10 lugares para ver neve no Brasil: as cidades mais geladas do país

0

Atualizado em 4 de julho de 2022

10 lugares para ver neve no Brasil: Cambará do Sul

Se você é apaixonado pelo inverno e gosta de curtir aquele “friozinho” agradável, já pode colocar na sua lista de destinos os lugares mais incríveis para ver neve no Brasil.

Nos últimos anos, as baixas temperaturas têm batido recorde especialmente no sul do País, intensificando fenômenos já conhecidos na região – como a geada – e aumentando a chance de nevar.

Em 2022, o frio chegou mais cedo – em maio – mas é entre junho e julho que, de uns anos para cá, tem nevado em cidades da Serra Gaúcha e na região central de Santa Catarina.

Então, se você sonha em ver neve de pertinho, fique de olho nas opções que mostro a partir de agora.

Neve no Brasil

Antes de mostrar quais as cidades onde é possível ver neve no Brasil, vamos entender porque este fenômeno está cada vez mais frequente.

Como sabemos, o Brasil tem maior parte de seu território na Zona Climática Intertropical – a gente aprendeu isso nas aulas de Geografia. Apenas parte do sul do país fica na Zona Climática Temperada.

É justamente por causa de sua extensão territorial que nosso país é tão diverso em paisagens, vegetação e também no quesito “clima”, mas, definitivamente, ver neve não é comum na maior parte do país.

Então, por que o fenômeno tem sido mais comum atualmente?

Meteorologistas acreditam que as variações de temperatura têm se intensificado devido às mudanças climáticas. Segundo os cientistas, é isso que altera o clima em todo o mundo e, além de influenciar no ciclo das chuvas,  aumenta a ocorrências de fenômenos naturais  já conhecidos, como as massas de ar polar, por exemplo.

É por isso que a gente tem visto mais notícias de neve no Brasil, especialmente em cidades do Rio Grande do Sul e em Santa Catarina, mas os flocos de gelo também chegam ao Paraná. Inclusive, é possível nevar na capital, Curitiba.

Agora, é preciso entender que há uma  diferença entre neve e chuva congelada. 

Na neve, os flocos são formados nas nuvens e chegam ao solo no mesmo estado. Já a chuva congelante é mais rara e acontece de forma normal, com a queda da gotas, mas a água se congela ao tocar uma superfície.

10 Lugares para ver neve no Brasil

Agora, sem mais demora, eu vou mostrar quais são os melhores lugares para ver neve no Brasil, mas lembre-se de que o fenômeno tem maior chance de ocorrer no inverno e, mesmo assim, não há como garantir que você verá os flocos de neve caindo do céu ou até mesmo que encontrará tudo coberto de branco.

Estes são os 10 lugares para ver neve no Brasil.

1. BOM JARDIM DA SERRA – SC

Bom Jardim da Serra fica na Serra Catarinense, a uma altitude superior a 1.230 metros acima do nível do mar. Só por isso dá para ter uma ideia de que a cidade é gelada, não é mesmo?

Nos meses de inverno, especialmente em junho, os termômetros ficam sempre coladinho no zero. A temperatura mais baixa já registrada na cidade foi -9,8, de acordo com o EPAGRI/CIRAM, órgão que monitora as condições climáticas em Santa Catarina.

Apesar de ser uma cidade pequena, Bom Jardim da Serra é extremamente acolhedora e perfeita para viagens em casal – tudo fica ainda mais romântico com os campos cobertos pela neve. 

10 lugares para ver neve no Brasil: Bom jardim da Serra

Outro grande motivo para conhecer a cidade é que nela fica o mirante para a Serra do Rio do Rastro, estrada que já foi eleita como a mais maravilhosa do mundo.

Além disso, você pode visitar o Cânion das Laranjeiras, o Mirante Serra Parque e se encantar com a Cascata da Barrinha. Tudo fica muito perto, mas é preciso redobrar a atenção ao dirigir por  causa do gelo na pista.

Onde ficar em Bom Jardim da Serra

Um dos melhores lugar para se hospedar na cidade é o Rio do Rastro Eco Resort, perfeito é para quem quer aproveitar tudo com muito conforto e comodidade. O resort fica entre os cânions de Bom Jardim da Serra e a vista panorâmica é linda – quando neva, fica tudo ainda mais encantador.

→ Hotéis e pousadas em Bom Jardim da Serra

Ele é a melhor opção desta região e tem uma estrutura realmente muito boa, com quartos super aconchegantes e muito bem decorados: a cama é grande e a roupa de cama é de primeira.

Onde ficar na Serra do Rio do Rastro

A piscina coberta é excelente e se você quiser relaxar ao ar livre, dá para usar as jacuzzis. Tem, ainda, várias atividades organizadas pelo resort, como trilhas, canoagem e cavalgada.

2. LAURO MÜLLER – SC

Outra cidade que vem registrando neve nos últimos anos é Lauro Müller, também na Serra Catarinense. A cidade fica na parte de baixo da Serra do Rio do Rastro que, como já comentei, é um grande atrativo da região.

Porém, é importante saber que no período mais frio, a Serra do Rio do Rastro pode ser fechada por motivo de segurança: neblina, geada, neve ou chuva, quando muito intensas, podem ser fatais neste pequeno trecho de rodovia.

10 lugares para ver neve no Brasil: Lauro Müller

Foto: Arthur Puls

Com todos os cuidados, dá para aproveitar bastante a neve na Serra do Rio do Rastro. Se você der esta sorte, verá uma paisagem rara, poucas vezes vista no Brasil.

Lauro Müller fica a 220 metros acima do nível do mar – bem mais baixa do que Bom Jardim da Serra – e, por isso, as temperaturas são mais amenas. Mesmo assim, o frio não dá trégua entre junho e julho, quando os termômetros marcam cerca de nove graus de mínima.

A neve chega à cidade quando a temperatura despenca por causa de alguma frente de ar polar, por exemplo. Aí, tudo fica branquinho de gelo!

3. CAMBARÁ DO SUL – RS

Cambará do sul é uma cidade bem pequena – para você ter uma ideia, ela tem menos de 6.500 moradores – e o comércio se concentra na Avenida Getúlio Vargas, mas as experiência que podemos viver na região são inúmeras.

Eu já escrevi bastante sobre a cidade e como aproveitá-la no verão, com dias quentes e ensolarados, mas Cambará do Sul também é um destino incrível no inverno.

Isso porque ela fica na divisa entre Rio Grande do Sul e Santa Catarina, onde estão dois Parques Nacionais: o de Aparados da Serra e o da Serra Geral. Eles protegem uma área de 30.360 hectares e têm uma paisagem cheia de cânions, vales e platôs.

→ Melhores pousadas de Cambará do Sul

Consegue imaginar isso tudo coberto por uma fina camada de neve? É por isso que Cambará do Sul é um dos lugares mais fantásticos para ver neve no Brasil.

Onde ficar em Cambará do Sul

Eu já expliquei com detalhes como escolher um lugar para ficar em Cambará do Sul e, com as minhas dicas, vai ser fácil encontrar um lugar ideal para curtir a neve e o friozinho da Serra Gaúcha.

Parador Cambará do Sul é a melhor opção de hospedagem para quem vai ficar na cidade e ainda curtir neve. O hotel tem um conceito inovador, é cercado pela natureza e sua estrutura aproveita muito bem disso tudo: você pode ficar em uma suíte, em um bangalô ou em um casulo, todos são fantásticos.

10 lugares para ver neve no Brasil: Cambará do Sul

Eles têm o aconchego que precisamos, com sistema de aquecimento e camas extremamente confortáveis. A decoração é impecável, com móveis de design e obras de arte que encantam o olhar e nos fazem valorizar cada detalhe.

Outra boa opção para quem quer ficar cercado pelo verde – e pelo branco da neve – é a Pousada Cafundó. Ela fica na área rural e tem aquela tranquilidade perfeita para quem quer se refugiar por uns dias. Vale muito a pena!

Foto: Vinício Boeira

4. PALMAS – PR

 A capital da neve no Paraná é Palmas, cidade que fica no Centro-Sul do estado, já na divisa com Santa Catarina, a exatos 1.115 metros acima do nível do mar. É por causa da altitude e dos constantes ventos que as temperaturas ficam sempre baixas nos meses de inverno, podendo chegar a -11 graus – este foi o recorde da cidade. 

É por isso que  Palmas é considerada a cidade mais fria do Paraná. 

Claro que isso não significa que a neve apareça todos os anos, mas o fenômeno tem se repetido com mais frequência e, em 2022, Palmas foi a primeira cidade paranaense a registrar neve, conforme o Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental do Paraná (Simepar).

10 lugares para ver neve no Brasil: Palmas

Foto: Josué Teixeira

Palmas tem orgulho de sua história. Marcada pelo pioneirismo dos povos indígenas e, mais tarde, pelo árduo trabalho homem do campo, que impulsionou a economia local, a cidade preserva sua memória em museus, como o Museu Histórico Municipal Professor José Alexandre Vieira, e templos, como a Catedral do Senhor Bom Jesus.

O Parque Usina Eólica de Água Doce também se tornou um atrativo interessante e rende boas fotos.

5. URUBICI – SC

Entre os lugares que a gente pode ver neve no Brasil, Urubici é um dos mais famosos. Aliás, a cidade tem ganhado cada vez mais fama como destino de inverno e fora do inverno também. Um dos pontos positivos é que ele fica a pouco mais de 160 quilômetros de Florianópolis. Então, é bem fácil de chegar.

Só não se esqueça de colocar na mala aquele casaco bem quentinho, porque as temperaturas costumam chegar abaixo de zero. Nos meses de inverno, especialmente entre junho e julho, os termômetros podem registrar até – 8 graus.

Foto: Felipe Aguillar

Urubici é uma cidade pequena, com pouco mais de dez mil habitantes, mas que tem conquistado o coração de quem a conhece.

→ Melhores pousadas de Urubici

Isso se deve ao frio e à neve, mas também ao tanto de atividades que é possível fazer na cidade, como caminhadas, trilhas, passeios a cavalo e de bibicleta. Além disso, a região tem excelentes hotéis e pousadas.

Onde ficar em Urubici

Eu gosto muito do La Mansarda Hotel. Ele tem um estilo de hospedagem familiar muito interessante e fica em uma região linda, um pouco afastada do Centro. Isso é um grande ponto positivo para quem quer aproveitar a paz da natureza.

6. SÃO JOAQUIM – SC

Se nas cidades que mostrei até agora, a neve só aparece em determinados períodos, especialmente com a combinação de vários fenômenos naturais, em São Joaquim é diferente.

É que costuma nevar praticamente todo  inverno, mantendo temperaturas baixíssimas em junho, julho e até em agosto.

A cidade faz parte da Serra Catarinense, que tem um roteiro turístico sensacional com ótima infraestrutura hoteleira, restaurantes excelentes e muitas atrações turísticas.

Vou citar apenas algumas para você ter uma ideia do que estou falando: Villa Francioni, Vinhedos do Monte Agudo, Vinícola Leone di Venezia, Snow Valley, Parque Nacional da Uva e Estação Experimental de Fruticultura.

→ Melhores pousadas de São Joaquim

Então, se você gosta de frio, sonha em ver neve e também se apaixona fácil por uma comida saborosa acompanhada de um bom vinho, São Joaquim é seu destino perfeito.

Onde ficar em São Joaquim

O Morada Reino Encantado está pertinho do Centro em São Joaquim e tem um estilo fantástico, totalmente integrado com a natureza: dá pra ver a neve caindo do conforto da uma banheiro de água quentinha, para depois acordar e ver tudo coberto pelo gelo.

7. URUPEMA – SC

Uma das cidades mais frias do país, Urupema é figurinha repetida no quesito neve. A uma altitude  que supera os  1.325 metros, os adoráveis flocos de gelo chegam à cidade praticamente todos os anos, especialmente no Morro das Torres, lugar onde é mais fácil perceber o acúmulo de gelo.

Urupema fica aos pés da Serra do Campo Novo e é verdade que a cidade não é um destino com muitos atrativos turísticos, então em um dia você consegue ver tudo de mais interessante:  só não deixe de ver a “Cascata que congela”. 

10 lugares para ver neve no Brasil: Urupema

Foto: Luis Eder

A pequena queda-d’água fica no Morro das Torres – também conhecido como Morro das Antenas – no alto da Serra do Campo Novo e dá para fazer caminhadas e trilhas bem interessantes. Porém, no inverno, a melhor opção é mesmo escolher uma pousada ou um hotel bem quentinho na área rural para aproveitar seu tempo na cidade.

8. BOM JESUS – RS

A cidade gaúcha de Bom Jesus fica na divisa com Santa Catarina e é uma das cidades com maior chance de ver neve no Brasil. Mas, claro, não é em todo inverno que neva.

Muito mais tranquilas do que as turísticas Gramado e Canela, por exemplo, Bom Jesus guarda muito de seu aspecto natural e da natureza exuberante que a cerca. Isso a faz perfeita para um bate-volta se você já estiver em uma das cidades da região.

É que a cidadezinha pode complementar muito bem o seu roteiro entre as Serras Gaúcha e Catarinense, especialmente se você estiver em busca de ver neve.

Não é preciso pernoitar na cidade, mas dá para passar o dia conhecendo alguns de seus atrativos, como a ponte da Barra dos Moraes, a Cachoeira da Usina, a Rota das Cascatas e a Igreja Matriz do Senhor Bom Jesus. Para entender melhor a história da cidade, vale visitar o Museu Municipal de Bom Jesus.

9.  SÃO JOSÉ DOS AUSENTES – RS

O inverno começou gelado em São José dos Ausentes, no interior do Rio Grande do Sul. Famosa pelas baixas temperaturas, pelo acolhimento caloroso e pela bela paisagem da região conhecida como Campos de Cima da Serra, a cidade já registrou neve em 2022 e isso deve se repetir.

No dia em que os flocos de neve foram registrados, os termômetros marcavam -2 graus, mas a sensação térmica era de -8 graus. Deu para sentir que é frio mesmo, né?

10 lugares para ver neve no Brasil: São José dos Ausentes

Cheia de lugares interessantes para visitar, você vai precisar de alguns dias para conhecer pelo menos alguns cânions da região.

Cânion Monte Negro é o mais famoso e ao lado dele fica também o Pico Monte Negro, o ponto mais alto do Rio Grande do Sul, a 1.403 metros acima do nível do mar.

Já o Cânion da Boa Vista é maior e é a casa de duas quedas d’água que estão entre as cachoeiras mais altas do Brasil: a Cachoeira da Boa Vista, tem 310 metros de altura, e a Cascata Diagonal, tem 257 metros.

→ Onde ficar em São José dos Ausentes

Por incrível que pareça, São José dos Ausentes não tem uma boa infraestrutura hoteleira. No Centro, as opções são bem poucos as na zona rural é preciso estar de carro para fazer os deslocamentos de um ponto a outro. Talvez seja por isso que a cidade ainda não seja tão conhecida como merece.

10. GRAMADO – RS

Por último, mas jamais menos importante, está a pérola da Serra Gaúcha: Gramado. Sim, é possível aproveitar a cidade com tudo que ela tem de bom a oferecer e, se der aquela sorte, ainda é possível não apenas ver neve, mas brincar nela e até fazer boneco de neve. E eu não estou falando do Parque Snowland, quem tem uma pista de esqui e tudo mais.

→ Onde ficar em Gramado

Com termômetros marcando sempre próximo do zero, Gramado é a queridinha de quem gosta de frio, vinho e boa comida, mas quem já foi à cidade sabe que ela é muito mais do que isso.

Basta ter um olhar um pouco mais apurado para poder aproveitar o seu lado natureza e todas as belezas naturais da região. Melhor ainda é encontrar tudo coberto pelo gelo, não acha?

10 lugares para ver neve no Brasil: Gramado

Então,  é verdade que neva em Gramado? 

Sim, de acordo com o histórico da cidade, a neve é um fenômeno raro, mas que tem se tornado mais comum nos últimos anos. Isso não significa que cai neve todos os dias. Na verdade, os flocos aparecem um ou dois dias a cada inverno e isso já é o suficiente para deixar a cidade ainda mais encantadora.

Então, é bom saber que o melhor período para ver neve em Gramado é entre julho e agosto, e que de 2010 a 2020, apenas os anos de 2014 e 2015 não tiveram registro de neve.

Para você ter uma ideia de como o fenômeno tem se tornado mais frequente, dê uma olhada nos dias em que foi registrada neve em Gramado.

  • 6 de julho de 2005
  • 1 de julho de 2009
  • 4 de agosto de 2010
  • 26 e 27 de junho de 2011
  • 4 de agosto de 2011
  • 25 de setembro de 2012
  • 23 de julho de 2013
  • 26 de agosto de 2013
  • 17 de julho de 2016
  • 21 de agosto de 2016
  • 17 de julho de 2017
  • 10 de agosto de 2018
  • 6 de julho de 2019
  • 20 de agosto de 2020
  • 28 de julho de 2021

Agora, quem sabe você não aproveita e monta um roteiro para percorrer as 10 cidades mas incríveis para ver neve no Brasil. Dá até para fazer um roteiro partindo de Gramado, que fica pertinho de Porto Alegre. Já pensou?

NEVE NA ESTRADA: DICAS PARA EVITAR ACIDENTES
É muito importante tomar alguns cuidados antes de sair pela estrada em busca de neve. Veja as dicas da Polícia Militar Rodoviária para ter uma viagem mais segura:

  • Certifique-se de que a manutenção do carro está em dia;
  • É preciso verificar a bateria, nível do óleo, freios, radiador, faróis e lanternas;
  • O sistema de ignição também precisa estar em ordem e a calibragem dos pneus deve ser verificada;
  • Também pode-se adicionar anticongelantes ao líquido dos radiadores;
  • Viaje já com um local de hospedagem garantido na Serra;
  • Evite dirigir à noite. Nesse período, há mais chance de congelamento da pista e há baixa visibilidade;
  • Reduza a velocidade em locais com acúmulo de gelo na pista;
  • Ligue os faróis e as lanternas para melhorar a visibilidade para os outros motoristas;
  • Caso haja neve, depois, quando for ligar o carro, limpe o excesso que estiver no teto, capô e vidros;
  • Antes de sair com o veículo, limpe os vidros embaçados para melhorar a visibilidade. Ligar o ar-condicionado pode ajudar.
  • Ao se deparar com pista escorregadia, não freie bruscamente;
  • Evite usar o veículo como local para dormir;
  • Obedeça a sinalização;
  • Observe as placas de sinalização que indicam possibilidade de gelo sobre a pista. Nestes locais, redobre a atenção.

Quais são as reais chances de ver neve no Brasil?

É importantíssimo lembrar que estamos falando de um fenômeno natural e que, portanto, não temos um controle absoluto sobre ele. É possível, sim, saber qual o período com mais chances de nevar, mas nunca o dia exato.

Em 2022, por exemplo, os registros de neve começaram no mês de maio, quando ainda é outono.

Também sabemos que quanto mais frio e mais úmido, maior a chance de nevar naquele lugar, mas, ainda assim, as possibilidades podem não se concretizar.

Então, tente se programar da melhor forma e torça para que a neve caia justamente nos dias de sua viagem. Depois, você volta me conta se deu certo.

RECOMENDAÇÕES DE VIAGEM - COVID-19

Devido à pandemia de covid-19, novas medidas de saúde e segurança foram adotadas. Elas são importantes para evitar o contágio, protegendo você, quem trabalha diretamente com o turismo e as comunidades locais.

Então, antes de viajar, verifique quais as medidas protetivas  estão sendo adotadas no seu destino. Alguns lugares exigem o comprovante de vacinação contra covid-19, o uso de máscara e até seguro viagem.

Veja algumas medidas adotadas:

  • Álcool gel disponível nos quartos e nas áreas comuns dos hotéis;
  • Uso obrigatório de máscaras nas áreas comuns;
  • Respeito às regras de distanciamento social;
  • Uso de produtos de limpeza eficazes contra o coronavírus;
  • Café da manhã pode ser servido no quarto;
  • Restrição de horários e de capacidade de público em museus e eventos.

Veja mais dicas importantes

Gostou das minhas dicas e sugestões? Se tiver alguma dúvida, deixe sua pergunta nos comentários que eu respondo. Se preferir, pode falar comigo no Instagram: @altiermoulin.