Quando ir a Vitória: a melhor época para viajar – dicas mês a mês

10

Atualizado em 26 de fevereiro de 2021

Quando ir a Vitória

Antes de decidir quando ir a Vitória, dê uma olhada nestas dicas. Elas podem salvar as suas férias e deixar tudo muito melhor.

Vitória é a capital do Espírito Santo. Para quem não sabe, é onde nasci, cresci e moro: sou apaixonado por minha terra e não tenho planos de ir embora.

→ Onde ficar em Vitória

É que Vitória tem tantas qualidades que fica fácil se acostumar com seu estilo leve, sem longos engarrafamentos, sempre pertinho do mar e um clima sem extremos, agradável na maior parte do ano.

Quando ir a Vitória

Com dias sempre ensolarados, clima agradável e chuva bem distribuída durante os meses, dá para visitar a capital capixaba o ano inteiro.

O que fazer em Vitória

Mas, claro, há algumas épocas que são mais indicadas para quem quer curtir praia e outras para quem quer esticar e conhecer as montanhas capixabas.

Alta e baixa temporada

A alta temporada começa por volta dos dia 20 de dezembro e vai até o final de janeiro:  durante as férias de fim de ano as praias ficam lotadas  e os hotéis sempre estão cheios.

É quando Guarapari, a cidade mais famosa do litoral capixaba, fica super movimentada.

→ Onde ficar em Guarapari

Mas Vitória não fica insuportável – muito longe disso. É que os capixabas vão para outras cidades do litoral  – como Guarapari – e isso a gente sente no movimento das avenidas e no dia a dia da cidade.

No meio do ano, entre junho até final de julho, o movimento de turistas volta a aumentar.

Quando ir a Vitória

É que, com a chegada do inverno, muita gente aproveita para conhecer as cidades de montanha, como Domingos Martins,  onde está a incrível Pedra Azul. 

Em Vitória, a temperatura é agradável, com mínimas perto dos 19 graus, mas nas montanhas o frio é bem mais intenso.

Feriados

O Carnaval em Vitória tem uma peculiaridade. É que nós temos dois carnavais: o Carnaval de Vitória – com desfiles de escolas de samba e tudo mais – acontece uma semana antes do Carnaval oficial. Então, a cidade tem dois finais de semana seguidos de movimentação.

Outros feriados prolongados, como Semana Santa, Corpus Christ e Independência, por exemplo, também são bastante movimentados.

Para ter uma ideia geral de como é o clima na capital capixaba durante o ano, dê uma olhada na tabela abaixo.

Mês Máxima (°C) Mínima (°C) Chuva (mm)
Janeiro 32 24 118
Fevereiro 32 24 66
Março 32 24 92
Abril 30 22 81
Maio 29 21 62
Junho 28 19 52
Julho 27 19 65
Agosto 28 19 54
Setembro 28 20 68
Outubro 29 21 106
Novembro 30 22 158
Dezembro 31 23 181

Fonte: www.climate-data.org

Vitória mês a mês

Depois do que expliquei, já deu para perceber que Vitória recebe os turistas muito bem em todas as épocas, mas o movimento é maior nas férias de fim de ano.

Quem quiser fugir do movimento maior pode viajar entre março e abril, quando os dias ainda estão quentes, longos e cheios de vida.

A temperatura da água também varia durante o ano: a época mais fria é no meio do ano, quando desce até os 22 graus.

Eu vou explicar as características de cada mês a partir de agora.

Janeiro

É o mês com maior movimento nas praias e com temperatura sempre perto dos 30 graus. As chuvas no fim da tarde são comuns, mas dias nublados são raridade.

O mar está mais claro e a temperatura da água fica em torno dos 26 graus.

Fevereiro

Com o fim das férias escolares, o movimento da cidade diminui. As praias ainda estão bastante movimentadas, mas, durante a semana, dá para aproveitar tudo com tranquilidade.

Nas semanas do Carnaval – lembra que eu expliquei que temos dois carnavais? – o movimento cresce um pouco, mas nada exagerado.

Faz muito calor e as chuvas rápidas de verão não conseguem amenizar isso.

Quando ir a Vitória

Março

É um bom mês para conhecer Vitória. Com dias ensolarados, noites mais frescas e praias menos movimentadas, você vai ver a cidade com mais leveza – como eu sempre digo que é.

As águas de março chegam para fechar o verão e a cidade começa a voltar ao seu ritmo normal.

Abril

É quando a água do mar está mais quentinha, em torno dos 26 graus. O calor começa a dar uma trégua, mas ainda dá praia – aliás, aproveitar a orla neste mês é sensacional.

Um ponto importante para você se programar é que abril é um mês com muitos feriados. Além dos feriados nacionais, como Semana Santa e Tiradentes, Vitória celebra a padroeira do Estado uma semana depois da Páscoa.

A Festa da Penha, a terceira maior festa religiosa do País, dura uma semana e tem programações em diversas partes da cidade, mas o feriado mesmo é apenas na segunda segunda-feira depois da Páscoa.

Você pode ver o cronograma no site do Convento da Penha.

Maio

Mês tranquilo de primavera, quando a gente percebe, com mais clareza, mudança do clima.

Ainda dá praia, porque a temperatura fica em torno dos 25 graus, mas a água já está mais geladinha.

Dias nublados podem atrapalhar seus planos, mas tudo muda muito rápido e as chances de vários dias de tempo fechado são poucas.

Junho

É o mês que o capixaba começa a reclamar do frio, mesmo sem ter motivos para isso.

É que a gente não está acostumado com frio, então, quando a temperatura cai abaixo dos 20 graus, todo mundo acha estranho. Quando desce para 18 ou 17 as pessoas já não querem sair de casa. Se chover, então, a lamentação é maior ainda.

Sim, isso é um capixaba sendo capixaba.

Quando ir a Vitória

Então, não espere nos encontrar na praia, mesmo com sol, mas  a gente vai correr para as montanhas:  Pedra Azul, Domingos Martins e Santa Teresa são alguns dos lugares preferidos.

Mais recentemente, o Mosteiro de Ibiraçu ganhou nossos corações com a maior estátua de Buda do Ocidente.

Julho

Ainda é inverno, mês de férias escolares e a cidade volta a ter ruas menos movimentadas, especialmente na segunda quinzena.

Mesmo assim, o friozinho ainda afasta muita gente das ruas, especialmente à noite – mas, o final de semana nas montanhas é concorrido.

Parques, praças e a orla da praia são excelentes programas neste mês: sem chuva, sem calor extremo e com aquele solzinho maroto.

Agosto

É um dos meses mais secos do ano: só não tem menos chuvas do que junho. O friozinho ainda está por perto, mas vai ficando mais longe depois da segunda semana.

É um mês com clima instável,  com chuva e sol em revezamento.  Por isso, é raridade encontrar capixabas na praia tomando banho de mar.

Setembro

Clima parecido com o de agosto, mas tem o feriadão do aniversário de Vitória, dia 08 de setembro.

Os dias já ficam mais ensolarados na segunda quinzena e o pôr do sol deixa o céu lindo – isso se estende até o final de outubro.

Outubro

O calor já bate à porta – a média fica em torno dos 25 graus -, a chuva volta a dar as caras com mais vontade e os  temporais começam a chegar. 

Também movimentado por um feriado importante – o de Nossa Senhora de Aparecida – outubro tem dias claros, longos e noites agradáveis.

Quando ir a Vitória

Novembro

Mês chuvoso, com grandes chances de temporais e alagamentos: isso acontece todos os anos e ninguém parece conseguir mudar.

O calor já começa a incomodar e as praias ficam movimentadas nas brechas de dias de sol.

Dezembro

Calor, pancadas de chuva, praias cheias e aquela correria de fim de ano deixam a cidade com um clima muito diferente do resto do ano.

O natal é discreto, sem grandes eventos – inclusive a decoração é quase imperceptível – e o Ano Novo tradicional tem queima de fogos na Praia de Camburi, a principal da cidade.

A melhor época para conhecer Vitória

Vitória é mais concorrida nos meses de dezembro e janeiro, quando as praias ficam lotadas É uma boa época para curtir sol e praia, sem ter tanta preocupação com engarrafamentos, restaurantes lotados e coisas do tipo, porque a cidade não fica insuportável – eu nunca vi Vitória assim.

Mas é neste período que chove mais – chuvas de verão, sabe como são, né?

Eu gosto mesmo é das estações intermediárias: março, abril, setembro e outubro são os meses que eu percebo que Vitória está equilibrada.

Sem muito calor, com dias claros e de céu aberto, dá para aproveitar praia e curtir outras áreas da cidade. É, sem dúvida, a melhor época para conhecer Vitória.

Onde ficar em Vitória

Eu sou capixaba. Nasci e moro no Espírito Santo e, por isso, sei muito bem quais as melhores áreas para se hospedar na minha cidade do coração.

Para começar, tenha em mente que Vitória é uma capital pequena, quando comparada com outras do Sudeste.

→ Onde ficar em Vitória

Vitória é pequena e muito bem cuidada. Na parte mais nobre da cidade, há muitas opções de hospedagem com um custo-benefício interessante.

Como tudo é perto, dá para usar o transporte público, pedir um Uber, alugar uma bicicleta e até fazer bastante coisas a pé mesmo.

Estas são as áreas mais interessantes para ficar em Vitória.

  • Praia do Canto, fica na área nobre e é muito bem localizado;
  • Jardim da Penha, bairro universitário e perto da principal praia;
  • Jardim Camburi, perto do aeroporto e mais barato;
  • Enseada do Suá, área comercial com pouca movimentação à noite;
  • Reta da Penha, uma das principais avenidas da cidade.

Na minha opinião, os melhores bairros são Praia do Canto e Jardim da Penha. Veja algumas opções que eu considero interessantes nessas áreas

IBIS PRAIA DE CAMBURI

O padrão básico desta rede internacional acaba sendo uma ótima opção, porque a gente não tem surpresas. O Ibis Praia de Camburi fica de frente para a Praia de Camburi, uma área realmente muito boa.

Onde ficar em Vitória

Há restaurantes há poucos metros e muitas opções para quem quer usar o transporte público. Os quartos são básicos, confortáveis e bem resolvidos. Mas, o ponto forte do hotel é a localização – e o preço, claro.

BOURBON VITÓRIA HOTEL

O Bourbon Vitória Hotel tem um estilo que eles chamam de residence, já que muitas unidades parecem mesmo apartamentos completos. O hotel fica perto de tudo e também tem um custo-benefício muito interessante.

O grande barato é que os quartos da frente têm uma varanda muito legal com uma vista incrível da Praia de Camburi.

BRISTOL ALAMEDA VITÓRIA

De frente para a Praia de Camburi, o Bristol Alameda Vitória é perfeito para quem já quer acordar e curtir a orla, caminhar até o Píer de Iemanjá ou alugar uma bicicleta para pedalar pela cidade.

Os quartos são bem confortáveis e a área da piscina é boa para relaxar no fim do dia. A localização é realmente muito boa, perto de tudo: praia, comércios, bancos e aeroporto.

IBIS PRAIA DO CANTO

Com padrão já bem conhecido, o Ibis Praia do Canto é uma ótima opção para se hospedar em Vitória. Fazendo jus ao nome da rede, este hotel tem tudo que você precisa e não cobra um fortuna por isso.

Onde ficar em Vitória

Os quartos são modernos e depois de uma caminhada de dez minutos, você coloca os pés na Praia de Camburi. O Triângulo das Bermudas fica praticamente na esquina.

Onde ficar em Vitória

BRISTOL EASY HOTEL

Nesta unidade do Bristol Easy Hotel os quartos são básicos, com televisão, internet e ar condicionado – o essencial. Ele fica a apenas alguns metros da Rua da Lama e do Parque Pedra da Cebola, um ótimo lugar para relaxar e ficar perto da natureza.

Onde ficar em Vitória

A Ponte da Passagem fica, praticamente, de frente para hotel. O café da manhã é muito elogiado.

Onde ficar em Vitória

IBIS BUDGET VITÓRIA

O Ibis Budget Vitória é mais uma opção para se hospedar na cidade com a rede Ibis. Esta unidade, que está em uma das principais avenidas da capital, garante conforto e comodidade a preços justos.

Onde ficar em Vitória

Nesta área, você estará próximo de um centro comercial e do Triângulo das Bermudas. É fácil usar o transporte público.

RECOMENDAÇÕES DE VIAGEM - COVID-19

Devido à pandemia de Covid-19, novas medidas de saúde e segurança foram adotadas. Elas são importantes para evitar o contágio, protegendo você, quem trabalha diretamente com o turismo e as comunidades locais.

Antes de viajar, verifique a situação do seu destino para não encontrar atrativos fechados e, claro, não colocar a sua vida e a de seus familiares em risco.

Veja algumas medidas adotadas:

  • Álcool gel disponível nos quartos e nas áreas comuns;
  • Uso obrigatório de máscaras nas áreas comuns;
  • Respeito às regras de distanciamento físico;
  • Uso de produtos de limpeza eficazes contra o coronavírus;
  • Café da manhã pode ser servido no quarto.

Veja mais dicas do Espírito Santo

Ficou mais fácil planejar sua viagem? Se tiver alguma dúvida, deixe sua pergunta nos comentários que eu respondo.

Se preferir, pode falar comigo no Instagram: @altiermoulin. Agora, aproveite para ver mais dicas do Espírito Santo.

SOBRE O AUTOR

Sou jornalista, capixaba e apaixonado pelo universo viajante. Sempre gostei de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Quando criança, sonhava em viajar pelo mundo e, já adulto, isso virou um propósito de vida.

10 Comentários

  1. Alessandra Freitas on

    Queria levar minha neta para conhecer a praia em outubro mas vi que as chuvas começam a ficar mais frequentes será que início de setembro seria bom porque aí aproveitaria o feriado, aliás poderia me indicar pousadas ou hotéis mais em conta na serra, pois gosto muito das praias de lá.

  2. Dá pra curtir uma praia no mes de julho? ou é muito frio e as aguas são muito geladas nessa época??
    (Me hospendando em vitoria , 4 dias, o que me indica conhecer?)

    Valeu

    • Oi, Daniel.
      Não é o melhor mês para praia.
      Pode ser que você consiga pegar dias de sol pleno, mas a água estará gelada e com grande chance do vento gelado atrapalhar.
      Se se objetivo é pegar sol, prefira o período de novembro a março.
      Um abraço.

Escreva um comentário