Onde comer em Buenos Aires

0

Atualizado em 13 de julho de 2018

A terra dos hermanos atrai turistas brasileiros o ano todo. Aqui, eu descobri que, além de apreciar os atrativos turísticos da cidade, comer em Buenos Aires é um programa indispensável para uma boa experiência de viagem.

A capital da Argentina, queridinha dos brasileiros, além de ter ótimas opções de restaurantes, não nos assusta com preços absurdos. É só saber escolher. Então, esqueça a dieta e saboreie carnes, alfajores com dulce de leche e vinhos irresistíveis.

Por causa do grande fluxo de viajantes que passa pela cidade, comer em Buenos Aires é possível para todos os gostos e bolsos. Não é preciso ser apaixonado por carnes para aproveitar a mesa portenha. Você também pode experimentar saladas refrescantes, massas e frutos do mar.

Onde comer em Buenos Aires

Fartas prateleiras cheias de alfajor.

O jantar – la cena, em espanhol – é servido tarde, sempre depois das 22h. Estranhamente, em Buenos Aires, você paga para usar os talheres, pratos e copos durante uma refeição. Isso vem discriminado como cubierto em sua conta. Os valores variam entre ARS 5 e ARS 30.

Em bares e restaurantes, não fique com vergonha de chamar o garçom – mozo, em espanhol – com gestos. Se não agir assim, você vai esperar um bom tempo.

Onde comer em Buenos Aires

O seu café da manhã pode começar com uma media luna, um tipo de croissant, acompanhado de chá ou leite com café. Isso é bem tradicional por aqui.

O Café Tortoni é uma cafeteria que você precisa conhecer pela tradição, já que ela existe desde 1858. O salón de té La Biela fica na Recoleta, e pode ser uma parada interessante nos dias mais frios. Além dele, entrar em uma loja da Havanna também é obrigatório. Você pode experimentar o famoso alfajor ou aproveitar os outros lanches e cafés que eles servem.

É impossível falar de comer em Buenos Aires sem pensar nas famosas empanadas argentinas. O pastel assado é servido como entrada em vários restaurantes e você não pode sair do país sem provar, pelo menos, uma.

Onde comer em Buenos Aires

O tradicional café com leite acompanhado de uma media luna.

A sorveteria Freddo também é um símbolo da região e um programa perfeito para dias muito quentes na cidade. Para escolher a melhor estação na qual visitar a capital portenha, eu sugiro que você leia: Quando ir a Buenos Aires.

O Choripán é tipicamente argentino. Ele é, de forma simples, um cachorro-quente, só que com uma linguiça portenha feita de pernil suíno, peito de frango ou paleta de carneiro, e têm variações com queijo e ervas. O sabor é bem especial.

Onde comer em Buenos Aires

O choripán argentino.

No jantar, aprecie um bife de chorizo acompanhado de um bom vinho tinto argentino, claro. A região de Puerto Madero é sensacional para esse tipo de programa, e há muitos excelentes restaurantes por aqui, como o Cabana las Lilas. O preço é que eu acho bem caro.

Na hora de pedir sua carne, é válido deixar claro se você quer bem passada, já que, para os argentinos, a carne é servida bem vermelha por dentro. É o padrão que eles seguem.

Onde comer em Buenos Aires

Para os carnívoros, as opções são muitas.

O Santos Manjares é um restaurante muito bem avaliado por viajantes e os pratos valem por cada centavo gasto. O bife de chorizo custa, aqui, cerca de ARG 180.

Ah! Não se assuste com a palavra propina, ela é a gorjeta do garçom. Aqui, não é obrigatório pagar pelo serviço, mas, sempre que possível, é bom deixar 10 por cento em dinheiro, valorizando o serviço.

Veja todos os posts de Buenos Aires

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou um jornalista que gosta de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Desde menino, meu desejo era viajar pelo mundo. Já adulto, descobri que isso não era apenas um sentimento, mas um propósito de vida.

Escreva um comentário