Onde ficar em Gramado: melhores bairros e preços

2

Atualizado em 20 de setembro de 2019

Se você ainda não decidiu onde ficar em Gramado, veja todas essas dicas. Elas vão esclarecer suas dúvidas sobre localização, preços e, claro, você vai saber quais as melhores opções de hospedagem da cidade.

A escolha de um bom lugar para ficar é muito importante para quem sonha em conhecer a Serra Gaúcha da melhor forma. Então, não ache que isso é perda de tempo.

→ Veja todas as opções de hospedagem de Gramado

Gramado é uma cidadezinha cheia de charme. Sem prédios altos – todos têm, no máximo, quatro andares – e quase tudo por aqui segue o estilo da arquitetura colonial alemã.

Aliás, a presença das culturas alemã e italiana são bem marcantes na cidade e isso se reflete nas festas, na comida, na religião e nos hábitos de quem vive aqui.

Gamado ou Canela?

É muito comum relacionar Gamado a Canela e vice-versa. Isso acontece porque, apesar de serem duas cidades independentes, elas são como irmãs siamesas que crescerem juntas.

Como tem mais atrações e mais estrutura turística,  Gramado é a preferida dos viajantes.  Isso também tem a ver com seu charme, como já falei, e pelo famoso título de Europa Brasileira.

Se por um lado essa beleza cênica ajuda a atrair gente do Brasil e do mundo inteiro, por outro, deixa as coisas um pouco artificiais: principalmente na área do Centro, Gramado perdeu bastante sua naturalidade.

O clima de cidadezinha do interior ainda persiste mais em Canela, mas as coisas estão mudando rapidamente e logo deve ser ainda menos percebido.

Onde ficar em Gramado: Cascata do Caracol

A boa notícia é que alguns bairros ficam exatamente no caminho entre Gramado e Canela: o legal é que você estará perto do Centro das duas cidades.

De qualquer forma,  você vai dar um pulo em Canela.  Nem que seja apenas para andar de teleférico e ver a Cascata do Caracol.

→ Veja todas as opções de hospedagem de Canela

Um detalhe muito importante – que você já deve saber – é que as agências que fazem os passeios em Gramado e em Canela buscam e levam você no hotel. A mesma coisa acontece com vários restaurantes que também têm serviço de traslado gratuito.

Isso pode lhe deixar mais à vontade para escolher um hotel em um bairro mais afastado.

Como chegar e se locomover

A maioria dos turistas que vêm para Gramado está com carro próprio ou aluga o veículo no aeroporto de Porto Alegre (POA). De fato, essa é a melhor opção para conhecer bem a região da Serra Gaúcha e não gastar muito dinheiro com táxi e Uber, que também funciona na cidade.

O transporte em Gramado e cidades vizinhas, como Três Coroas e Canela, é bem limitado. Além do Uber, você pode usar o BusTour, um ônibus que, ao comprar o passe, lhe deixa em diversos pontos turísticos de Gramado e de Canela.

Onde ficar em Gramado: melhores áreas

Gramado não é grande e, como você pode imaginar, as principais atividades estão no Centro. Então, se você vem curtir o Natal Luz ou quer apenas aproveitar seu clima de cidadezinha européia, esse é um bom lugar para se hospedar.

Mas, claro, existem outros bairros interessantes para ficar na cidade. Eles podem ser boas  opções para quem quer economizar  ou para quem chegou tarde e não encontrou um hotel no Centro.

Esses são os bairros que eu mais indico em Gramado:

O Centro concentra a maior estrutura de hospedagem, restaurantes, lojas e comércio em geral. Ele é ideal para quem procura praticidade e para quem quer  ficar no meio do agito.

O bairro Planalto é uma área mais tranquila e arborizada, mas bem próxima do Centro.

O Ipê Amarelo é bastante residencial e fica do lado de uma das principais atrações da cidade, o Lago Negro.

Onde ficar em Gramado: chocolate

No mapa abaixo, você encontra todas as opções de hospedagem de Gramado – especialmente as da área mais central. Você só precisa  clicar sobre os pins azuis  para ver mais detalhes de cada uma delas.

Há pousadas, hotéis, apartamentos e hostels. Então, tem opções para todos os estilos e com diferentes preços.



Booking.com

Eu sempre faço minhas reservas com o Booking.com, o site que mais confio. O processo é sempre muito fácil, as regras de cancelamento gratuito são flexíveis e quanto mais uso o site para fazer reservas, mais descontos ganho.

Agora, antes de decidir onde ficar em Gramado, você precisa saber o que tem em cada uma dessas áreas.

Centro

O Centro tem tudo que um turista precisa: acesso rápido a todas as áreas da cidade, serviços que sempre precisamos, como bancos e farmácias, e muitas opções de bares, restaurantes e mercados.

Sem falar, claro, nas atividades que são a cara da cidade: as deliciosas lojas de chocolate e a famosa Rua Coberta, por exemplo. Nessa região também ficam a Igreja São Pedro e o Palácio dos Festivais – onde acontece o famoso Festival de Cinema de Gramado.

Onde ficar em Gramado: centro

Ficar no Centro é garantia de estar perto da melhor parte da cidade, seja durante seus diversos eventos, seja quando você estiver querendo apenas curtir as férias, sem perder comodidade.

Com isso em mente, escolher onde ficar em Gramado já fica mais fácil, não acha?

Eu realmente acho o Centro a melhor escolha, porque, além disso tudo, você vai fazer muita coisa a pé. Inclusive, dá para chegar caminhando aos locais onde acontecem os espetáculos do Natal Luz, que movimenta a cidade a partir de outubro.

Onde ficar em Gramado: Rua Coberta

As melhores opções do Centro

A avenida Borges de Medeiros é a principal de Gramado e é exatamente em seus arredores que tudo acontece.

Então, você já pode imaginar que há muitas opções nessa área e que, quanto mais perto dessa avenida, mais altos os preços.

Nessa região, as melhores opções são Hotel Laghetto Stilo Centro, Hotel Laghetto Pedras Altas e a Pousada Belluno.

Para quem procura hostel, a melhor opção é o Eleganz Hostel & Suites.

LAGHETTO STILO CENTRO | HOTEL

Com uma localização excelente, não há como não gostar do Hotel Laghetto Stilo Centro. Novinho e super organizado, ele tem quartos muito confortáveis, uma área super legal com banheira de hidromassagem e sala de ginástica. O café da manhã é muito elogiado.

Onde ficar em Gramado:

O atendimento é sempre muito cordial e há estacionamento no hotel. A diária para duas pessoas custa, aproximadamente, R$ 650, mas realmente vale a pena. Antes de decidir onde ficar em Gramado, dê uma olhada nas fotos. Você vai gostar.

BELLUNO | POUSADA

A Pousada Belluno fica no Centro, pertinho da principal avenida. Os quartos são charmosos, aconchegantes, têm televisão, frigobar e aquecedor para os dias mais frios. O café da manhã está incluído na diária e é um ótimo jeito de começar o dia.

Onde ficar em Gramado:

Perto de diversos bares, restaurantes e lojas, você vai fazer muita coisa caminhando. O Lago Negro fica a pouco menos de dois quilômetros e a Igreja de São Pedro, a dez minutos de caminhada. A diária para casal custa cerca de R$ 400.

LAGHETTO PEDRAS ALTAS  | HOTEL

O Hotel Laghetto Pedras Altas é uma ótima opção para ficar no Centro de Gramado. Pertinho do Mini Mundo, os quartos são muito confortáveis, a piscina é perfeita para os dias mais quentes – sim, faz valor no verão – e o atendimento da recepção é ótimo.

Onde ficar em Gramado:

O café da manhã é super completo e o restaurante serve almoço e jantar.  Para quem tem pique, há bicicletas gratuitas disponíveis para explorar a cidade. O valor de uma diária para casal é R$ 480.

ELEGANS HOSTEL & SUITES | HOSTEL

O Eleganz Hostel & Suites é uma excelente opção de hostel de Gramado. O atendimento é muito elogiado, a limpeza está sempre em dia – tanto a dos quartos, quanto a dos banheiros – e o café da manhã é maravilho.

Onde ficar em Gramado: hostel

Perto do Centro e da rodoviária, é fácil se locomover para qualquer lugar: você consegue economizar com isso. Também há suítes perfeitas para quem quer mais privacidade. A diária e quarto compartilhado custa cerca de R$ 45.

Planalto

O Planalto é uma área nobre e considerado um dos bairros mais bonitos de Gramado.

Nele, ficam algumas das mais emblemáticas atrações da cidade, como o Lago Negro, que  eu acho imperdível  em qualquer visita à cidade. Tem ainda o Mini Mundo e a famosa estátua do Kikito, o prêmio oferecido aos vencedores do Festival de Cinema.

Onde ficar em Gramado: Lago Negro

Por ser um bairro muito arborizado e extremamente seguro, ele é bom para fazer caminhadas, praticar atividades físicas, tomar um chimarrão ao ar livre – hábito muito comum entre os gaúchos – e relaxar.

O Planalto é uma região bem residencial, perfeita para quem não quer ficar tão perto da agitação do Centro.

As melhores opções do Planalto

O Planalto é a melhor escolha, depois do Centro, porque está perto de tudo e é mais tranquilo.

Eu separei cinco opções muito boas nessa área para você escolher onde ficar em Gramado.

GRAMADO INTERLAKEN | HOTEL

A menos de 500 metros do Centro, o Hotel Gramado Interlaken tem decoração moderna e muito conforto. Os quartos têm internet sem fio, ar condicionado e televisão. Antes de começar o dia de passeios, aproveite o café da manhã, muito elogiado.

Onde ficar em Gramado:

A diária para duas pessoas custa aproximadamente R$ 530, mas os hóspedes consideram que vale o preço cobrado, considerando que Gramado é uma cidade turística cara.

REFÚGIO DA MONTANHA | HOTEL

O Hotel Refúgio da Montanha fica a 750 metros do Centro, o suficiente para ser, de fato, um refúgio. Aqui, você fica próximo da natureza, mas não abre mão do conforto e comodidade.

Onde ficar em Gramado:

Os quartos são modernos e aconchegantes ao mesmo tempo, todos com uma vista incrível. O café da manhã é extremamente elogiado. A diária para duas pessoas custa R$ 550.

ALPESTRE | HOTEL

Essa é uma opção de luxo para ficar em Gramado. O Hotel Alpestre tem uma enorme área verde, que serve de refúgio para quando a intenção é relaxar e curtir um pouco a natureza. Você ainda pode aproveitar a piscina coberta ou ao ar livre e também a quadra de tênis.

Onde ficar em Gramado:

Os quartos têm ar condicionado e sistema de aquecimento – muito importante – e todo conforto que você merece. Você pode alugar carros no próprio hotel, quem tem estacionamento privativo,. A diária custa mais ou menos R$ 650.

JARDIM SECRETO | POUSADA

A Pousada Jardim Secreto não tem esse nome por acaso. Ela é cheia de flores e com uma decoração muito charmosa, com detalhes e pequenos traços que deixam o lugar mágico. E o legal é que ela fica pertinho do Centro, a cerca de 800 metros.

Onde ficar em Gramado:

Os quartos têm televisão, internet, ar condicionado e são bem espaçosos. Alguns têm lareira para os dias mais frios. Uma boa dica é aproveitar o café da manhã com frutas silvestres, geleias e bolos de fabricação caseira. A diária para casal custa R$ 250.

BETÂNIA | POUSADA

A Pousada Betânia é uma boa opção para ficar em Gramado e, logo que você chegar, já será possível notar o cuidado com os detalhes e o aconchego que os ambientes transmitem: você pode relaxar no terraço ou no jardim.

A equipe do hotel organiza trilhas a pé e também dá para curtir muito o salão de jogos, com tênis de mesa e sinuca. A diária é mais barata, aproximadamente, R$ 170.

Ipê Amarelo

Do ladinho do Lago Negro, esse bairro é bem calmo e, basicamente, residencial, com bem menos opções de hospedagem que o Centro.

Rodeado por uma vegetação exuberante, essa área nobre tem lindos jardins e trânsito tranquilo, com pouca movimentação de carros.

Isso é perfeito para quem precisa  tirar uns dias de folga  longe da agitação das grandes cidades, mas, mesmo assim, ficar perto das boas opções da cidade.

Eu realmente gosto muito desse bairro, porque sinto que ele transmite a leveza que a Serra Gaúcha tem.

Onde ficar em Gramado: Lago Negro

As melhores opções do Ipê Amarelo

Como falei, esta é uma área residencial com bem menos opções de hospedagem que o Centro. Mas, é justamente por isso que ficar aqui é tão bom.

Eu separei três opções magníficas: o Hotel Estalagem St. Hubertus fica de frente para o Lago Negro e será a melhor escolha para você que quer ter uma viagem incrível.

O Apartamento Lago Negro e o El Refugio 700 são hospedagens domiciliares, ou seja, você aluga a casa de alguém por um tempo. Essa opção é excelente para quem viaja com grupos de amigos ou em família.

ESTALAGEM ST. HUBERTUS | HOTEL

Esse é, simplesmente, o melhor hotel de Gramado. Em meio às montanhas, o maravilhoso Hotel St. Hubertus fica de frente para o encantador Lago Negro, onde você pode fazer caminhadas com vistas deslumbrantes.

Funcionários simpáticos, comida maravilhosa, instalações bonitas e tudo funciona perfeitamente. Os quartos são aconchegantes e têm uma vista lista. A diária para duas pessoas custa cerca de R$ 630.

Onde ficar em Gramado: hotel

LAGO NEGRO | APARTAMENTO

Com capacidade para seis pessoas, esse apartamento fica pertinho do Mini Mundo e do Parque do Lago Negro. Então, apesar de não estar em cima da agitação do Centro, você está perto de tudo.

Muito organizado, limpo e com uma ótima localização, para conseguir uma vaga é preciso fazer a reserva com bastante antecedência. Uma diária custa R$ 660.

Onde ficar em Gramado

EL REFUGIO 700 | CASA 

Se quiser ter uma experiência diferente, se hospedar na casa de quem vivo em Gramado pode ser uma boa ideia. É que os proprietários dessa casa abrem suas portas para turistas do mundo inteiro e, certamente, a energia é bem diferente da de ficar em um hotel.

Onde ficar em Gramado

Há suítes privativas e quartos compartilhados, mas todos os hóspedes podem usar as áreas comuns da casa. O café da manhã é bem tradicional. O valor da diária para duas pessoas custa cerca de R$ 590.


Bairros mais afastados

Os bairros mais afastados e até mesmo as áreas rurais também podem ser excelentes escolhas para você que ainda não decidiu onde ficar em Gramado.

Longe do burburinho, essas opções são ideais para quem está de carro – ou terá transporte à disposição – e busca um momento de paz para ficar offline, embora o sinal de internet e de celular funcionem por aqui.

Veja essas opções mais afastadas do Centro e me diga o que acha.

VALLE DINCANTO | HOTEL

O Hotel Valle Dincanto é uma opção de hospedagem boutique, perfeito para quem não abre mão de muito estilo e conforto, mas prefere propriedades menores, com menos gente. O Centro está a pouco mais de um quilômetro daqui e você pode usar as bicicletas do hotel para explorar a região.

Onde ficar em Gramado: hotel

Os quartos são muito confortáveis e têm varada. Se vier no inverno, não deixe de curtir momentos perto da lareira ao ar livre e relaxar no jardim. O preço de uma diária para casal custa cerca de R$ 800.

BANGALÔS DA SERRA | HOTEL

Foi aqui que eu me hospedei durante meus dias em Gramado e tive uma experiência incrível. O Bangalôs da Serra fica a três quilômetros do centro, sendo a distância perfeita para curtir a natureza do hotel – e que natureza –, mas também aproveitar a cidade quando quiser. A diária para casal custa cerca de R$ 300.

Onde ficar em Gramado: Bangalôs da Serra

O hotel oferece estacionamento e, se você não estiver de carro, não se preocupe. Todos os dias um transporte leva os hóspedes ao centro, às 8h, 14h e 18h. Caso queira ir a outro horário será preciso pagar uma taxa. O Uber daqui até o centro fica em torno de R$ 8.

Onde ficar em Gramado: conclusão

Eu espero que, depois de ler tudo isso, você já tenha decidido onde ficar em Gramado.

A verdade é que não há grandes segredos, mas é bom saber como aproveitar melhor os seus dias e, com dicas simples, isso fica muito mais fácil.

Se esta é a sua primeira vez na cidade,  escolha o Centro sem medo de ser feliz. 

Ficando em uma área de circulação maior, você vai ter mais opções de entretenimento e, especialmente se estiver sozinho, mais contato com outros viajantes.

Os bairros mais residenciais e mais afastados podem ser ótimas escolhas para quem já está familiarizado com a cidade e para quem está de carro.

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou um jornalista que gosta de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Desde menino, meu desejo era viajar pelo mundo. Já adulto, descobri que isso não era apenas um sentimento, mas um propósito de vida.

2 Comentários

Escreva um comentário