Como solicitar o certificado de vacinação pela Internet

35

Atualizado em 14 de junho de 2022

Como solicitar o certificado de vacinação

Ficou mais fácil tirar o certificado de vacinação, aquele cartãozinho amarelo que é exigido por mais de 100 países para comprovar que você foi vacinado contra a febre amarela. É que, agora, o pedido pode ser feito pela internet de qualquer lugar do mundo, e você não vai gastar nada.

Antes dessa mudança, todo viajante tinha que comparecer a um posto de atendimento da Anvisa com o cartão de vacinação para fazer a solicitação e assinar o documento. Esse processo ainda existe, mas, agora, você também pode fazer o pedido, acompanhar a emissão e imprimir o seu certificado pela internet.

Como pedir o certificado de vacinação

Depois de ser vacinado em um posto de saúde ou em uma clínica privada, você deve fazer um cadastro no portal de serviços do Governo Federal e enviar a solicitação. Feito isso, o seu pedido será avaliado e, se aprovado, uma mensagem será enviada para o seu e-mail de cadastro em até cinco dias úteis.

Quando receber este e-mail, você só vai precisar imprimir o documento e assinar no lugar marcado. Pronto, o seu cartão está na mão. E tem mais: se precisar imprimir outras vezes, o documento sempre estará disponível para você fazer novas impressões.

Como solicitar o certificado de vacinação

Passo a Passo

Como você viu, o processo é realmente simples, mas é importante lembrar que a vacina deve ser tomada pelo menos 15 dias antes da viagem e, para a emissão do certificado de vacinação, a dose fracionada da vacina não é aceita.

  • Passo 1: Tome a vacina em um posto de saúde  ou em uma clínica particular.
  • Passo 2: Faça o cadastro e envie a solicitação pelo Portal de Serviços. O processo será analisado e, se aprovado, você receberá uma mensagem.
  • Passo 3: Imprima o cartão e assine no local indicado no certificado. Com assinatura digital, você não precisa ir a um posto de atendimento da Anvisa.

Sobre o certificado

O Certificado Internacional de Vacinação e Profilaxia (CIVP) não tem prazo de validade. Isso significa que ele pode ser usado a vida toda. O Brasil é o primeiro país a oferecer um serviço online e gratuito de emissão do Certificado Internacional de Vacinação.

Mais de cem países exigem o CIVP para comprovação, em especial, da imunização contra a febre amarela. Alguns países, como Estados Unidos, Inglaterra e Portugal, não fazem questão da apresentação do certificado de vacinação. Em outros casos, como Cuba, Colômbia, Panamá e Tailândia, não é permitida a entrada sem o documento: inclusive para uma simples conexão aérea.

Antes de prosseguir, eu sugiro que você leia: Dicas para evitar malária e febre amarela.

E quem não pode se vacinar?

Para aqueles casos em que o viajante não é orientado a ser vacinado – somente um médico poderá decidir isso –, é necessário solicitar um Atestado de Isenção de Vacinação, conforme modelo disponível no site da Anvisa. Com esse documento, será emitido o Certificado de Isenção de Vacinação.

Veja mais dicas de viagem

Gostou das dicas? Se tiver alguma dúvida, deixe sua pergunta nos comentários que eu respondo. Se preferir, pode falar comigo pelo Instagram: @altiermoulin.

Agora, aproveite para ver outras dicas de viagem que vão deixar seus planos muito melhores.