Dinheiro na Bolívia: câmbio, saques e cuidados

20

Atualizado em 14 de maio de 2018

A moeda da Bolívia é o boliviano, identificado oficialmente pela sigla BOB. No país, circulam notas de 5, 10, 20, 50, 100 e 200, e moedas de 1 e 2 bolivianos, e de 5, 10, 20 e 50 centavos. Apesar do câmbio ser favorável para nós, brasileiros, é importante observar algumas dicas para usar seu dinheiro na Bolívia.

É possível trocar dólar e euro em praticamente todas as cidades bolivianas. Na região da fronteira com o Brasil, também é fácil trocar o real. Nas cidades mais ao sul, que fazem divisa com o Chile e a Argentina, os pesos argentino e chileno são facilmente aceitos. A minha dica é levar dólar, que não tem erro.

Para fazer a conversão da moeda, eu sugiro que você procure uma casa de câmbio ou um banco. Os principais são Mercantil Santa Cruz, de Credito, Union, Nacional de Bolivia e Ganadero. Em todo o país, os bancos abrem das 8h30 às 12h e das 14h30 às 18h.

Nas áreas turísticas, é comum ver pessoas que fazem a troca de dinheiro na rua. Só use esse serviço em casos de urgência, se essa for a última opção. Ah, e só para tocar apenas valores baixos.

Dinheiro na Bolívia: câmbio, saques e cuidados

A circulação de notas falsas é muito alta na Bolívia.

Cuidado com as notas falsas

Na Bolívia, a circulação de notas falsas é alta. Trocar dinheiro em qualquer lugar aumenta o risco de você ser surpreendido com esse calote. Eu nunca tinha passado por isso em todas as minhas viagens, mas, na Bolívia, eu recebi uma nota de dinheiro falsa.

A sensação é muito desagradável. Ao tentar pagar uma refeição, a operadora do caixa se negou a receber meu dinheiro dizendo que aquela nota não era verdadeira. Tentei contestar, mas nem ela mesma soube me explicar, com clareza, quais eram as diferenças. Assim, percebi que as notas falsas circulam tranquilamente por todos os lados e é quase impossível ficar livre de um golpe desses.

Dinheiro na Bolívia: câmbio, saques e cuidados

Evite trocar dinheiro com cambistas na rua.

Como  sacar dinheiro na Bolívia

Há caixas eletrônicos 24 horas em todas as principais cidades do país. Mas, saiba que não é assim em cidades menores, no interior do país. Com seu cartão de crédito ou débito internacional, você pode sacar na moeda local pagando a cotação do dia, mais o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) de 6,38%.

Para enviar e receber dinheiro na Bolívia, a forma mais prática é utilizar os sistemas do Western Union e do Mone Gram. As duas redes têm agências oficiais nas principais cidades bolivianas. É por meio delas que muitas famílias recebem dinheiro de seus parentes que vivem no exterior.

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou um jornalista que gosta de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Desde menino, meu desejo era viajar pelo mundo. Já adulto, descobri que isso não era apenas um sentimento, mas um propósito de vida.

20 Comentários

  1. Fala, Altier.
    Você sabe me dizer em qual cidade da Bolívia o câmbio é mais favorável para se trocar real? Santa Cruz, Porto Quijarro ou em La Paz? Eu vejo que varia muito o câmbio nas cidades.
    Obrigado

  2. Cinthia Pinheiro on

    Olá Altier, estou indo para Bolívia daqui a 7 dias e irei parar na fronteira para troca de moeda em Câmbios. Sei que lá troca real, mas não sei qual é mais vantajoso para troca, o que perco menos, se é real ou Dolar. Será que pode me ajudar, rs?

  3. Ola Altier este mes estou indo viajar eu e minha mulher e meu filho de 10 meses para a Bolívia gostaria de saber neste momento qual seria mais vantajoso em relação a cambio levar dolar ou reais e outro ponto sabe quanto em media devo levar de dinheiro para ficar pelo meno 1 mes e alguns dias

    • Altier Moulin

      Oi, Ronald.

      Eu não sei exatamente em que parte do país você irá, mas, na maioria dos casos, o real é bem fácil de ser trocado.
      Por outro lado, o dólar é a moeda universal, recebida em qualquer lugar.

      Eu indico levar dólar. Não tem erro!

      Um abraço.

Escreva um comentário