Machu Picchu

Muita gente sonha com uma viagem para Machu Picchu e é difícil encontrar alguém que não se encante com os horizontes e com as misteriosas histórias dessas ruínas peruanas. Elas são uma herança do Império Inca, foram reconhecidas como Patrimônio Mundial da Humanidade em 1987, pela Unesco, e atraem milhares de viajantes todos os anos.

Eu já estive em Machu Picchu e posso garantir que nada é igual. É que, segundo historiadores, a chamada Cidade Perdida nem chegou a ser concluída: eles acreditam que Machu Picchu foi invadida pelos espanhóis antes que todos os prédios fossem erguidos. Só por isso, você já imagina o tanto de histórias que a gente fica conhecendo aqui, né?

Sem falar que as construções resistem há séculos – elas só foram achadas em 1911, há pouco mais de 100 anos – e escondem muitos mistérios ainda não revelados. Alguns deles são as ferramentas utilizadas para esculpir as pedras e como elas foram transportadas até o alto dos montes: você vai se perguntar isso quando chegar aqui.

Machu Picchu

Cusco é a cidade base para quem quer visitar Machu Picchu.

Planeje sua viagem para Machu Picchu

Informações Básicas
Quando ir | O tempo em Machu Picchu é muito instável, mas, para ter mais chances de ver tudo com sol, é melhor viajar na época da seca – nos meses do meio do ano – e torcer por um dia bonito.
Como chegar | Para colocar os pés na Cidade Perdida dos Incas, você tem apenas duas opções: de trem ou a pé. Veja mais em: Como chegar a Machu Picchu.
Onde ficar | A base para sua viagem será a cidade de Cusco. Aqui, a regra é simples: escolha uma opção de hospedagem barata perto da Plaza de Armas. Veja mais em: Onde se hospedar em Cusco
Onde comer | Não deixe de provar os sabores da cultura peruana. São diversos temperos e elementos que resultam em uma experiência deliciosa. Veja mais em: Onde comer em Cusco.

Machu Picchu

O trem que vai de Cusco a Águas Calientes.

Visto e documentos

Brasileiros não precisam de visto para entrar no Peru. Entretanto, o prazo máximo de permanência é de 183 dias, sem prorrogação. Você pode viajar com a carteira de identidade, desde que ela tenha sido emitida há menos de dez anos e esteja em bom estado de conservação, ou com o passaporte.

Vacina e saúde

Nenhuma vacina é obrigatória, mas é recomendado se vacinar contra febre amarela se você estiver indo para a região amazônica. O seguro viagem não é obrigatório, mas eu nunca recomendo fazer uma viagem internacional sem ele: já imaginou quanto custa um atendimento médico de urgência por aqui?

O que fazer em Machu Picchu

Não há como – e nem porque – fugir: aqui, o programa é explorar as ruínas da Cidade Perdida dos incas. Para saber como é esse passeio, eu sugiro que você leia: A inesquecível viagem para Machu Picchu.

Atualmente, os preços estão bem inflacionados por aqui. Então, se quiser ir se planejando, vale ler: Quanto custa viajar para Machu Picchu.

Veja todos os posts de Machu Picchu

Cusco Viagem ao Peru informações essenciais
0

Planejando uma viagem ao Peru? Esta é uma terra de contrastes e suas paisagens combinam extensos desertos, montanhas volumosas e a imensa floresta tropical. Terceiro maior país da América do…

Cusco Guia Peru: lugares incríveis
16

O guia Peru: lugares incríveis apresenta um país de contrastes, com paisagens que combinam extensos desertos, montanhas volumosas e a imensa floresta tropical. Cheia de verdadeiras e espetaculares maravilhas, essa terra tem atrativos…

Cusco Quanto custa viajar para Machu Picchu
50

Depois de ler todos os textos que escrevi sobre o Peru, você já sabe que para chegar a Machu Picchu é preciso fazer uma parada em Cusco. Essa cidade histórica…

Arequipa Companhias aéreas do Peru
36

Eu já expliquei como é viajar de ônibus pelo Peru e como é chegar aqui de carro, passando pelo Acre. É verdade que os ônibus são ótimas opções para quem…

Peru
49

Viajar de ônibus no Peru é uma ótima pedida. De forma geral, os veículos são sempre novos, confortáveis e o atendimento é agradável. Então, pode aproveitar, pois você se sentirá…