Quando ir a Torres del Paine

0

Atualizado em 12 de junho de 2018

Se você está planejando ir a Torres del Paine, estas informações serão muito importantes para não ter uma viagem frustrante. É que, por aqui, o clima é muito instável e muda drasticamente durante o ano.

A gente sabe que este lugar é a principal atração da Patagônia chilena e nos reserva experiências que mostram o quão poderosa é a natureza. Então, para se preparar melhor, eu sugiro que você leia: Dicas práticas para visitar Torres del Paine, mas a questão do clima, eu já vou esclarecer por aqui.

São 240 mil hectares em um parque criado em 1950, reconhecido como Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco. Ir a Torres del Paine é, de fato, uma experiência incrível, mas para quem está com a grana curta ou sem tempo, o passeio de um dia já lhe deixa conhecer a exuberância do lugar.

Eu visitei Torres del Paine no mês de setembro e passei quatro dias dentro do Parque. Nos três primeiros dias, o tempo ficou fechado e fazia bastante frio. No terceiro dia, para minha sorte, o clima mudou completamente e o sol apareceu.

Quando ir a Torres del Paine

A vista que todos queremos ver no Torres del Paine.

Quando ir a Torres del Paine

Torres del Paine é uma cadeira de montanhas a quase três mil metros de altura que surge em meio as nuvens, no alto dos vales da Patagônia chilena. Com essa localização peculiar e especial, o clima por aqui também segue estas características.

Para escolher quando ir a Torres del Paine, é preciso saber que, além da previsão do tempo, é importante considerar a movimentação do ar por aqui. Mesmo no verão, o vento – ainda gelado – pode chegar a 120 quilômetros por hora, fazendo a sensação térmica cair bastante.

Para consultar a movimentação climática do meu destino, eu uso o Windguru, que mostra também a velocidade dos ventos.

Verão | A estação mais quente por aqui vai de dezembro a março. Se você escolher ir a Torres del Paine no verão, irá aproveitar dias longos e temperaturas mais amenas. O termômetro varia entre 13 e 20 graus, mas é nesse período que os ventos assustam.

A maior vantagem dessa estação é ter o sol brilhando por mais tempo, dando mais chance de fazer passeios e, para quem quer se aventurar em caminhadas e trekkings mais longos, a luminosidade faz diferença.

Inverno | O frio intenso chega entre junho e agosto, e a neve toma conta do Parque. No início da estação, ainda é possível caminhar pelas montanhas. Porém, quando a neve aumenta, fica mais difícil enfrentar o frio.

Nessa época, os turistas acabam aproveitando mais a gastronomia local e os vinhos, já que, com a temperatura beirando o zero grau e flocos de neve caindo lá fora, fica difícil resistir a um bom vinho em frente à lareira.

A vantagem de ir a Torres del Paine no inverno é que o número de pessoas é muito menor. Ainda assim, é preciso considerar que, devido à grande quantidade de neve, nem todos os passeios podem ser feitos.

Quando ir a Torres del Paine

O inverno é intenso e pode atrapalhar seus passeios.

Outono e Primavera | As chamadas meias-estações vão de abril a maio e setembro a novembro. Elas são as melhores épocas para ir a Torres del Paine, porque, nos dois períodos, as temperaturas estão mais amenas, facilitando o deslocamento e os passeios pela região.

No outono, os tons amarelados deixam a paisagem especial e o pôr do sol é considerado o mais bonito. Mesmo essa sendo a estação que mais chove. Durante a primavera, a neve acaba de sumir e as flores colorem a região. Nesses períodos, as temperaturas variam de 11 a 15 graus.

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou um jornalista que gosta de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Desde menino, meu desejo era viajar pelo mundo. Já adulto, descobri que isso não era apenas um sentimento, mas um propósito de vida.

Escreva um comentário