Como chegar à Chapada das Mesas, no Maranhão: veja todas as suas opções

44

Atualizado em 2 de agosto de 2020

Você tem várias opções para escolher como chegar à Chapada das Mesas: de avião, de carro, de ônibus, de van ou com o serviço particular de uma boa agência. A decisão vai depender do tempo que você tem e, claro, do tanto que pode gastar.

O mais importante é saber que você precisa chegar a Carolina, a cidade base para os passeios no Parque Nacional da Chapada das Mesas e nas cidades vizinhas, como Riachão, onde estão atrações imperdíveis, como a Cachoeira de Santa Bárbara, o Poço Azul e o Encanto Azul.

Carolina fica a 800 quilômetros de São Luís, no sul do Maranhão.

Sim, é bem longe da capital e, por isso, é bom planejar com antecedência como chegar à Chapada das Mesas.

Você também pode começar sua viagem por Imperatriz, a segunda cidade mais importante do Maranhão, ou por Araguaína, no Tocantins. A capital mais próxima é Palmas, a 500 quilômetros

Eu explico detalhadamente o que você precisa fazer a partir de agora.

Como chegar à Chapada das Mesas

De avião

O Aeroporto Regional de Araguaína (AUX) é o mais próximo da Chapada das Mesas. Ele fica em Araguaína, no Tocantis, a 119 quilômetros de Carolina.

Outra boa opção é voar para o Aeroporto Prefeito Renato Moreira (IMP), na cidade de Imperatriz, no Maranhão, a 222 quilômetros.

A cidade de Carolina até tem um aeroporto, mas, infelizmente não há voos regulares.

Se optar por voar até Imperatriz ou Araguaína, dá para seguir viagem de ônibus ou de van, na opção mais barata, de carro, alugando um veículo 4×4, ou com o traslado de uma agência.

De carro

Partindo de São Luís, a viagem é longa: são no mínimo 15 horas e as estradas nem sempre serão as melhores.

Se estiver com tempo, dá para fazer paradas pelo caminho e, assim, a viagem fica menos cansativa.

Mas, antes, vale a pena comparar os preços, porque o que você vai pagar pelo trecho aéreo de São Luis a Imperatriz – por exemplo – pode ser mais vantajoso se você colocar na ponta do lápis o tempo que vai precisar e o dinheiro que vai gastar com combustível e aluguel do veículo.

Portanto, uma boa opção é voar até Imperatriz, onde você pode alugar um carro e seguir viagem.

A estrada de Imperatriz a Carolina está bem cuidada e a viagem dura pouco mais de três horas.

Outra opção é aproveitar para fazer o trajeto que se convencionou chamar Rota das Emoções.

Ele inclui três áreas de incrível beleza natural: os Lençóis Maranhenses, também no Maranhão, o Delta do Parnaíba, no Piauí, e Jericoacoara, no Ceará.

Quem vai viajar de carro precisa saber que, na maioria das vezes, para chegar aos atrativos da Chapada das Mesas será necessário um veículo 4×4.

Em alguns lugares, como na Cachoeira de São Romão e da Prata, a companhia de um guia local é essencial, porque não há placas indicando o caminho.

De ônibus

A JR 4000 é a única empresa que faz o trajeto de Imperatriz a Carolina. Há saídas diárias e a viagem dura cerca de três horas e meia.

A passagem custa em torno de R$ 40 e o veículo faz algumas paradas para deixar e pegar passageiros.

Como chegar à Chapada das Mesas

Eu viajei com a JR 4000 fazendo o caminho inverso, de Carolina para Imperatriz. O ônibus não era muito novo e o ar-condicionado estava com defeito.

Se você for seguir viagem de avião, peça ao motorista para lhe deixar próximo ao aeroporto.

Para quem vai sair de Araguaína, a empresa é a Lopestur. A passagem custa a partir de R$ 35 e a viagem dura, mais ou menos, 4h.

Você também pode chegar à Chapada das Mesas partindo de outras cidades. As principais empresas são Itapemirim, Satélite Norte, Transbrasiliana e Açailândia.

De van

O transporte de van de Imperatriz para Carolina é precário e deve ser a sua última opção – de verdade, é bom evitar mesmo.

O atendimento do motorista é lamentável e nem todos os bancos têm cinto de segurança.

Alguns passageiros viajam em pé e o veículo para em cada esquina, o que faz a viagem ser chata e muito cansativa – muito mesmo.

A passagem custa cerca de R$ 40 e os veículos saem a partir das 8h30 da rua onde funcionava a antiga Rodoviária de Imperatriz.

Com agência

Se você gosta de privacidade, conforto e pode pagar por isso, a Cia do Cerrado faz o traslado entre Imperatriz e Carolina e de Araguaína a Carolina.

Durante os meus dias na Chapada das Mesas eu fui muito bem atendido pela agência, que tem passeios para todos os atrativos da Chapada das Mesas.

Consulte a agência para ver preços e horários pelo Whatsapp (99) 98122-0317.

Informações Básicas
Quando ir | O melhor período para visitar a Chapada das Mesas é a estação seca, que vai de maio a setembro. Quando ir a Chapada das Mesas.
Como chegar | Você pode partir de Imperatriz, no Maranhão, ou de Araguaína, no Tocantins. Como chegar à Chapada das Mesas. 
Onde ficar | Carolina, no sul do Maranhão, é a cidade base para conhecer a Chapada das Mesas.  Onde se hospedar na Chapada das Mesas
Onde comer | A culinária da região tem aquele gostinho caseiro, perfeito para repor nossas energias. Onde comer na Chapada das Mesas.

Veja mais sobre a Chapada das Mesas

Ficou mais fácil planejar sua viagem? Se ainda tiver alguma dúvida, deixe sua pergunta nos comentários que eu respondo, e aproveite para ver outras dicas.

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou um viajante apaixonado pelas coisas desse mundo. Um jornalista que adora contar boas histórias e compartilhar informações de viagem. Meu propósito de vida é ajudar outras pessoas a conhecerem lugares novos e a viverem experiências inesquecíveis.

44 Comentários

  1. Avatar

    Amigo eu moro em Barreirinhas (ma) tenho muita vontade de conhecer chapada das mesas, qual a melhor maneira de chegar até lá, qual melhor lugar hospedar que seja barato rsrsrs gosto de lugar simples

  2. Avatar

    perdoe meu mau português! Somos dois amigos do Uruguai que têm um voo para Recife e vamos voar de Recife para São Luís do Maranhão, e estamos avaliando visitar este parque, mas não sei se há vôos de Recife ou se teríamos que ir para São Luís e de São Luis ir para Carolina, ou vá por terra! Seria muito bom se você pudesse me dar alguma informação! obrigado!

  3. Avatar

    oi!! eu e minha irmã estamos planejando conhecer a chapada das mesas em julho, seu blog está ajudando bastante a montar o roteiro. na sua opinião, vale a pena alugar carro pra ir de imperatriz a carolina? os passeios na chapada, são todos contratados ou tem algum que possamos fazer sozinhas? dá pra contratar o passeio na hora ou ja comprar com antecedencia? recomenda alguma empresa? muito obrigada

  4. Avatar

    Bom dia.. tentei contato com a empresa Cia do Cerrado, mas eles não me responderam.. você tem algum telefone pra entrar em contato?
    Obrigada =)

  5. Avatar
    sandra maria zanin pires on

    Boa tarde,
    Eu gostaria de ir para Carolina e desfrutar dos passeis até as cachoeiras. Você indica alguém que trabalhe com turismo e atenda a toda às necessidades dos turistas na Chapada das Mesas no MA.

  6. Avatar

    Olá Camarada, vou com minha esposa de moto e gostaria de saber se em Carolina, existem veículos com horários, preços e dias pre definidos para nos levar as cachoeiras mais distantes, já que vc. falou sobre a acessibilidade, das cachoeira mais distantes, exemplo: jeep ou veíc. 4×4 que já saiam com os destinos horários e preços definidos.

    • Altier Moulin

      Sim, é possível, Michelle.
      Eu explico todos esses detalhes no texto, inclusive tem um link para você fazer a cotação do aluguel do carro. 😉

      Um abraço.

  7. Avatar

    Hola! Quisiera llegar desde Fortaleza a Carolina para conocer el parque nacional chapada das mesas… Que omnibus me deja ahi desde la terminal de Fortaleza??… Y son suficientes dos dias para conocer el parque?… Es posible llegar desde ahi a Jericoacoara?… Gracias y saludos desde Argentina!

  8. Avatar

    Olá, bom dia. Mais uma pergunta minha amigo. No caso quem vai conhecer a chapada das mesas de carro, como que fica o acesso as cachoeiras? Porque eu estava imaginando que só seria possível através de guias ou agências de viagens, saindo de lugares específicos. Tipo, posso ir de carro as cachoeiras por minha conta, tem lugar ou estrutura pra guardar os veículos e desta forma ter acesso naturalmente, dependendo das condições de visita, se é pago ou não?

    • Altier Moulin

      Jefferson,

      Em alguma cachoeiras você pode ir sozinho sim, como o Complexo da Pedra caída, por exemplo. Mas nas mais afastadas – Cachoeira do Prata, de São Romão e no Lago Azul – eu indico ir acompanhado de um guia.

      Um abraço.

  9. Avatar
    Carla cristina on

    Boa noite
    Eu e meu esposo estamos querendo ir em julho para carolina, moramos em parauapebas no Estado do Pará, estamos querendo ir de carro particular mas não conhecemos a estrada.
    O que você nos recomenda

    • Altier Moulin

      Oi Carla,
      Eu não tenho informações sobre o trecho do Pará até Imperatriz. De Imperatriz a Carolina a estrada está ótima: sem buracos e muito bem sinalizada.

      Um abraço.

  10. Avatar
    Luis Carlos Smith on

    Também estive em Imperatriz e Carolina foi uma viagem muito agradável, curti muito uma cacheira em Carolina não fui na outra porque a minha esposa não quis, achou que era perigosa.

  11. Avatar
    Lázaro Oliveira on

    Rapaz, ri um bocado lendo a parte das vans no relato, pois fui algumas vezes à região, a trabalho, e precisei pegar as vans de uma cidade a outra, e realmente é uma experiência antropológica (se bem que eles são organizados, há cooperativa com emissão de bilhetes e tal…), a começar do “Terminal do Pé da Macaúba” em Imperatriz… o terminal é literalmente “o pé da macaúba”… (Risos)

Escreva um comentário