Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

10

Atualizado em 9 de julho de 2018

Se você está querendo fazer uma viagem incrível pelo Brasil, eu sugiro conhecer a Rota das Emoções, o roteiro que eu considero o mais lindo do Nordeste. Ele reúne três áreas de exuberante beleza natural em três diferentes estados: Jericoacoara, no Ceará; Delta do Parnaíba, no Piauí; e Lençóis Maranhenses, no Maranhão.

Você vai precisar de, no mínimo, oito dias inteiros para percorrer a Rota das Emoções, mas eu não sugiro fazer em menos de dez dias. É que esse lugar exige uma viagem menos corrida, desfrutando das praias, da paz que as paisagens transmitem e da tranquilidade das cidadezinhas que encontramos no caminho – como Chaval, Barra Grande e Caburé, que merecem sua atenção.

Antes de prosseguir, eu quero dizer que, em alguns trechos da viagem, você vai precisar de um veículo 4×4. Além disso, carros particulares não podem entrar em algumas áreas – como no centrinho de Jericoacoara e no Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses.

Então, a melhor opção é contratar uma empresa para lhe levar a todos esses lugares sem preocupação. Eu indico a Jeri Off Road, a Ecoadventure, a Rota Combo e outras que vou detalhar nos próximos textos.

Por onde começar?

Sua viagem pode começar por São Luís, a capital do Maranhão, e seguir até Barreirinhas, que fica a cerca de quatro horas de carro. Ela é a principal cidade para quem vai começar essa jornada a partir do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses.

Você também pode dar início à viagem pela Rota das Emoções por Jericoacoara e terminar nos Lençóis Maranhenses. Não há certo ou errado nesse roteiro, porque é uma questão de gosto e de oportunidade: de forma geral, as passagens para São Luís são mais baratas do que para Jericoacoara.

Por falar nisso, eu fiz a viagem começando por Jericocoara, e percorri mais de 500 quilômetros de estrada, fazendo paradas em 14 cidades.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

Você pode começar sua viagem por Jericoacoara, como eu fiz.

Você não pode perder

É muito difícil dizer tudo o que você tem para fazer na Rota das Emoções, mas há alguns passeios que eu recomendo demais. Eu fiz todos eles e, olhando as fotos, você pode ter uma ideia do que lhe espera.

Em Jericoacoara, contrate um passeio de bugre para visitar a Pedra Furada, a Árvore da Preguiça e as lagoas de água cristalina, como a Lagoa Paraíso, onde você pode tirar a clássica foto deitado em uma rede dentro d’água. Eu indico a Cooperativa de Bugueiros.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

O passeio de bugre em Jericoacoara.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

A famosa Árvore da Preguiça.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

A Pedra Furada é o cartão-postal de Jericoacoara. Foto: Sérgio Neto.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

Quem não quer garantir uma foto na Lagoa Paraíso? Foto: Sérgio Neto.

Em Chaval, a última cidade do Ceará antes de chegar ao Piauí, eu fiz a Trilha da Carnaúba, que fica dentro do Parque das Pedras. Se você gosta de caminhadas e de paisagens diferentes das que costumamos ver nas redes sociais, não perca essa oportunidade. Quem faz este passeio é a Chaval Tour.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

Em Chaval, cidade que é cercada por pedras, eu fiz uma trilha muito interessante.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

No final da Trilha da Carnaúba, a gente ainda tem um visual incrível.

Em Barra Grande, relaxe. Esse vilarejo pé na areia tem uma vibe que nos convida a esquecer do relógio e a desfrutar de cada instante – por isso eu falei que esta não é uma viagem para fazer com pressa. Aqui, arrisque umas aulas de kitesurfe e não perca o pôr do sol.

Em Ilha Grande, que fica ao lado de Parnaíba, faça o passeio de lancha para conhecer uma das fozes do rio Parnaíba – são cinco no total – e ver a revoada dos guarás no fim do dia. Ah! Fique esperto, porque somente com o passeio de lancha você vê este espetáculo. Eu sugiro contratar a empresa Clip Ecoturismo, que me levou para o passeio.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

O passeio de lancha pelo Delta do Parnaíba é imperdível.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

Todos os dias, milhares de guarás voltam para dormir na mesma ilha.

Também faça uma parada para apreciar o trabalho lindo das rendeiras de bilro, em Ilha Grande, e não prossiga sem fazer outras duas paradas: na Árvore Penteada, que fica em Luís Correia, e na Lagoa do Portinho, em Parnaíba. Vai por mim, que vale a pena!

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

A Lagoa do Portinho merece uma parada, nem que seja para ter tirar uma foto.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

Outra parada necessária é na Árvore Penteada, que fica em Luís Correia.

No Maranhão, a minha viagem começou por Tutóia, onde você jamais deve deixar de fazer o passeio pelas dunas, passando pelas praias do Arpoador e do Amor. Eu indico a Awantte Ecoturismo e Aventura e a Baluarte Pousada e Ecoturismo, que também organiza passeios por aqui.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

O passeio pelas dunas de Tutóia é um dos que a gente só faz de 4×4.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

E o visual é exatamente aquele que a gente busca na natureza.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

O passeio termina na Praia do Amor.

Seguindo viagem, outra coisa que você não pode deixar de fazer é o passeio de barco pelo rio Preguiças para visitar o povoado de Caburé e fazer uma parada em Vassouras, onde você vê o que eles chamam de Pequenos Lençóis. Quem faz esse passeio é a São Paulo Ecoturismo.

Na segunda vez que estive nos Lençóis, eu experimentei um passeio novo: ver o nascer do sol nas dunas. Para isso, precisei acordar às 2h30, mas eu posso lhe garantir que valeu muito a pena. Encontrar o parque vazio foi um privilégio gigantesco. Quem nos levou para este passeio foi a Caetés Expedições.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

Desta vez, eu vi o nascer do sol dentro do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

Com o dia claro, as dunas ganham mais cor e as lagoas ficam incrivelmente radiantes.

Eu tive a sorte de encontrar as lagoas assim.

Onde ficar em cada cidade

Em todo o roteiro, você vai encontrar muitas opções de hospedagem: desde pousadas caras e bem requisitas até aquele tipo de hotel simplesinho. A sua escolha vai depender, claro, do quanto quer gastar e do seu gosto pessoal.

Em Jericoacoara, eu fiquei na Pousada Vila Kalango, que tem quartos – que eles chamam de palafitas – muito agradáveis. Sem falar no atendimento que é insuperável. Em Barra Grande, eu me hospedei na Pousada Titas. Sabe aquele lugar que transmite uma sensação boa, de estar em casa? Foi exatamente assim.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

O meu quarto na Pousada Titas, em Barra Grande.

Em Parnaíba, eu passei uma noite muito agradável na pousada Casa de Santo Antônio, que funciona num casarão decorado com extremo bom gosto: essa é a parte da viagem que você pode ter ótimas regalias. Aqui, aproveite para experimentar os deliciosos e criativos pratos do chef Chiericatti.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

A piscina da Pousada Casa de Santo Antônio, em Parnaíba.

Em Barreirinhas, dessa vez, eu me hospedei na Pousada Murici, que tem uma praia particular no rio Preguiças: isto é um ponto positivo. Na primeira vez que estive nos Lençóis, eu fiquei no hotel Pousada do Buriti, que fica mais perto do centrinho da cidade.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

Que tal ter uma praia de rio só para você?

Em São Luís, eu fiquei no Hotel Abbeville. Ele é um basicão, ideal para quem só quer passar uma noite e seguir viagem. Porém, eu sinceramente indico que você aproveite seus dias para conhecer melhor a capital maranhense, como eu mostro em: O Centro Histórico de São Luís.

Onde comer na Rota das Emoções

Comida boa não vai faltar na sua mesa em qualquer parte da Rota das Emoções. E, novamente, seria impossível dizer tudo o que gostei – sim, eu comi demais.

Agora, você quer saber de uma coisa? Comer por aqui não é tão caro quanto você pode estar pensando: eu achei pratos executivos em Jericoacoara por R$ 25. Basta saber procurar.

Aqui, experimente o camarão no abacaxi do Restaurante Dona Amélia e saboreie um peixe fruto no Restaurante Lagoon, que fica na Lagoa Paraíso. Em Barra Grande, almoce no restaurante da Pousada BGK e – por favor – jante no Restaurante Manga Rosa.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

O delicioso almoço da Pousada BGK.

Durante o passeio do Delta do Parnaíba, o barco fez uma parada para almoço no Restaurante Casa de Caboclo, onde comi uma moqueca de frutos do mangue. Já conhece? Foi uma das melhores refeições dessa viagem.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

Já comeu moqueca de frutos do mangue? No Restaurante Casa do Caboclo tem.

Eu já dei algumas dicas de onde comer em Barreirinhas, mas dessa vez eu conheci o Restaurante Bambaê e gostei demais do cardápio. O ambiente é muito agradável e a música ao vivo é uma ótima pedida para o fim da viagem.

Quando é melhor ir

Essa viagem pela Rota das Emoções pode ser feita durante todo o ano, mas para ver toda sua exuberância, o ideal é ir de maio a setembro, depois da estação chuvosa. A melhor época, entretanto, é entre junho e agosto, quando as lagoas estão bem cheias, como eu mostro em: Quando ir aos Lençóis Maranhenses.

No fim do ano, especialmente entre o Natal e o Ano Novo, algumas cidades como Jericoacoara ficam entupidas de turistas e tudo fica mais caro – a gente já sabe disso, né?

De julho a dezembro, como o vento fica mais intenso, muitos praticantes de kitesurfe do mundo todo chegam por aqui – especialmente em Jericoacoara e em Barra Grande.

No mês de junho, o Nordeste fica em festa para comemorar o São João. Embora eu não tenha visto muitas manifestações nas cidades menores, em São Luís, a festa do bumba meu boi é algo que vale a pena.

Quanto custa a viagem

É difícil dizer o valor exato de uma viagem como esta, mas a estimativa é que você gaste, no mínimo, R$ 3.000. Claro que esse valor pode variar dependendo da hospedagem que escolher, dos passeios que fizer e por aí vai. Neste valor, não estão inclusos os gastos com passagem aérea.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

Em vários trechos da Rota das Emoções, você vai precisar de um 4×4.

Rota das Emoções: o roteiro mais lindo do Nordeste

De forma geral, as estradas são boas, mas as rodovias do Piauí estão melhores.

Minha viagem teve o patrocínio do Sebrae.

CONPARTILHE COM SEUS AMIGOS

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou um jornalista que gosta de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Desde menino, meu desejo era viajar pelo mundo. Já adulto, descobri que isso não era apenas um sentimento, mas um propósito de vida.

10 Comentários

  1. Olá Altier,
    Fiz essa viagem há quase 20 anos e fiquei apaixonado – principalmente pelos Lençóis Maranhenses. Ainda ninguém lhe chamava Rota das Emoções, mas ficou para sempre guardada no meu coração. Grande abraço desde Portugal e continuação de boas viagens.

    • Altier Moulin

      Oi, Felipe.

      Que massa, cara.
      Eu já tinha ido aos Lençóis e fiquei realmente apaixonado. Agora, fiz o roteiro completo e achei demais.
      Imagino que há 20 anos as coisas eram bem mais rústicas e mais ‘naturais’, do jeito que gosto.

      Um abraço.

  2. Marcia Godinho on

    Altier, simplesmente fantástica esta cobertura, fotos lindas. Me emocionou, como diz o nome da Rota das Emoções. abraço e valeu!

Escreva um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.