O que ver e fazer em Varsóvia

6

Atualizado em 11 de maio de 2018

Você não vai demorar a perceber que a capital da Polônia é especial. Com uma arquitetura que une o moderno e o clássico, cheia de avenidas largas, praças, jardins e um sistema de transporte público bastante eficiente, a cidade tem muitos atrativos. Exatamente por isso, eu lhe ajudo com minhas dicas do que ver e fazer em Varsóvia.

Este roteiro foi feito em três dias, tempo mínimo para você visitar os principais pontos da cidade sem correria, aproveitando bem o seu dia. Ah, e, claro, aproveitando também a imperdível noite da cidade, como eu explico em: Conheça o melhor da noite de Varsóvia.

Antes de avançar, eu sugiro que você leia: Quanto custa viajar para Varsóvia, na Polônia e Viagem para a Polônia: informações essenciais. Nestes textos você encontra informações fundamentais para planejar uma viagem tranquila.

O que ver e fazer em Varsóvia

Gueto de Varsóvia | O Gueto de Varsóvia era um lugar nada agradável, onde judeus de toda a Polônia foram confinados durante o Holocausto. Cercado por muros de tijolos vermelhos, o espaço chegou a ter a maior concentração de judeus marginalizados de todo o período da Segunda Guerra Mundial. Em seu auge, quase 400 mil pessoas em condições precárias viviam amontoadas dentro de seus muros, em meio a doenças e uma sujeira sem fim.

Hoje, você pode visitar o que restou do Gueto e conhecer muitos outros pontos de memória que lembram esse trágico período histórico. Para saber mais, leia: A triste memória do Gueto de Varsóvia.

A triste memória do Gueto de Varsóvia

O que restou do Muro do Gueto virou um memorial.

A triste memória do Gueto de Varsóvia

O traçado original do Muro do Gueto.

Museus de Varsóvia | É provável que você não tenha tempo de visitar todos os museus da cidade. Então, vá por mim e inclua em sua lista do que fazer em Varsóvia uma visita a esses três: Museu Nacional de Varsóvia, Museu dos Judeus Poloneses e o Museu do Levante de Varsóvia.

Com coleções incrivelmente bem cuidadas, eles mostram um pouco da história e da arte polonesa ao longo dos séculos. Eu explico mais detalhes de cada um deles em: Os imperdíveis museus de Varsóvia.

Os imperdíveis museus de Varsóvia

A fachada do incrível Museu dos Judeus Poloneses.

Os imperdíveis museus de Varsóvia

Um dos ambientes que foram recriados dentro do Museu do Levante de Varsóvia.

Cidade Velha | O centro histórico de Varsóvia se concentra na Cidade Velha – Stare Miasto, em polonês. É aonde está o famoso Castelo de Varsóvia, construção que resiste há séculos. Aqui, também estão a Coluna Sigismundo, a Igreja de Santa Ana e muitos outros pontos interessantes, como eu explico em: Um passeio pela Cidade Velha de Varsóvia.

Uma coisa que você não pode deixar de fazer em Varsóvia é o passeio guiado por essa área. Há várias empresas que levam você para conhecer a Cidade Velha de Varsóvia. Veja aqui a lista, os preços e faça sua reserva. Há, ainda, a opção de fazer o Free Walking Tour que realmente é muito bom e você não paga nada.

Reserve já o seu hotel em Varsóvia e garanta os melhores preços.

Um passeio pela Cidade Velha de Varsóvia

A estátua do Rei Sigismundo.

Um passeio pela Cidade Velha de Varsóvia

O cenário típico da Cidade Velha de Varsóvia.

Palácio da Ciência | Esse belo prédio, que contrasta com a arquitetura da moderna Varsóvia, é o centro de muitas polêmicas. Construído durante o período comunista, como imposição do governo soviético, ele foi estabelecido muito mais como um marco do governo stalinista do que qualquer outra coisa.

Na incrível fachada do prédio está uma prova das controversas que essa faraônica obra causou: a escultura de um operário carregando um livro com os nomes de Marx, Engels e Lenin tinha ainda gravado o nome de Stalin. Porém, ele foi coberto com argamassa depois de inúmeros protestos.

Aqui, você pode visitar museus, assistir a concertos, peças de teatro e ainda subir até o ponto mais alto do prédio para ver a cidade de cima.

Os imperdíveis museus de Varsóvia

O contraste de estilos do Palácio da Cultura e Ciência.

Os imperdíveis museus de Varsóvia

A herança dos tempos comunistas se destaca na capital.

Margem do Rio Vístula | Caminhar pela bonita margem do maior rio da Polônia é um dos programas que você deve fazer em Varsóvia. Esqueça a correria, aquela coisa de querer conhecer tudo em um curto período de tempo e aprecie o sol se esconder com calma e tranquilidade.

Especialmente na primavera e no verão, quando os dias são longos e mais quentes, você também pode aproveitar para jantar nos restaurantes flutuantes que ficam ancorados na margem do rio ou nas barracas que funcionam por aqui.

Descubra o que ver e fazer em Varsóvia

Anoitecer sobre o Rio Vístula.

Culinária local | Um dos grandes baratos de viajar é experimentar a comida de cada lugar. Sabores e aromas fazem, também, parte de nossas memórias, e você jamais pode deixar a Polônia sem conhecer um pouco da culinária local.

bigos, por exemplo, é muito tradicional e considerado o principal prato do país, e tem ainda o pierogi que também é muito presente na mesa polonesa. Para saber mais, leia: Comidas da Polônia: o que comer e beber no país.

Comidas da Polônia: o que comer e beber no país

O bigos é um mexido de repolho com carne desfiada.

Comidas da Polônia: o que comer e beber no país

O pierogi é servido em porções fartas e dá para experimentar vários recheios.

Parque Łazienki | Essa é a maior área verde de Varsóvia e fica no centro da cidade. Uma das mais fantásticas atrações deste lugar é o Pałac Łazienkowski, um palacete construído no meio de um grande e charmoso lago.

Claro, aqui você vai encontrar muitas outras atrações, como um anfiteatro e belas praças ornadas com esculturas de artistas internacionais. Então, coloque um calçado confortável e venha sem pressa.

Descubra o que ver e fazer em Varsóvia

O palacete e a vista do lago.

Descubra o que ver e fazer em Varsóvia

Um dos muitos ambientes agradáveis do parque.

Memorial do Levante de Varsóvia | Em toda a cidade, vários pontos de memória lembram os mortos do movimento de resistência judeu, o Levante de Varsóvia. Uma visita ao Memorial do Levante de Varsóvia também vai lhe ajudar a entender melhor essa história. Você pode saber mais sobre esse e outros lugares relacionados à história dos judeus durante a Segunda Guerra Mundial em: Um passeio pela herança dos judeus de Varsóvia.

Um passeio pela herança dos judeus de Varsóvia

Detalhe do Memorial que fica na Stare Miasto.

Um passeio pela herança dos judeus de Varsóvia

O símbolo do Levante.

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou um jornalista que gosta de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Desde menino, meu desejo era viajar pelo mundo. Já adulto, descobri que isso não era apenas um sentimento, mas um propósito de vida.

6 Comentários

  1. Avatar

    No soy un gran fanático de las visitas turísticas, simplemente no es lo mío. Viajo con fines de entretenimiento, y eso es lo que obtengo visitando clubes nocturnos, es una forma perfecta de entretenimiento para mí. Recientemente tuve la oportunidad de visitar el club de New Orleans en Varsovia. He estado en muchos lugares de Europa e incluso muy lejos, pero debo admitir que este club se destacó entre otros y definitivamente está en mi lista principal en esto aspecto

  2. Avatar

    Mi viaje a Varsovia era bastante recientemente. Lo que más me gustó fue el casco antiguo, así como el Royal Baths Park. Esos son lugares muy climáticos, perfecto para una excursión de fin de semana. Encontré todo eso en el club de New Orleans, que nunca más podría abandonar ese lugar. Y no olvidemos que Polonia es un país que tiene las mujeres más bellas, buena comida y muchas buenas bebidas. Es difícil olvidar una noche en una gran compañía.

Escreva um comentário