Quando ir a Ayutthaya: veja a melhor época para planejar sua viagem

0

Atualizado em 16 de agosto de 2020

Para conhecer um pouco da antiga capital tailandesa, é bom evitar a estação chuvosa e os meses mais quentes. Por isso, é muito importante saber quando ir a Ayutthaya.

A cidade fica fica a cerca de 80 quilômetros de Bangkok e, sem dúvida alguma, deve entrar no seu roteiro. É que aqui está o maior complexo de templos e prédios históricos do país: são mais de 1500 e muitos deles estão na lista de Patrimônios da Humanidade.

→ Veja qual a melhor época para visitar a Tailândia

Mas, antes de escolher a data da sua viagem, entenda um pouco porque eu acho que essa cidade deve entrar no seu roteiro.

Breve história da cidade

A história de Ayutthaya – a pronúncia em português é Aiutaiá – começou em 1350 e ela logo se tornou a segunda capital do Império Siamese – a primeira foi Sukhothai. Durante os séculos de seu apogeu, Ayutthaya foi um dos mais cosmopolitas centros urbanas do mundo, com intensas atividades comerciais. Nesse período, a população da cidade chegou a um milhão de pessoas.

No século 18, exatamente no dia 7 de abril de 1767, Ayutthaya foi devastada pelo exército birmanês, que hoje faz parte do Myanmar, e muitos prédios e templos foram queimados e saqueados. Por isso, muito do que vemos, hoje, são apenas ruinas.[/su_spoiler]

Quando ir a Ayutthaya

Como na maioria dos países de clima tropical, chove mais no verão do que no inverno, mas faz calor o ano inteiro: a temperatura média da cidade é 28 graus. Em dezembro, o mês mais fresco, os termômetros podem chegar a 19 graus à noite. Não dá para dizer que faz frio, né?

→ Onde se hospedar em Ayutthaya

Os meses mais quentes são março e abril, quando o calor é insuportável: eu estive na cidade em abril e sei muito bem como sofri. Nesta época, os termômetros superam facilmente os 35 graus, mas a sensação térmica é bem maior.

Estação chuvosa

A estação chuvosa, que vai de maio a outubro, não é uma boa época para ir a Ayutthaya. As monções, como são chamadas, podem atrapalhar os seus planos e, como Ayutthaya é cercada por rios, o risco de inundações nesse período é maior. A última grande catástrofe causada pelas chuvas foi em 2011, quando vários templos ficaram debaixo d’água e, pelo menos, 220 pessoas morreram.

A melhor época para ir a Ayutthaya

Estação seca

Se quiser fugir das chuvas,  prefira os meses de novembro a abril,  a estação seca, mas, como falei, esteja preparado para o calor. Janeiro é o mês com menos possibilidade de chover. Novembro é um excelente mês para programar sua viagem.

Festas e festivais

Aproveite que você está planejando ir a Ayutthaya e curta os muitos festivais que acontecem na cidade durante todo o ano. Em janeiro, tem o Festival do Artesanato e, em novembro, o Bang Sai Long Krathong, que nós conhecemos como Festival das Lanternas e tem, ainda, o ano-novo tailandês, que acontece em abril.A melhor época para ir a Ayutthaya

O principal evento daqui é o Ayutthaya Heritage Fair, que, geralmente, acontece em dezembro e tem shows de luz e som nos templos e nas construções históricas da cidade. O ingresso custa cerca de THB 500, mas, em setembro, há uma prévia gratuita dessa apresentação.

Como as datas dos festivais e dos feriados variam um pouco de um ano para outro, você precisa conferir o calendário tailandês antes de programar a sua viagem.

Informações Básicas
Visto | Brasileiros não precisam de visto para entrar no país e o período máximo de permanência é de 90 dias.
Documentos | Além do passaporte com seis meses de validade, você precisa ter outros documentos para entrar na Tailândia.
Dinheiro | A moeda tailandesa é o baht, identificado pela sigla THB e pelo símbolo ฿. Veja como usar seu dinheiro na Tailândia. 
Vacinas | O certificado de vacinação contra a febre amarela é obrigatório. Dá para tomar a vacina no aeroporto de Bangkok pagando uma taxa.

Apesar de não ser obrigatório, o seguro viagem é indispensável.

Veja mais sobre a Tailândia

Ficou mais fácil planejar sua viagem? Se ainda tiver alguma dúvida, deixe sua pergunta nos comentários que eu respondo. Aproveite, também, para ler outros posts sobre a Tailândia.

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou um viajante apaixonado pelas coisas desse mundo. Um jornalista que adora contar boas histórias e compartilhar informações de viagem. Meu propósito de vida é ajudar outras pessoas a conhecerem lugares novos e a viverem experiências inesquecíveis.

Escreva um comentário