Encanto Azul, em Riachão: conheça essa maravilha da Chapada das Mesas

0

Atualizado em 16 de agosto de 2020

Encanto Azul, em Riachão

Existem lugares que parecem nem existir de tão lindos que são. O Encanto Azul, um lago de água cristalina e azulada que fica no sul do Maranhão, com toda certeza, pode entrar nessa lista.

O Encanto Azul fica em Riachão, uma das cidades do Parque Nacional da Chapada das Mesas, uma exuberante área de proteção ambiental com cachoeiras fantásticas e montanhas de cume achatado.

CLIQUE PARA SABER MAIS SOBRE A CHAPADA DAS MESAS

O Parque Nacional da Chapada das Mesas foi criado em 2005 para proteger cerca de 160 mil hectares do Cerrado Maranhense – uma área que equivale a quase 160 mil campos de futebol, administrada pelo ICMBio.

Com formações rochosas exuberantes, o Parque ganhou esse nome por causa das montanhas de cumes achatados, moldadas há milhões de anos pela chuva e pelo vento.

Neste pedaço de terra tão privilegiado, a gente encontra cavernas, rios caudalosos, cânions, cachoeiras e piscinas naturais, atrações perfeitas para quem gosta de destinos ainda pouco explorados e um contato direto com a natureza bruta.

Entre as muitas cachoeiras, a de São Romão e a do Prata, que ficam dentro da área do Parque Nacional, são as mais impressionantes pela grandeza, mas as belezas dessa região parecem incontáveis.

O Morro do Chapéu, o Portal da Chapada e as cachoeiras gêmeas do Itapecuru entram na lista de lugares para visitar em Carolina, a cidade que é base para conhecer a Chapada das Mesas.

Além de Carolina, o Parque Nacional da Chapada das Mesas se estende até as cidades de Riachão e Estreito.

Em Riachão, a aproximadamente 135 quilômetros de Carolina, fica a Reserva Natural Cachoeira do Rio Cocal, uma propriedade privada por onde passa o rio Cocal, que forma quatro cachoeiras, entre elas a de Santa Bárbara, a mais alta da região, com 70 metros de queda.

Na Reserva também fica o incrível Poço Azul, que pelo nome já dá para imaginar do que se trata: uma piscina natural com água cristalina e azulada.

Outra maravilha da natureza que encontramos em Riachão é o Encanto Azul, um lago formado por uma nascente que brota entre paredões de rocha maciça e que ganha tons azulados com os raios solares que atravessam a mata.

Então, se você gosta de estar em contato com a natureza bruta, aproveite que a Chapada das Mesas ainda não é muito explorada turisticamente, para conhecer essa espetacular região do Brasil.

Encanto Azul, em Riachão

O Encanto Azul

O Encanto Azul é um lago que se forma de uma nascente no meio do Cerradão, uma área de transição entre Cerrado e Floresta Amazônica.

Ele fica escondido em um pequeno vale, no meio de paredões de rocha que foram esculpidos pela natureza há milhões de anos.

E, sabia que nem é preciso fazer muito esforço para chegar e ele?

Depois de estacionar o carro, será preciso descer uma escada, com mais ou menos 150 degraus, e caminhar um pouco até chegar ao lago.

O ideal é chegar por volta das 10h, quando o sol começa a iluminar a nascente e deixa a água com tons radiantes de azul – quanto mais luz tiver, mais azul o lago vai ficar.

O auge do Encanto Azul é entre 10h e 14h, depois disso a luz diminui bastante e deixa tudo bem diferente: esse é o grande segredo.

Encanto Azul, em Riachão

A água não é muito gelada, sempre em torno dos 22 graus e dá para nadar tranquilamente, mas não se engane achando que o lago é raso.

É que, como a água é transparente, a gente consegue ver as pedras do fundo, mas algumas áreas chegam a ter sete metros de profundidade.

Encanto Azul, em Riachão

Encanto Azul e Poço Azul

É importante dizer que, nesta região, há dois lados de água cristalina e azulada: o Encanto Azul e o Poço Azul.

É muito comum que viajantes façam confusão entre eles, então preste atenção nisso.

O Poço Azul fica dentro de um complexo turístico com várias cachoeiras e atividades de aventura, como tirolesa e trilhas.

Ele também fica em Riachão, mas cerca de seis quilômetros antes do Encanto Azul, que fica mais isolado.

Dá para conhecer os dois no mesmo dia, mas eu indico ir direto para o Encanto Azul, para aproveitar a luz da manhã, e depois curtir o Poço Azul com calma.

Até porque ele fica em uma área mais aberta, onde a luz chega com mais facilidade.

Encanto Azul, em Riachão

Como visitar o Encanto Azul

Agora que você já deve estar morrendo de vontade de conhecer o Encanto Azul, aproveite para ver essas informações que vão ajudar no planejamento de sua viagem.

Quanto custa

A entrada no Encanto Azul custa R$ 30. Não deixe de levar repelente e uma máscara de mergulho.

Quando ir

As visitas podem ser feitas das 8h às 17h, mas eu indico aproveitar o período da manhã – por volta das 10h – quando a luz deixa o lago ainda mais azul.

Como chegar

O Encanto Azul fica a 135 quilômetros de Carolina, a cidade base para os passeios da Chapada das Mesas. A estrada é boa, mas há um trecho de 38 quilômetros de estrada de chão.

Eu fui muito bem atendido pela Cia do Cerrado, empresa que tem vários roteiros na região da Chapada das Mesas.

Hotel do Poço Azul

Se você quiser ficar mais tempo, para curtir tudo com calma, uma boa ideia é ficar hospedado no hotel Poço Azul Ecoturismo, que fica dentro do Complexo onde estão várias cachoeiras e o Poço Azul.

A estrutura é bem rústica, com tudo o que você precisa para ter o conforto merecido: isso inclui camas espaçosas, comida boa e um ótimo atendimento.

Dê uma olhada nas fotos do hotel clicando nos botões abaixo.

Informações Básicas
Quando ir | O melhor período para visitar a Chapada das Mesas é a estação seca, que vai de maio a setembro. Quando ir a Chapada das Mesas.
Como chegar | Você pode partir de Imperatriz, no Maranhão, ou de Araguaína, no Tocantins. Como chegar à Chapada das Mesas. 
Onde ficar | Carolina, no sul do Maranhão, é a cidade base para conhecer a Chapada das Mesas.  Onde se hospedar na Chapada das Mesas
Onde comer | A culinária da região tem aquele gostinho caseiro, perfeito para repor nossas energias. Onde comer na Chapada das Mesas.

Veja mais sobre a Chapada das Mesas

Ficou mais fácil planejar sua viagem? Se ainda tiver alguma dúvida, deixe sua pergunta nos comentários que eu respondo, e aproveite para ver outras dicas.

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou um viajante apaixonado pelas coisas desse mundo. Um jornalista que adora contar boas histórias e compartilhar informações de viagem. Meu propósito de vida é ajudar outras pessoas a conhecerem lugares novos e a viverem experiências inesquecíveis.

Escreva um comentário