Quanto custa viajar para o Egito: entenda os preços e planeje sua viagem

104

Atualizado em 5 de julho de 2021

Quanto custa viajar para o Egito

Eu estou certo de que, em algum momento de sua vida, já passou por sua cabeça conhecer a terra dos faraós. Mas, você sabe quanto custa viajar para o Egito?

Mundo de segredos milenares e berço de uma das civilizações mais importantes do planeta, o Egito tem tesouros arqueológicos como o conjunto de pirâmides de Gizé, única das Sete Maravilhas do mundo antigo que ainda está de pé.

→ Dinheiro no Egito

No interior, os templos de Luxor e Abu Simbel são imperdíveis em qualquer roteiro, sem falar ainda das badaladas Sharm el-Sheikh e Alexandria.

No país, a principal porta de entrada é a capital, Cairo, com sua vida agitada, seu trânsito caótico e uma cultura para lá de fascinante.

Quanto custa viajar para o Egito

Hoje, anos depois da Primavera Árabe, a cidade ainda respira os ares de uma reconstrução lenta e desordenada. Mesmo assim, visitar o Cairo será uma experiência única.

Então, se você está planejando viajar para o Egito, essas informações são uma verdadeira mão na roda.

Quanto custa viajar para o Egito

Todos os custos essenciais para sua viagem estão detalhados para que você monte seu roteiro sabendo quanto deve gastar no Cairo.

DINHEIRO NO EGITO
A moeda do Egito é a libra egípcia, identificada pelas siglas EGP ou LE e pelo símbolo £, o mesmo da libra britânica. Cada libra equivale a 100 piastras, que são como os centavos no Brasil.

As notas são de 1, 5, 10, 20, 50, 100 e 200 libras. As moedas, de 5, 10, 20, 25 e 50 piastras e 1 libra. Quando estive no Egito, era muito difícil saber o valor de cada nota, já que todos dados estavam em árabe – inclusive os numerais. Atualmente, as moedas têm informações em árabe e inglês, o que facilitou muito a nossa vida.

Os preços locais estão identificados com a moeda do país, a libra egípcia, descrita pela sigla EGP.

TRANSPORTE

Como você sabe, um dos itens mais pesados para quem quer viajar para o Egito é a passagem aérea.

Avião

Em uma busca rápida encontrei passagens por cerca de USD 880, saindo do Aeroporto de Guarulhos (GRU) com destino ao Cairo. Infelizmente, as promoções para o Egito não são tão frequentes, então não há muito para onde correr.

O jeito é pagar caro ou usar aquelas milhas que estão aí mofando em sua conta.

Quanto custa viajar para o Egito

A principal companhia aérea do país é a Egyptian Air, que infelizmente não voa para o Brasil.

Quando estive no Egito, encontrei voos domésticos bem baratos comprando com antecedência. Então, se o seu tempo for curto, reserve uma grana a mais para voar de uma cidade para a outra.

Táxi e Uber

No Cairo, o meio de transporte mais rápido e eficiente é o táxi, mas é importante saber se o motorista fala outra língua que não seja o árabe. Uma boa opção é sempre solicitar um táxi no hotel.

Uma corrida do aeroporto até o Centro custa em torno de EGP 60. O mesmo preço é cobrado para uma viagem até as grandes pirâmides de Guiza. Se quiser calcular outras rotas, o site Taxi Fare Finder dá uma estimativa de custo bastante real.

O Uber também funciona no Cairo, mas as corridas são, normalmente, mais caras. A viagem do Centro ao Aeroporto sai por cerca de EGP 100.

Metrô

A capital do Egito é servida por três linhas de metrô que cobrem, atualmente, 77 quilômetros ligando o Cairo aos seus arredores. A linha 3, de cor verde, está sendo ampliada para chegar ao aeroporto.

Um tíquete avulso para até nove estações custa EGP 5. Você pode ver atualizações no site oficial do Metro do Cairo.

Ônibus

O Cairo tem um complexo sistema de ônibus e micro-ônibus que ligam a cidade de cabo a rabo. São diversas linhas com preços que variam de EGP 2 a EGP 5.

Usar o transporte público é relativamente seguro, já que o número de furtos e assaltos a turistas no país é baixíssimo.

Entretanto, qualquer turista que entrar em uma condução lotada por nativos será muito observado e encarado, algo semelhante ao que acontece nas ruas.

HOSPEDAGEM

A hospedagem é o segundo item que mais pesa no nosso orçamento de quem quer viajar para o Egito, e se você escolher o hotel errado essa conta pode ficar ainda maior.

Reservar um hotel que esteja mais perto das atrações que deseja visitar ou perto de uma estação de metrô, por exemplo, é ideal para economizar com transporte.

O Centro do Cairo ainda é uma região bastante procurada por turistas. Nele estão a Praça Tahrir e o Museu do Cairo.

Quanto custa viajar para o Egito

As famosas pirâmides ficam a poucos minutos de táxi. Nessa região, a tarifa dos hotéis varia entre USD 30 e USD 150, dependendo do tipo de acomodação.

Na Garden City, região à beira do Rio Nilo, estão os resorts famosos, ideais para quem pode e quer curtir a cidade com mais conforto. Dê uma olhada na lista de hotéis do Cairo, compare os preços e leia as avaliações. Depois de tirar suas dúvidas, faça a reserva.

ALIMENTAÇÃO

Comer no Cairo é uma aventura e tanto. Nem sempre os cardápios estão traduzidos para outros idiomas além do árabe, então decidir o que comer nessas horas é um pouco aflitivo.

Na região dos hotéis, é mais fácil encontrar lanchonetes e restaurantes com cardápio bilíngue.

Um café da manhã na cidade do Cairo varia entre EGP 10 e EGP 23. No almoço, você vai pagar entre EGP 20 e EGP 90. Na hora do jantar, os valores sobem para EGP 40 e EGP 120. Lembre-se que para esses preços considerei um perfil econômico, mais moderado, sem muitas extravagâncias.

Um Big Mac no Cairo custa EGP 16,93. Anote isso, pois um fast food poderá salvar sua vida no país.

PASSEIOS

Se você é um tipo de viajante mais independente, pode se dar bem e economizar algumas libras nos passeios, evitando comprar os pacotes vendidos por agências de turismo meio fajutas que veem no turista uma presa fácil.

Se não tiver outra escolha, negocie o preço e ele vai cair bastantes. Independentemente de sua escolha, jamais se esqueça que não dar gorjeta no Egito é um gesto de ofensa. Então, se alguém lhe prestou um serviço – seja ele qual for –, pague um pouco a mais.

A principal atração da região são as pirâmides de Gizé, como já falei, um táxi do Centro para cá custa algo em torno de EGP 60. A entrada na área das pirâmides custa EGP 160, e para visitar o interior da pirâmide maior você paga EGP 200.

Quanto custa viajar para o Egito

O passeio a cavalo pelas pirâmides custa EGP 250, para duas horas de cavalgada com guia, e uma volta rápida de camelo pode custar até EGP 450, por cerca de 30 minutos.

Uma visita ao Museu do Cairo custa EGP 200. Para fotografar – sem flash – é preciso pagar uma taxa de EGP 50. Se for fazer vídeos, é cobrada mais mais uma taxa de  EGP 300.

A entrada para o complexo de Saqqara, onde estão as primeiras tentativas de construir uma pirâmide, e para o complexo de Mênfis, área também reconhecida como Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco, custa EGP 180.

Se for seguir para o interior do país, uma viagem no trem turístico até Luxor custa USD 80, em cabine dupla, e USD 120, em cabine privativa. As duas opções incluem jantar e café da manhã.

Você pode consultar os detalhes no site da ERNST.

CRUZEIRO NO NILO

A grande maioria dos viajantes independentes que planeja sua própria viagem para o Egito se esbarra em uma questão: vale a pena fazer um cruzeiro no Rio Nilo?

Como você pode imaginar, esta é uma escolha que, de fato, depende do estilo de cada um, mas eu reuni algumas informações que podem ajudar na decisão. E o melhor é que você vai ver que é muito mais fácil fazer as reserva do que, talvez, você estivesse pensando.

É que, hoje, dá para fazer a reserva do cruzeiro como se fosse a de um hotel. A gente escolhe a data, a cabine e pronto. E ainda tem a possibilidade de cancelar sem pagar taxas extras. Não é uma maravilha?

A primeira coisa que você precisa saber sobre os navios é que eles seguem basicamente o mesmo padrão. Então, esqueça aquela ideia de navios enormes, com milhares de pessoas e infinitos ambientes e opções de entretenimento.

O grande ponto positivo de fazer um cruzeiro é ter a comodidade de ter tudo à disposição durante a viagem: cama boa, restaurante com várias opções, piscina e um certo sossego que algumas cidades não têm.

Outra coisa que é comum a todos os navios é que eles funcionam no sistema all inclusive. Isso significa que as refeições – café da manhã, almoço e jantar – e as bebidas estão incluídos no preço.

O roteiro mais conhecido é entre Luxor e Aswan e os pacotes são de três, quatro ou sete noites. Dependendo da cabine e do navio que escolher, você vai pagar entre R$ 2.900 e 16.000.

VISTO

Brasileiros podem solicitar o visto antes de viajar para o Egito ou no aeroporto, quando chegar ao país. As taxas para o visto variam e todo o processo eu explico com detalhes em: Como solicitar o visto para o Egito.

Quanto custa viajar para o Egito

Agora que você está com todas as informações necessárias e já sabe quanto custa viajar para o Egito, você pode planejar sua viagem e montar o seu orçamento.

Na tabela abaixo eu organizo os principais gastos, lembrando que a cotação da moeda egípcia é a da data de publicação deste post, e que os preços levaram em conta um estilo econômico de viagem, mas sem chances para perrengues.

Para consultar o câmbio atualizado, é só acessar a página do Banco Central.

 

EGP

REAL

HOSPEDAGEM
Hostel no Centro

USD 30

150

Hotel no Garden City

USD 150

750

ALIMENTAÇÃO
Café da manhã

10

3,20

Almoço

20

6,40

Jantar

40

12,50

TRANSPORTE
Táxi até o Centro

60

20

Tíquete de Metrô

5

1,60

Passagem de ônibus

5

1,60

ATRAÇÕES TURÍSTICAS
Pirâmides de Guiza

360

115

Museu do Cairo

200

65

Pirâmides de Saqqara e Mênfis

180

60

Viagem até Luxor

USD 80

400

Cruzeiro no Rio Nilo (Luxor-Aswan – 4 noites)

 entre R$ 2.900 e 5.000

INFORMAÇÕES BÁSICAS
Visto | Brasileiros precisam de visto, mas o pedido pode ser feito na chegada ao Egito.
Documentos | É necessário apresentar o passaporte e o seguro viagem.
Dinheiro| A moeda local é a libra egípcia (EGP), leve euros e veja como suar seu dinheiro no Egito.
Vacinas | É obrigatório estar vacinado contra febre amarela, veja como solicitar o certificado.

SEGURO VIAGEM

Nem todos os países têm um sistema de saúde público e gratuito. Na verdade, na maioria deles, viajantes estrangeiros não têm acesso a assistência médica gratuita. Por isso, é muito importante ter o seguro internacional de saúde – também chamado de seguro viagem –, mesmo que ele não seja obrigatório.

O custo de um seguro viagem é menor do que se costuma pensar e ele garante que você terá atendimento em casos de emergências médicas comuns, como acidentes de trânsito, intoxicações alimentares, acidentes vasculares e infartos cardíacos, por exemplo.

→ Faça uma cotação do seguro viagem

Você já imaginou quanto custa um tratamento médico para esses casos em outros países? Dependendo da gravidade, o atendimento pode custar milhares de dólares, podendo gerar sérias dificuldades financeiras para você e seus familiares para o resto da vida.

Então, antes de embarcar, compre o seguro viagem, imprima o comprovante e tenho o número de emergência em local de fácil acesso.

Eu sempre uso a plataforma da Seguros Promo para comparar valores antes de fazer a compra. Eles têm um suporte muito eficiente e preços sempre muito bons.

Veja mais dicas do Egito

Ficou mas fácil planejar sua viagem? Se tiver alguma dúvida, é só deixar suas pergunta nos comentários que eu respondo.

Se preferir, pode falar comigo no Instagram: @altiermoulin. Agora, aproveite para ver outras dicas do Egito.

SOBRE O AUTOR

Sou jornalista, capixaba e apaixonado pelo universo viajante. Sempre gostei de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Quando criança, sonhava em viajar pelo mundo e, já adulto, isso virou um propósito de vida.

104 Comentários

  1. Geraldo Tavares on

    Boa noite, a informação sobre visto ficou confuso no site , já que na chamada é dito que há necessidade de se tirar antes :
    “Brasileiros precisam solicitar o visto antes de viajar para o Egito. Antigamente isso podia ser feito na chegada ao aeroporto, mas as regras mudaram e você precisa fazer isso ainda no Brasil. ”

    MAS NO CORPO DO TEXTO , A INFORMAÇÃO É OUTRA :

    ” Mas, a boa notícia é que o processo é simples e há a possibilidade de obter o visto na chegada ao país.”
    Eu vi postagens de viajantes que viajaram no final de 2019 e podia ser tirado na chegada

    abs

    • Obrigado pelo alerta, Geraldo.

      A informação certa é: “Brasileiros podem solicitar o visto antes de viajar para o Egito ou no aeroporto, quando chegar ao país.”

      Um abraço.

          • Oi Altier…amei suas dicas…gostaria muito ir pro Egito…mas para o passeio ser completo seria interessante fazer o cruzeiro no Nilo…mas achei bem caro por 4 dias…mais as outras despesas e o voo..para 10 dias ficará mais de $10.000 para 1 pessoa só (que é meu caso que viajo sozinha). Obrigada pelas dicas…bem completas e claras… abraço Wilma

    • ola , sou guia de turismo no Egito , o visto voce pode tanto conseguir antes da viagem como tambem nos proprios aeroportos internacionais no Egito na hora de chegar

        • Lucia maria Amorim on

          Amei as informações do país.
          Meu sonho de consumo é conhecer esse pais maravilhoso com espiritualidade muito forte.
          Por se tratar de uma viajem internacional para mim? saira muito caro.
          Um dia com a permissao de Deus irei.
          Abracos lucia

          • Oi, Lucia.
            Os preços estão no texto justamente para que você possa fazer os cálculos e ver quanto gastaria em média.
            Amém!

        • Olá Altier!! Viajarei ao Egito com guia em outubro e suas informações sobre valores me ajudaram muito. Tenho dúvidas em relação a gorjetas, em média qual o valor dado de gorjeta? Ficarei 12 dias, em hotel com café da manhã e alguns passeios já inclusos no pacote do guia. Obrigada.

          • tambem gostaria de saber, quanto de gorjeta para o guia, o motorista do carro, no restaurante, etc

          • Oi, Claudia.
            Depende do serviço.
            De forma geral, o equivalente a um ou dois dólares “no mínimo”.
            Alguns serviços,como guias, esperam receber bem mais. Você pode dar entre 20 e 30 e eles ainda podem reclamar.
            Não importa o valor, geralmente eles reclamam. É da cultura deles negociar. Tem que ser firme.
            Um abraço.

  2. Bom dia meu nome José e moro em conselheiro Lafaiete minas gerais meu comentário e o seguinte conhecer o Egito não só pela beleza grandiosa mas sim pela fé o que Deus fez por no Egito ele nos libertou nós da mão do faraó da mão dos egípcios da escravidão que foi anos o ser humano tem que pensar assim o lugar e lindo eu concordo o Egito e lindo mas nunca esquecer de Deus e eu tenho a certeza absoluta que um dia eu conhecer lá em nome do senhor JESUS um abraco para vocês (31)980252834 meu contato

  3. Rafael Brazil Santos on

    Olá Altier!

    Vou com minha esposa para o Egito em março do ano que vem, e gostaria de saber se existem casas de cambio dentro do aeroporto do Cairo.
    Outra dúvida: Vamos passar por Cairo, Luxor e Aswan. É possível contratar um guia de turismo egípcio nessas cidades a partir do hotel onde nos hospedaremos? Ou seria melhor ir com alguém já pré- contratado? Conhece algum guia de confiança que possa nos ajudar?

    Agradecemos desde já!

    • Oi, Rafael.

      Sim, há lojas de câmbio no aeroporto.
      Você pode contratar nas cidades mesmo e sempre negocie o preço.
      Depois,lembre-se de da gorjeta, por que os egípcios exigem gorjeta para tudo: táxi, guias, restaurantes.

      Um abraço.

  4. Caro Altier!
    Seu blog é FANTÁSTICO!
    Obrigado por compartilhar informações tão maravilhosas.
    Sou louco para conhecer o Egito, mas tenho certos receios. Sobretudo porque minha fluência é inglês é mínima. Você acha que consigo sobreviver por lá assim mesmo?
    Pretendo viajar sozinho, em agosto ou outubro.
    Abraços

    • Oi, Josafá.

      Primeiro, obrigado pelos elogios. Meu objetivo é incentivar as pessoas a viajarem cada vez mais. 🙂
      Olha, o inglês faz falta mas posso lhe indicar um guia que fala português:

      Sherif El-naggar
      Whatsapp: +20 100 659 3490
      Email: [email protected]

      Espero que isso lhe ajude.

  5. Boa noite!
    Parabéns pelo seu blog, muito legal.
    Pretendo viajar para o Egito sozinha e lá vou encontrar amigos.
    Gostaria de saber se consigo me virar tranquilamente só com o inglês.
    O visto é fácil de conseguir?

  6. Olá Altier,
    Parabéns pelo blog, muita coisa interessante que esta sendo muito útil para minha suposta viagem/roteiro.
    Vamos ver se você poderá me ajudar:
    Estarei fazendo um Tour entre Roma/Grécia/Egito e Paris, a minha dúvida é a seguinte, estarei saindo do Egito com Destino a Paris, terei de passar no controle de imigração?? Será que pode ser tranquilo?? Fico só com isso na cabeça, se será necessário algum visto, ou algo do tipo, pois já que virei de um país não proveniente do continente europeu.
    Se puder me ajudar.
    Abraços!

    • Oi, Jefferson.

      Sim, independentemente do seu destino, você deve fazer a imigração.
      Eu também estava saindo do Egito e indo para Paris. Foi normal, tranquilo.
      Mesmo que você esteja vindo de um país não europeu, o que vale é o seu passaporte brasileiro. E brasileiros não precisam de visto para a França.

      Um abraço e boa viagem.

        • Oi, Paloma.

          Sim, dá.
          Você pode fazer um roteiro incluindo as principais cidades: Cairo e arredores, Luxor, Aswan e Abu Simbel.
          Aproveite também para visitar Alexandria e Sharm el Sheik.
          Você vai gostar.

          Um abraço.

  7. Olá eu gostaria de saber mais informações sobre o cruzeiro que vai pelo nilo, eu posso comprar minha passagem em algum site ou lá na hora? nao queria fechar pacote com agência de turismo pra fazer isso

  8. Já estive em Dubai e Istambul e conheço e respeito os costumes. Mas sempre me falam que o Egito é perigoso para mulheres desacompanhadas.
    Estou pensando em passar Natal e Ano Novo no Egito viajando por algumas cidades e tb fazer o cruzeiro no rio Nilo.
    Meu inglês é satisfatório, tipo sei pedir informações, fazer internação em hospital, alfândega, aeroportos, checkin em hotel …, já passei por todas estas situações.
    Existe mais alguma situação que eu deva ficar alerta para uma viagem desacompanhada!?

    • Oi, Leny.

      O simples fato de caminhar na rua sozinha pode ser constrangedor, porque os egípcios encaram mesmo. Ás vezes, pegam pelo braço e falam – em árabe – coisas que nem sabemos.
      Muitas vezes isso é sem maldade, porque até crianças se aproximam e pendem para tirar uma foto com os estrangeiros. Mas vai saber, ne?!
      Eu não indico que mulher viaje sozinha neste país, mas se quiser mesmo ir já tenha isso em mente.

      Um abraço.

      • Olá.
        É bom contratar um guia…sozinha só se souber muito bem o idioma.
        Fui em junho e foi tranquilo. Entretanto, é preciso ter muita atenção…informação e falar pouco, ou seja, manter-se reservada.
        E não sair a noite.

  9. Eu e meu marido iremos no dia 12/10. Achei os passeios da agência muito caros. Em 10 dias o gasto com passeios chega a 3000 dólares. Vc acha que realmente este valor procede? Achei um guia lá muito indicado e estou pensando em pagar o guia e nos mesmos adquirirmos os ingressos lá? O que acha?

  10. Boa noite Altier,
    sera que e facil conseguir guias que falam português lá?
    vi uma agencia que oferece o serviço, que ja vem incluido no hotel, seria melhor procurar esse tipo de serviço lá?

    • Oi, Marcia.

      Para mulheres que visitam o Egito, o mais importante é cobrir os joelhos e os ombros. Claro, não mostrar a barriguinha também é uma regra. O véu não é obrigatório.
      Pode ter certeza que em Dubai as restrições são bem maiores. 😉

      Um abraço.

  11. Olá! Meu nome é Mirelli e moro em SC. Meu sonho é conhecer o Egito. Planejo todos os anos e por causa da falta de Cia acabo desistindo por receio de ter d ir sozinha!. As grandes agências são caras demais. Abraço

  12. Margareth Pellizzari on

    Olá. Estou lendo tudo que é possível na Internet sobre o Egito. Meu sonho desde criança e acho que vou conseguir realizar no início de 2017.
    Como é a chegada ao aeroporto do Cairo? É possível fazer o visto lá mesmo na hora da chegada? O que eles perguntam? Eles perguntam se temos uma quantia em dinheiro vivo como garantia para permanência no país por alguns dias? Pedem referências como nome e telefone de amigos egípcios?
    Agradeço e parabenizo a tua página e a grande ajuda que você presta aos marinheiros de primeira viagem.
    Abraços.

  13. Gostei muito e gostaria de saber mais em tempo atual, qual o melhor caminho a ser tomar, para um passeio curto com um único objetivo ver a piramide de Guiza. Quem não usa o inglês se contrata guia é caro?

  14. Lucas Santa Clara on

    Olá, Eu tenho 20 anos e pretendo viajar sozinho, tenho um inglês mt básico, mas sou mt bom em relações com pessoas, interagir e tals, será q posso me dá bem nessa viagem solo ? Qual sua opinião. Agradeço desde já.

  15. Boa noite, gostei demais das suas dicas! Estou querendo ir muito no Egito ano que vem, mas vou só! Vi no post acima que mulheres desacompanhadas podem passar por apuros… Quais seriam? Pretendo ficar no Cairo 4 dias e depois fazer o Cruzeiro pelo Nilo para conhecer outros lugares! Abraço

  16. Olá Altier!
    Primeiramente Parabéns as dicas são sensacionais!
    Minha preocupação é com a segurança, como vc avalia que estão as coisas para os turistas no Egito atualmente, pretendo ir em outubro desse ano!
    Até pensei em ir com a Ethiopian airlines além de ser barata não passa pelo mediterrâneo evitando assim a Síria e o EI.
    Obrigado!

    • Oi Miguel,

      De forma geral, toda essa região vive sob um clima de suspense. No Egito, o exército ainda ocupa algumas áreas e há conflitos isolados. Geralmente, locais turísticos são mais policiados e mais seguros. Infelizmente, algumas áreas só podem ser visitadas em comboio. Apesar disso, sempre será bom visitar essa terra.

      Um abraço.

  17. Adorei seu blog, e esta me ajudando muito, pois vou agora em maio pra la.
    Quantos dias voce acha que seriam ideais para fazer Cairo e Luxor?? Turismo basicao, pois meu foco mesmo vai ser a Turquia.

    • Oi Junior,

      Dois ou três dias em cada cidade dá pra conhecer o básico, como você diz: pirâmides e principais templos estarão garantidos.

      Um abraço.

    • Olá, Altier!

      Pretendo ir ao Egito agora em junho e vou ficar na casa de um conhecido meu de lá no Cairo. Esta é minha primeira viagem pra fora do Brasil. Quanto em dinheiro você acha o ideal para eu levar e por qual moeda eu devo trocar o real?

      Aguardo sua orientação.

      Obrigado!

      • Oi Maria Salete,

        Você deve levar dólares e lá trocar pela moeda local, a libra egípcia. Infelizmente não sei dizer o quanto de dinheiro você deve levar, porque isso varia muito de pessoa pra pessoa.

        De qualquer forma, você deve se informar muito antes de ir, pois mulheres desacompanhadas podem passar por apuros no Egito.

        Um abraço e boa viagem!

Escreva um comentário