Estradas e segurança

O maior problema que afeta turistas em viagem à Bolívia é o furto, crime cometido pelos batedores de carteira e saqueadores de malas. Por isso, é muito importante não deixar sua bagagem desacompanhada.

Nos ônibus, tente ficar de olho em sua mala. Se ela não estiver ao seu alcance, esteja certo de que está trancada com um cadeado e, mesmo assim, evite viajar levando itens mais caros no porão do ônibus.

Como é viajar de ônibus na Bolívia

Há poucos anos, trafegar pelas rodovias bolivianas era praticamente impossível. Mesmo aquelas que ligavam destinos turísticos – como La Paz a Uyuni – eram completamente cheias de buracos, mal sinalizadas e com iluminação precária. Como havia uma grande chance do ônibus quebrar durante o trajeto, assaltantes ficavam à espreita aguardando o melhor momento para agir.

Hoje, muito se avançou na qualidade das rodovias bolivianas. Eu estive no país pela primeira vez em 2012, retornando em 2015, e percebi uma diferença muito grande. Asfaltadas e bem sinalizadas, as estradas deixaram de ser tão perigosas e não mais atrasam nossa viagem em horas.

Como é viajar de ônibus na Bolívia

INFORMAÇÕES BÁSICAS
Visto | Brasileiros não precisam de visto para entrar no país e o prazo de permanência é de 90 dias, podendo ser estendido por, no máximo, mais 90 dias.
Documentos | Você pode usar o passaporte, com validade mínima de seis meses, ou a carteira de identidade, emitida há menos de dez anos.
Dinheiro | A moeda oficial é o boliviano, representado pela sigla BOB. Para sua viagem, você pode levar reais ou dólares. Veja como usar seu dinheiro na Bolívia.
Vacinas | A vacina contra covid-19 não é obrigatória, mas é preciso apresentar teste RT-PCR (veja abaixo). A vacinação contra febre amarela é obrigatória: veja como solicitar o certificado.

INFORMAÇÕES SOBRE COVID-19

As regras para viajantes vacinados e não vacinados são um pouco diferentes. Por isso, é preciso ter atenção na documentação exigida pela imigração boliviana.

Além de todos os documentos básicos de uma viagem internacional, como passaporte ou carteira de identidade, passagem de ida e volta e comprovante de hospedagem, por exemplo, é preciso ter em mãos os seguintes comprovantes:

  1. Seguro viagem com cobertura para covid-19, obrigatório para todos os viajantes – faça uma cotação do seguro viagem;
  2. Certificado de vacinação contra covid-19 com, pelo menos, duas doses, sendo que a última deve ter sido aplicada, no mínimo, 14 dias antes da viagem – exigido apenas de viajantes vacinados;
  3.  Resultado negativo de teste RT-PCR, feito até 72 horas antes da viagem, ou antígeno (teste rápido), feito até 48 horas antes da partida para a Bolívia – exigido apenas de viajantes não vacinados maiores de cinco anos;
  4. Formulário de Localização de Passageiros, disponível no site da Direção-geral de Aviação Civil – apenas um por família.

De forma geral, viajantes brasileiros não precisam fazer quarentena na chegada ao país, mas é importante estar preparado para que restrições que afetem viagens internacionais entrem em vigor com pouco ou nenhum aviso prévio por parte das autoridades bolivianas.

Você pode acompanhar atualizações no site da Embaixada do Brasil em La Paz.

Apesar de não haver restrições nacionais para covid-19, os departamentos e municípios têm a autonomia para impor restrições em nível local.

Acesse o site oficial para acompanhar os números de casos de covid-19 na Bolívia.

SEGURO VIAGEM

Desde que reabriu suas fronteiras,  o seguro viagem com cobertura para covid-19 passou a ser obrigatório  para a Bolívia. Sem ele, você pode ser impedido de entrar no país.

O custo de um seguro viagem é menor do que se costuma pensar e ele garante que você também terá atendimento em casos de emergências médicas comuns, como acidentes de trânsito, intoxicações alimentares, acidentes vasculares e infartos cardíacos, por exemplo.

→ Faça uma cotação do seguro viagem

Então, antes de embarcar, compre o seguro viagem, imprima o comprovante e tenho o número de emergência em local de fácil acesso.

Eu sempre uso a plataforma da Seguros Promo para comparar valores antes de fazer a compra. Eles têm um suporte muito eficiente e preços sempre muito bons.

Veja mais dicas da Bolívia

Ficou mais fácil planejar sua viagem? Se tiver alguma dúvida é só deixar sua pergunta nos comentários que eu respondo.

Se preferir, pode falar comigo no Instagram: @altiermoulin. Agora, aproveite para ver outras dicas da Bolívia.