Visto para o Egito: veja como solicitar antecipadamente e na chegada ao país

161

Atualizado em 2 de fevereiro de 2022

Como solicitar o visto para o Egito

Se você está pensando em visitar a terra dos faraós, já deve saber que brasileiros precisam de visto para o Egito.

Mas, a boa notícia é que o processo é simples e há a possibilidade de obter o visto na chegada ao país.

De acordo com informações do Consulado do Egito no Brasil,  o visto pode ser adquirido no Aeroporto do Cairo  ou nos postos de fronteira, se você estiver viajando por terra.

Mas, é preciso pagar uma taxa de USD 25.

A permanência máxima para turista brasileiro é de 30 dias, podendo ser renovada por mais 30 dias pelas autoridades de migração do Egito.

De qualquer forma, o prazo máximo para ficar no país como turista é 60 dias.

E seu eu for barrado?

São raros os casos de brasileiros impedidos de entrar no Egito.

Então, se você estiver com toda a documentação correta, a chance de você ser barrado na fronteira é mínima.

Basicamente, os ocorrências registradas com viajantes brasileiros estão relacionadas à suspeita de ligação com grupos extremistas locais.

De qualquer forma, se quiser  garantir o visto antes de chegar ao país,  você tem a opção de solicitar o visto para o Egito enquanto ainda estiver no Brasil.

Como solicitar o visto para o Egito

O pedido deve ser encaminhado diretamente à Embaixada da República Árabe do Egito no Brasil, em Brasília, ou ao Consulado Geral do Egito, no Rio de Janeiro, pessoalmente ou por intermédio de um despachante.

Mas, atenção: o procedimento é diferente para pedidos enviados à Embaixada e ao Consulado.

Consulado no Rio de Janeiro

O Consulado do Rio de Janeiro atende exclusivamente aos solicitantes dos estados do Sudeste e Sul do país, e o visto é liberado em até três dias úteis.

Além disso, o pagamento da taxa consular deve ser feito em espécie. Depósitos não serão aceitos para a emissão do documento.

Embaixada em Brasília

Já a Embaixada atende a todos os brasileiros e promete emitir o visto para o Egito em até uma semana.

É importante saber que, diferentemente do Consulado, a Embaixada não recebe dinheiro em espécie para emissão de vistos e postagem de passaportes.

O pagamento deve ser feito exclusivamente por meio de depósito, e o comprovante bancário do valor da taxa de visto deverá ser enviado junto com a documentação necessária.

Não serão aceitos comprovantes de entrega de envelope em caixa eletrônico ou de agendamento de pagamento pela internet.

Quem mora em outras cidades longe do Rio de Janeiro e de Brasília tem a opção de enviar a documentação por meio de serviço postal pré-pago de ida e volta ou utilizar o serviço de despachantes.

No caso de envio pelos correios, o solicitante deverá enviar também uma declaração isentando o consulado ou a embaixada por qualquer dano ao seu passaporte.

O modelo é fornecido pelo e-mail consuladodoegito@yahoo.com.

No caso dos envios postais, a Embaixada aceita apenas cheque administrativo e não se responsabiliza pelo envio de dinheiro. O cheque administrativo dever ser enviado dentro do envelope, juntamente com a documentação.

Os solicitantes que não moram em Brasília e que não tiverem contratado o serviço pré-pago para devolução da documentação deverão anexar um segundo cheque administrativo com o valor referente à devolução dos documentos. Informações complementares podem ser obtidas por e-mail.

Validade do visto

O visto concedido terá validade a partir da data de sua viagem, portanto ele pode ser solicitado a qualquer momento, pois o prazo só começa a contar a partir da data que você informar como prevista para a sua viagem.

Documentos necessários

Em todos os casos, os documentos necessários para solicitar o visto para o Egito são:

  1. Passaporte com validade mínima de seis meses a partir da data de entrada no país;
  2. Duas fotos coloridas, tamanho 3X4, coloridas e com fundo branco;
  3. Cópias das passagens aéreas;
  4. Cópia dos comprovantes de hospedagem;
  5. Formulário (fornecido pelo consulado ou pela embaixada) preenchido em português, com assinatura e data;
  6. Declaração de isenção de responsabilidade (somente para quem vai solicitar o visto via correios – o modelo é fornecido pelo consulado ou pela embaixada);
  7. Cópia do Certificado Internacional de Vacinação contra Febre Amarela;
  8. Pagamento da taxa de emissão do visto, conforme abaixo:

Visto de Turismo
Única entrada: R$ 160
Múltiplas entradas: R$ 220

Vacinas obrigatórias

Para solicitar o visto, você precisa  comprovar estar vacinado contra a febre amarela . Além disso, você deve ter atenção a um detalhe muito importante.

Se for passar por outros países da África, seja por uma conexão ou porque está fazendo um roteiro que passa por outros países, também pode ser necessário ter o  comprovante de vacinação contra a febre amarela .

É que as autoridades de alguns países, inclusive aqueles de trânsito, costumam exigir que vacinação contra febre amarela. Então, caso a sua chegada ao Egito seja por meio de conexão, é importante atentar a isso.

Certificado Internacional de Vacinação

O Certificado Internacional de Vacinação e Profilaxia (CIVP) é um documento que comprova a vacinação contra a febre amarela e outras doenças.

Para estar protegido contra febre amarela, o viajante deverá ser vacinado no mínimo dez dias antes de sua viagem.

A vacina é oferecida gratuitamente em qualquer posto de vacinação. Nos postos, você receberá o Cartão Nacional de Vacinação, válido em todo território nacional. Mas, para viajar para fora do Brasil, é preciso ter o CIVP.

Como solicitar o Certificado

Para solicitar o seu CIVP, o seu Cartão Nacional de Vacinação deve estar preenchido corretamente com:

  • Data da administração da vacina;
  • Lote da vacina;
  • Assinatura do profissional que realizou e identificação da unidade de saúde;

Veja mais informações em: Como solicitar o certificado de vacinação pela Internet.

Saiba mais sobre o visto para o Egito

Informações adicionais sobre o processo de solicitação do visto para o Egito podem ser obtidas na embaixada, em Brasília, pelo telefone (61) 3323-8800, ou no Consulado do Egito no Rio de Janeiro, pelos telefones (21) 2554-6664 e (21) 2554-6318.

Entretanto, a melhor maneira de obter informações é enviando um e-mail para consuladodoegito@yahoo.com.

Embaixada da República Árabe do Egito
SEN Avenida das Nações lote 12
CEP: 70.435-900 – Brasília / DF
Tel: (61) 3323-8800 / 4749
Fax: (61) 3323-1039
Escritório da Adidância Militar: (61) 3226-5630
E-mail: embegito@opengate.com.br
Expediente: segunda a sexta-feira das 9h às 15h

Onde ficar no Cairo

Os bairros mais indicados para ficar no Cairo, sem erro, são Zamalek, Downtown e Garden City.

Quando visitei a capital do Egito, eu fiquei na parte histórica da cidade, bem perto da Praça Tahir e do Museu Egípcio do Cairo.

→ Onde ficar no Cairo

Esta parte é onde o coração da cidade parece bater mais forte, mas é nela, também, que a confusão é maior. De qualquer forma, não há como conhecer o Cairo sem fazer parte disso tudo.

No Zamalek e no Garden City, regiões mais nobres à beira do Rio Nilo, estão os resorts famosos, ideais para quem pode e quer curtir a cidade com mais conforto.

Você também tem a opção de ficar em um hotel com vista para as pirâmides. Só que eles ficam bem longe do Centro do Cairo e isso pode exigir muitos deslocamentos. 

Então, para resumir, há três áreas principais para ficar no Cairo:

  1. No Centro, nos arredores da Praça Tahrir;
  2. Perto do Nilo, nos bairros mais modernos;
  3. Na área das pirâmides, em Guiza.

Na lista abaixo, você encontra excelentes opções nas áreas mais interessantes da cidade, inclusive na área das pirâmides.

THE SQUARE BOUTIQUE HOTEL

O The Square Boutique Hotel é uma das melhores opções do Centro Histórico do Cairo e ficar nele é uma experiência no mínimo curiosa. É que ele funciona no quarto andar de um edifício velho, que parece um cortiço.

Onde ficar no Cairo

Mas, apesar do aspecto “esquisito” por fora, o hotel é muito arrumadinho, tem quartos bem resolvidos, super limpos e práticos. Outros pontos de destaque são o ótimo custo-benefício e os funcionários, que são muito prestativos.

TAHRIR PLAZA SUITES

O Tahrir Plaza Suites – Museum View – tem uma localização excelente, próxima de pontos de ônibus, metrô e táxi e para chegar ao Museu Egípcio do Cairo é só atravessar a rua.

Onde ficar no Cairo

O café da manhã é bom e servido nos quartos. A equipe é sempre muito simpática e atenciosa e eles organizam tudo – passeios e traslados – para que você conheça o melhor do Cairo.

STEIGENBERGER HOTEL EL TAHRIR CAIRO

O Steigenberger Hotel El Tahrir Cairo é outro que fica no Centro, e é muito elogiado pela estrutura dos quartos – conforto das camas, dos ótimos travesseiros e do chuveiro delicioso – , pelo café da manhã excelente e pelos funcionários, muito competentes, gentis e atenciosos.

Onde ficar no Cairo

O restaurante serve pratos da culinária internacional a preços bem justos, então dá para comer sem medo de ser feliz. E ainda tem uma loja do Mc Donald’s e da FKC pertinho, dá para ir a pé. É um hotel com ótimo custo-benefício para quem não quer gastar muito e, mesmo assim, ter conforto e segurança.

THE NILE RITZ-CARLTON

O The Nile Ritz-Carlton é um clássico – e um clássico sempre será um clássico. Imponente, com uma vista soberba para o Rio Nilo e para o Centro da cidade, ele é uma das opções mais fantástica e completas do Cairo.

Onde ficar no Cairo

Quartos amplos, super limpos –  seguindo o padrão mundial da rede – áreas comuns bem cuidadas, atendimento profissional e luxo na medida certa. É um hotel para quem quer fazer da passagem pelo Cairo uma viagem inesquecível.

STEIGENBERGER PYRAMIDS CAIRO

Na categorias dos hotéis que têm vista para as Pirâmides, o Steigenberger Pyramids Cairo é um dos melhores. A piscina dá de cara para elas e a maioria dos quartos tem uma visão espetacular dessas maravilhas que nos encantam.

Os quartos são ótimos, a limpeza é criteriosa em todas as áreas do hotel e o atendimento é muito bom. A comida é gostosa, com muita variedade e, por isso tudo, vale o que cobra.

Onde ficar no Cairo

MARRIOTT MENA HOUSE

Carregando o nome de umas das maiores redes de hotel do mundo, o Marriott Mena House é sua melhor escolha na área das pirâmides. Eu acho que ele é o que tem a melhor estrutura e com uma vista realmente privilegiada.

Onde ficar no Cairo

Como você pode imaginar, tudo é de primeira. Dos lençóis às frutas do café da manhã, do sabonete do banheiro ao atendimento na recepção. É um hotel para contratar de olhos fechados, sem medo de se decepcionar.

Faixas de preços no Cairo

Agora que você já viu quais são as minhas sugestões para escolher onde ficar no Cairo, vamos dar uma olhada nos preços.

No mapa abaixo estão todas as opções de hospedagem da cidade e  você só precisa clicar nos pins azuis para ver os detalhes. 



Booking.com

INFORMAÇÕES BÁSICAS
Visto | Brasileiros precisam de visto, mas o pedido pode ser feito na chegada ao Egito.
Documentos | É necessário apresentar o passaporte e o seguro viagem é obrigatório.
Dinheiro| A moeda local é a libra egípcia (EGP). Você pode levar euros ou dólares e fazer o câmbio no país: veja como usar seu dinheiro no Egito.
Vacinas | A vacina contra covid-19 não é obrigatória (veja abaixo), mas é necessário estar vacinado contra febre amarela: veja como solicitar o certificado.

INFORMAÇÕES SOBRE COVID-19

De acordo com as informações da Autoridade de Turismo do Egito, antes de viajar para o país, você precisa estar preparado para apresentar os seguintes comprovantes:

  1. Seguro viagem com cobertura para covid-19, exigido para todos os viajantes, vacinados ou não – faça uma cotação do seguro viagem.
  2. Certificado de vacinação que tenha um QR Code válido – veja como solicitar o certificado internacional de vacinação contra covid;
  3. Resultado negativo do teste RT-PCR ou de antígeno (teste rápido) realizado no máximo 72 horas antes da partida do seu voo para o Egito – exigido de viajantes que não estiverem com o esquema vacinal completo;
  4. Formulário de declaração de saúde fornecido pela companhia aérea ou no aeroporto de chegada.

Testes de detecção de covid-19 estão disponíveis em nos aeroportos internacionais do Egito e custam, em média, USD 30, o RT-PCR.

As vacinas recebidas devem ser aprovadas pelo Organização Mundial da Saúde (OMS) e pela Autoridade de Medicamentos do Egito, e você deve ter recebido a segunda dose para vacinas que requerem duas doses (Moderna, AstraZeneca, Sputnik V, Sinovac e Sinopharm) ou a primeira dose para vacinas que requerem apenas uma dose (Johnson & Johnson e Sputnik light) pelo menos 14 dias antes de entrar no Egito.

Todos os viajantes estão sujeitos a exames de saúde na chegada, como verificações de temperatura e avaliação visual. Outros testes de saúde podem ser necessários para aqueles que apresentam sintomas gripais.

SEGURO VIAGEM

Devido à pandemia de covid-19,  o Egito tornou o seguro de viagem um requisito para todos os visitantes internacionais.  Sem ele, você poderá ser impedido de entrar no país.

Os dados da apólice do seguro viagem serão necessários para preencher o formulário de declaração de saúde, exigido para entrar no país.

Não há requisitos mínimos de cobertura para o seguro de viagem, exceto que a duração da cobertura seja equivalente ao período que você planeja ficar no país.

O custo de um seguro viagem é menor do que se costuma pensar e ele garante que você terá atendimento em casos comuns, como acidentes de trânsito, intoxicações alimentares, acidentes vasculares e infartos cardíacos, por exemplo.

→ Faça uma cotação do seguro viagem

Então, antes de embarcar, compre o seguro viagem, imprima o comprovante e tenho o número de emergência em local de fácil acesso.

Eu sempre uso a plataforma da Seguros Promo para comparar valores antes de fazer a compra. Eles têm um suporte muito eficiente e preços sempre muito bons.

Veja mais dicas do Egito

Ficou mas fácil planejar sua viagem? Se tiver alguma dúvida, é só deixar suas pergunta nos comentários que eu respondo.

Se preferir, pode falar comigo no Instagram: @altiermoulin. Agora, aproveite para ver outras dicas do Egito.