Quando ir à Chapada das Mesas: veja a melhor época para sua viagem

5

Atualizado em 2 de agosto de 2020

Escolher quando ir à Chapada das Mesas é essencial para que você aproveite ao máximo a sua viagem. É que, se por azar, ela coincidir com o período chuvoso, pode ser que você não consiga ver todos os atrativos do Parque.

Eu vou explicar isso melhor.

O Parque Nacional Chapada das Mesas fica no sul do Maranhão, já na divisa com o Tocantins. Nesta imensa área que protege quase 160 mil hectares do Cerrado brasileiro, as atrações são infinitas e isso inclui muitas trilhas.

Só que, se o tempo estiver fechado, com risco de chover – principalmente com raios – , algumas trilhas são suspensas, como a de subida ao Morro do Chapéu, o mais emblemático da Chapada das Mesas.

E, claro, você não quer que isso acontece durante sua viagem.

Mas, não é apenas isso.

Além de ter um visual espetacular – a Chapada das Mesas tem um relevo impressionante, com montes de cumes achatados -, existem centenas de cachoeiras que correm dos rios cristalinos dessa região.

Para você ter uma ideia, somente em Carolina, a cidade base para quem quer visitar a Chapada das Mesas,  são 89 cachoeiras e mais de 400 nascentes.  Isso rendeu à cidade o apelido de Paraíso das Águas.

Só que para pegar a água mais limpinha o ideal é evitar a estação chuvosa, quando as cachoeiras ficam mais cheias e mais turvas.

Quando ir à Chapada das Mesas

Na região da Chapada das Mesas, há duas estações bem diferentes, mas o calor se mantém o ano inteiro – até no inverno.

A temperatura sempre varia entre 21 e 36 graus e raramente desce abaixo dos 19 graus ou vai além dos 39 graus.

O mais importante, então, é saber que  são apenas duas estações:  chuvosa e seca.

A melhor forma de diferenciar uma da outra é mesmo a quantidade de chuva, já que, como falei, o calor reina o ano inteiro.

Verão: estação seca

A estação seca vai de maio a setembro e é considerada a  melhor época para ir à Chapada das Mesas . Neste período, a chuva quase não aparece e, por isso, mergulhar nas cachoeiras fica mais fácil e agradável: com o céu azul complementando a paisagem.

Junho, julho e agosto são os melhores meses. Se possível, tente ir à Chapada das Mesas em julho, o mês com menor chance de chover.

Além disso, na primeira semana do mês, acontecem as comemorações do aniversário de Carolina e as festividades tomam conta desta pequena cidade. São muitas festas folclóricas e representações clássicas da cultura maranhense.

Inverno: estação chuvosa

A estação chuvosa vai de outubro a abril e ir à Chapada das Mesas neste período pode ser puro estresse.

Porque, além da chuva atrapalhar os passeios – especialmente se tiver raios –, é preciso dirigir em estradas de terra e caminhar por trilhas que, depois de muita chuva, podem ficar alagadas e perigosas.

Os três primeiros meses do ano – janeiro, fevereiro e março – são os piores para viajar para a Chapada, porque chove bastante.

Informações Básicas
Quando ir | O melhor período para visitar a Chapada das Mesas é a estação seca, que vai de maio a setembro. Quando ir a Chapada das Mesas.
Como chegar | Você pode partir de Imperatriz, no Maranhão, ou de Araguaína, no Tocantins. Como chegar à Chapada das Mesas. 
Onde ficar | Carolina, no sul do Maranhão, é a cidade base para conhecer a Chapada das Mesas.  Onde se hospedar na Chapada das Mesas
Onde comer | A culinária da região tem aquele gostinho caseiro, perfeito para repor nossas energias. Onde comer na Chapada das Mesas.

Veja mais sobre a Chapada das Mesas

Ficou mais fácil planejar quando ir à Chapada das Mesas? Se ainda tiver alguma dúvida, deixe sua pergunta nos comentários que eu respondo. Aproveite para ler outros posts da Chapada das Mesas.

Com informações de Weather Spark

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou um viajante apaixonado pelas coisas desse mundo. Um jornalista que adora contar boas histórias e compartilhar informações de viagem. Meu propósito de vida é ajudar outras pessoas a conhecerem lugares novos e a viverem experiências inesquecíveis.

5 Comentários

  1. Avatar

    Olá Glauston, sou de Carolina, moro em Goiânia. Em julho fica realmente mais cheio, mas durante a semana os locais mais conhecidos estão mais acessíveis, menos cheios, é possível conhecer. Fora os locais mais conhecidos, tem muitos menos famosos que são excelentes opções.

    abc

  2. Avatar

    Oi Altier,

    Ótimo post.

    Eu gostaria de saber se em julho, por ser época de férias escolares, a Chapada das Mesas não fica muito cheia.

    Obrigado.

Escreva um comentário