Onde ficar em Cusco: os melhores bairros e preços

0

Atualizado em 2 de outubro de 2019

Todo mundo que vem para cá parece ter a mesma dúvida: onde ficar em Cusco? Eu tenho algumas dicas e elas são bem simples.

Antes, você precisa entender que Cusco é o destino turístico mais procurado em todo o Peru. O que isso significa? Que você deve decidir onde vai se hospedar e fazer a reserva com o máximo de antecedência possível.02

→ Veja todas as opções de hospedagem de Cusco

Caso contrário, terá que ficar em áreas mais afastadas. Mas, claro, isso depende da época que você for: nas férias de julho e no final do ano a coisa piora.

É que Cusco é considerada Umbigo do Mundo,  antiga sede do Império Inca,  e ponto de partida para quem quer visitar Machu Picchu, uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno e, também, Patrimônio da Humanidade reconhecido pela Unesco.

Então, mesmo que seus dias por aqui sejam apenas de passagem – o que é uma pena –, escolher bem onde ficar em Cusco vai lhe ajudar a aproveitar melhor a cidade.

Onde ficar em Cusco: melhores bairros e preços

Onde ficar em Cusco: primeiro passo

Antes de decidir onde ficar em Cusco, você precisa entender algumas coisas sobre a cidade.

A mais importante delas é que Cusco fica na Cordilheira dos Andes e, portanto, você deve imaginar que há muitas ladeiras: uma boa comparação é Ouro Preto, em Minas Gerais.

É um sobe e desce o tempo todo. Embora, eu realmente ache que, na parte do Centro Histórico, a gente sente menos isso.

Onde ficar em Cusco: ladeiras

Só que o grande problema é que  Cusco está a 3.399 metros acima do nível do mar  e isso nos deixa mais cansados que o normal, porque acabamos levando menos oxigênio para os pulmões cada vez que respiramos.

Isso eu explico direitinho em: aprenda como prevenir o mal de altitude.

Além disso, é importante saber que o Centro Histórico não é grande e que as atrações acabam ficando concentradas em uma pequena parte – levando em consideração o tamanho da cidade.

Melhores bairros e hotéis de Cusco

Sem dúvida alguma, o melhor bairro para ficar em Cusco é o Centro Histórico.

É que, como falei, ele concentra várias atrações históricas e serviços que a gente sempre precisa: mercados, restaurantes, farmácias, bancos, caixas eletrônicos, agências de turismo e muito mais.

Enfim, é nas ruas do  Centro Histórico  que as coisas acontecem.

Eu realmente acho que se hospedar nas áreas mais afastadas do Centro é furada. Porque, além de não serem visualmente bonitas, ficando nessas áreas, você vai ter que se preocupar com deslocamentos o tempo todo.

O que você pode fazer, se tiver tempo, é  tirar um dia para conhecer as áreas mais afastadas  do Centro. Isso é perfeito para aqueles que gostam de conhecer a vida de quem mora na cidade para entender melhor o dia a dia das pessoas.

Depois de ter falado isso, preciso dizer que Cusco tem opções para todo o tipo de viajante.

De hostels baratinhos a hotéis boutique, mas, independentemente de quanto você pode gastar por uma noite aqui, a regra permanece a mesma: escolha ficar no Centro Histórico, especialmente perto da Plaza de Armas.

Onde ficar em Cusco: melhores bairros e preços

Além do Centro Histórico

Se você quiser outra opção, eu indico o San Blás. Ele é um bairro vizinho do Centro Histórico e muito conhecido pela vida boêmia. Aqui, funcionam muitos bares, várias lojas de artesanato, alguns cafés e há opções de hospedagem interessantes.

Só é importante lembrar que as ruas do San Blás são bem estreitas – não passa carro em muitas delas – e há bastante escadarias. Isso pode ser um problema para quem estiver com muita bagagem.

No mapa abaixo, você encontra todas as opções de hospedagem de Cusco – especialmente as da área mais central. Você só precisa  clicar sobre os pins azuis  para ver mais detalhes de cada uma delas.



Booking.com

Quando estive em Cusco, me hospedei no hotel Casa Andina Classic Cusco Plaza, que tem um excelente atendimento, ótimos quartos e uma justa relação custo-benefício.

Melhores hotéis do Centro Histórico

Agora que você já entendeu onde ficar em Cusco, eu vou mostrar os hotéis e hostels que mais gosto na cidade.

Eles têm estilos e preços diferentes. Mas, o ponto em comum, é que têm uma localização que facilitará sua vida enquanto estiver por aqui.

CASA ANDINA CUSCO PLAZA | HOTEL

O Casa Andina Classic Cusco Plaza fica no Centro Histórico, perto de tudo. O prédio colonial tem uma decoração rústica que é a cara da cidade e alguns quartos têm vista para a Plaza de Armas.

Onde ficar em Cusco: Casa Andina

Você pode ir caminhando até as principais atrações de Cusco e é por isso, também, que esse hotel tem a melhor avaliação de custo-benefício de Cusco: a diária para casal custa R$ 380.

Onde ficar em Cusco: Casa Andina

NOVOTEL CUSCO | HOTEL

O Novotel Cusco está no coração da cidade. Ele funciona em um prédio do século 16 e tem quartos espaçosos, modernos e super bem equipados a apenas três quarteirões da Plaza de Armas.

Onde ficar em Cusco: Novotel

No hotel funciona o restaurante La Cave, que tem um menu com especialidades locais e internacionais. Uma diária para duas pessoas custa cerca de R$ 570.

Onde ficar em Cusco: Novotel

LORETO BOUTIQUE | HOTEL

Essa é uma das melhores opções para você que ainda não decidiu onde ficar em Cusco. O Loreto Boutique Hotel fica a apenas dez metros da Plaza de Armas e tem quartos confortáveis, que nem parecem estar em um edifício construído no período dos incas.

Onde ficar em Cusco: Loreto

Há internet em todas as áreas, serviços de traslado e passeios podem ser agendados na recepção, que funciona 24 horas. A diária tem valor médio de R$ 230.

Onde ficar em Cusco: Loreto

TIERRA VIVA PLAZA | HOTEL DE LUXO

Este luxuoso hotel fica a uma quadra da Plaza de Armas. No Tierra Viva Cusco Plaza, você vai desfrutar do belíssimo pátio central com seu estilo colonial e relaxar em quartos bem decorados e com mantas de lã de alpaca e seda – super confortáveis.

Onde ficar em Cusco: Tierra Viva

Quer mais? Alguns quartos têm banheira de hidromassagem e varanda privativa com vista panorâmica de Cusco. A diária para casal custa cerca de R$ 330.

Onde ficar em Cusco: Tierra Viva

Os melhores hostels de Cusco

Cusco é a Meca dos Mochileiros na América do Sul.

Há tanta gente que viaja de forma econômica na cidade que eles  criaram uma estrutura ótima  para atender a esse público.

Muitos hostels – alguns bem baratos e bem simples – restaurantes com preços baixos, passeios gratuitos, descontos para estudantes. Enfim, há muitas formas de economizar por aqui.

Eu listei alguns hostels da cidade para você ter uma ideia do estilo e das faixas de preços deles.

ECOPACKERS | HOSTEL

A 150 metros da Plaza de Armas, o Ecopackers Hostels tem uma charmosa varanda, quartos com internet e o café da manhã está incluso na diária, que custa cerca de R$ 40.

Onde ficar em Cusco: Ecopackers

O hostel é muito bonito, bem cuidado, com roupas de cama limpas e banheiros sempre higienizados. É preciso levar toalha de banho e cadeado para guardar sua mochila no armário.

Onde ficar em Cusco: Ecopackers

BLACK | HOSTEL

Tudo é perfeito no Black Hostel. É isso que a maioria dos hóspedes diz sobre ele. O pessoal que trabalha aqui é super caprichoso e, mesmo os quartos com muitas pessoas, são confortáveis e limpos. Isso também vale para os banheiros.

Onde ficar em Cusco: Black Hostel

Ele tem um ótimo custo-benefício, principalmente por causa da localização, muito perto da Plaza de Armas, onde tudo acontece e de onde partem a maioria dos passeios pela cidade e arredores. A diária custa cerca de R$ 20.

Onde ficar em Cusco:

TUCAN | HOSTEL

A equipe do Tucan Hostel é extremamente simpática, os quartos têm um tamanho bom e as camas são bem confortáveis. O banheiro compartilhado está sempre limpo e o café da manhã também é muito elogiado, comvárias opções.

Onde ficar em Cusco:

Há armário para guardar a mochila, água quente – muito importante em Cusco – e um pátio interno bem bonito. Uma diária em quarto compartilhado custa cerca de R$ 37.

Onde ficar em Cusco: Tucan

PIRWA BACKPACKERS COLONIAL | HOSTEL

Funcionando em uma mansão colonial do século 16, o Pirwa Backpackers Colonial fica a dois quarteirões da Plaza de Armas. Seus quartos têm banheiros privativos e compartilhados, e você pode usar o armário individual para guardar sua bagagem.

Onde ficar em Cusco: Pirwa

Além disso, o hostel tem serviço de lavanderia e a internet é gratuita. Ele é um dos melhores hostels de Cusco e o preço é ótimo: cerca de R$ 28 a diária.

Onde ficar em Cusco: Pirwa

Onde ficar em Machu Picchu: vale a pena?

Quem quiser aproveitar mais de Machu Picchu, pode ficar hospedado pertinho da Cidade Sagrada dos incas.

Você já deve saber que ela é  especial para os peruanos e para o mundo por seu valor histórico, mas há também uma questão espiritual ligada a Machu Picchu.

Onde ficar em Cusco: Machu Picchu

Muitas pessoas dizem sentir uma energia diferente, algo que toca a alma. Até a atriz Fernanda Montenegro disse que existe um antes e um depois de Machu Picchu para todo mundo. Eu tive a minha própria experiência e foi, realmente, magnífica.

Agora, veja os hotéis que eu mais indico pertinho da montanha.

SUMAQ MACHU PICCHU | HOTEL

O Sumaq Machu Picchu Hotel fica na margem do rio Urubamba, em Águas Calientes, a apenas 20 minutos da Cidade Sagrada. Com cinco estrelas, ele tem design andino e oferece conforto e comodidade.

Onde ficar em Cusco: Sumaq

Os quartos são muito bem equipados, o serviço é excelente e tem um spa que funciona no hotel. A diária para duas pessoas custa cerca de R$ 1.600.

Onde ficar em Cusco: Sumaq

BELMOND SANCTUARY LODGE | HOTEL

Quem quiser um hotel com vista para as ruínas da Cidade Perdida deve escolher o Belmond Sanctuary Lodge. Ele é o único que tem esse privilégio e oferece, realmente, o máximo em conforto.

Onde ficar em Cusco: Belmond

Claro que, para isso, você terá que pagar bem mais: uma diária para casal custa cerca de R$ 3.900. É que o hotel oferece quartos com decoração elegante, varandas térreas privativas e uma incrível vista.

Onde ficar em Cusco: Belmond

Onde ficar em Cusco: conclusão

Essas foram as minhas dicas de onde ficar em Cusco.

Você entendeu que o Centro Histórico é a melhor escolha, que a cidade tem muitas ladeiras e que é preciso fazer sua reserva com antecedência.

Mas, eu ainda quero deixar algumas dicas rápidas para você aproveitar melhor a cidade.

  • Separe um dia para conhecer os sítios arqueológicos ao redor de Cusco;
  • O Ano Novo na cidade é espetacular, o mais tradicional do Peru;
  • Respeite as ruínas incas porque elas são sagradas;
  • Em junho e julho, faz muito frio na cidade, então vá preparado;
  • Coma carne de lhama e beba chicha morada;
  • Compre seu bilhete do trem para Machu Picchu assim que chegar.

Espero que sua viagem seja realmente inesquecível, porque o Peru é um dos países que eu mais gostei de conhecer.

Se ainda tiver alguma dúvida, deixe sua pergunta nos comentários que eu respondo.

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou um jornalista que gosta de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Desde menino, meu desejo era viajar pelo mundo. Já adulto, descobri que isso não era apenas um sentimento, mas um propósito de vida.

Escreva um comentário