Isla Magdalena: o paraíso dos pinguins pertinho de Punta Arenas, no Chile

Atualizado em 10 de outubro de 2022 – 3 min de leitura

Isla Magdalena

Pertinho de Punta Arenas, a Isla Magdalena é a mais importante colônia de pinguins-de-magalhães do Chile. As aves, que chegam à soma de mais de 200 mil, vivem no extremo sul do continente e todos os anos migram para a ilha para se reproduzir.

Os pinguins dessa espécie podem chegar a 70 centímetros de altura e pesar até sete quilos. São eles que fazem do passeio na Isla Magdalena uma atividade obrigatória para quem está planejando uma viagem para Punta Arenas.

Isla Magdalena

Para ver de perto esse verdadeiro espetáculo criado pela natureza, você precisa navegar 35 quilômetros para o norte de Punta Arenas, percorrendo o caminho que aventureiros como Fernão de Magalhães e Charles Darwin fizeram.

Neste artigo, eu vou explicar sobre:

Como é o passeio pela Isla Magdalenaa

São, aproximadamente, 1h30 navegando pelo gelado Estreito de Magalhães, até que a gente possa colocar os pés na terra firme para fazer uma leve caminhada pela ilha, observando o estilo de vida dessas curiosas aves.

Eu viajei a bordo do Stella Australis, o navio de expedições que percorre o caminho entre Punta Arenas, no Chile, e Ushuaia, na Argentina.

Isla Magdalena

A Isla Magdalena foi uma das paradas da programação e, diferentemente de quem chega à ilha partindo do continente, meu desembarque foi feito em um bote e, mesmo antes dele atracar, já era possível avistar vários pontinhos brancos sobre a terra amarelada da ilha.

Isla Magdalena

Confesso que fiquei em dúvida: será que tudo isso é pinguim? Era impossível contá-los, pois para onde olhava via pinguins. Alguns em dupla, outros ainda sozinhos.

O ritual de acasalamento

A história desses pequenos e bravos seres é muito interessante.

O macho é o encarregado de encontrar e arrumar o melhor ninho, já que é isso que vai impressionar a fêmea e pesar muito em sua escolha.

Isla Magdalena

Nesse jogo de conquista, vale tudo: galhos, algas, pedras e o que mais acharem pela frente enfeitam o pequeno buraco que eles cavam na terra.

Isla Magdalena

Depois de passarem seis meses nadando por águas mais quentes – inclusive na costa brasileira –, eles chegam antes das fêmeas para, justamente, cumprir essa tarefa e trabalham pesado sob um vento cortante de tão frio. Não deve ser fácil!

Os donos da ilha

Na caminhada que dura cerca de uma hora, os pinguins são sempre prioridade.

Portanto, jamais ultrapasse o limite estabelecido pelas cordas e, se algum deles decidir cruzar à sua frente, dê passagem. Caso contrário, eles podem avançar em sua direção – se eu fosse você, não experimentaria uma bicada desses bichos.

Isla Magdalena

E se ouvir um barulho estranho, como o relinchar de um jumento, não se preocupe. Esse é o doce som emitidos pelos pinguins que vivem na região de Magalhães.

Como visitar a Isla Magdalena

Quando ir

Os pinguins começam a chegar à Isla Magdalena em outubro e ficam até abril. Tente fazer o passeio cedinho, porque, mais tarde, os pinguins deixam a ilha para tomar banho e se alimentar, assim a ilha pode ficar mais vazia durante a tarde.

Isla Magdalena

A melhor época para visitar Puna Arenas é no verão, de dezembro a março, quando as temperaturas chegam a agradáveis 15 graus. No inverno, os termômetros sempre estão próximo a zero, podendo chegar a temperaturas negativas. Em Punta Arenas, os ventos são fortes o ano todo.

Como chegar

A Isla Magdalena fica a 35 quilômetros de Punta Arenas e há várias empresas de turismo, como Comapa, que oferecem o passeio pela ilha.

As embarcações partem de Punta Arenas, às 7h e às 16h. Às vezes, por causa da quantidade de pessoas, abre-se um terceiro horário de saída.

Isla Magdalena

O voo de Santiago a Punta Arenas é longo. São aproximadamente quatro horas de viagem até que a aeronave pouse no Aeroporto Carlos Ibanez Del Campo (PUQ), que fica a 20 quilômetros da cidade e atende a toda a região.

O aeroporto tem uma boa infraestrutura e é melhor do que alguns aeroportos de capitais brasileiras. Para chegar ao Centro, você tem duas opções: tomar um táxi ou carro de aplicativo – que vai te cobrar cerca de CLP 15.000 – ou pegar um micro-ônibus e pagar CLP 3.500. O transfer é seguro, confortável e a viagem demora cerca de 40 minutos, tempo suficiente para um cochilo.

Onde comer

Em Punta Arenas, não deixe de saborear a carne de cordeiro, o centolla – aquele caranguejo enorme – e um bien completo, um tipo de cachorro quente que é bem coisa de quem mora na cidade.

Eu almocei no La Marmita e experimentei o bourguignon de guanaco, uma carne de caça, que vem acompanhada de batatas, um molho que lembra feijoada – talvez seja um pecado fazer essa comparação – e verduras.

O que levar

Se você é daquele tipo de gente que sente enjoo em embarcações, leve seus sagrados comprimidos. A viagem à Isla Magdalena é feita em embarcações semirrígidas que, às vezes, podem balançar bastante.

Onde ficar em Punta Arenas

Depois de ter sido colônia penal no século 19 e, mais tarde, o principal ponto comercial para navios que cruzavam o Estreito de Magalhães, hoje, Punta Arenas recebe turistas do mundo inteiro.

Com pouco mais de 125 mil habitantes, Punta Arenas é a capital da Província de Magallanes, no extremo sul do Chile, uma das regiões mais inóspitas e encantadoras do planeta.

Nesta terra, tudo gira em torno da natureza, da paisagem gelada e do mítico Estreito de Magalhães, descoberto em 1520 pelo navegador português Fernão de Magalhães.

Onde ficar em Punta Arenas

Punta Arenas ostenta, ainda, o título de ser a cidade chilena que mais tem monumentos: são mais de 50 esculturas, marcos e tantas outras formas que homenageiam pessoas e lembram datas ou fatos importantes da história desse lugar.

Um dos monumentos fica no centro da Plaza de Armas Muñoz Gamero, no Centro de Punta Arenas. Dizem que quem beija ou toca o pé do índio aónikenk, numa espécie de ritual folclórico, voltará à cidade muitas vezes.

Faixas de preço em Punta Arenas

Agora que você já viu as minhas opções preferidas – não só as minhas, mas as de muita gente também – é hora de dar uma olhada nos preços antes de decidir onde ficar em Punta Arenas.



Booking.com

No mapa acima estão todas as opções de hospedagem da cidade, especialmente as do Centro.  Para saber mais, você só precisa clicar nos pins azuis e pronto. 

Hotel Plaza

De frente para a Plaza de Armas, a principal de Punta Arenas, o Hotel Plaza funciona em um lindo prédio histórico. Se você quer ter conforto e ainda ficar perto tudo, eu realmente acho que vale a pena ficar hospedado aqui. O café da manhã é básico, mas bom, e os quartos são grandes e bem confortáveis.

Os funcionários são prestativos, simpáticos e sempre muito elogiados pelos hóspedes: eles ajudam com dicas do que ver e fazer na cidade. A internet funciona bem e é de graça em todos os ambientes do hotel.

Na minha opinião, o custo-benefício de ficar hospedado aqui vale muito a pena, porque a localização e os serviços são ótimos. É sempre bom fazer a reserva com antecedência, porque o hotel vive lotado.

Hotel Cabo de Hornos

Agora, se você quer um lugar de excelência para ficar em Punta Arenas, a minha dica é o Cabo de Hornos. Quando estive na cidade, eu fiz uma visita a ele e fiquei realmente muito impressionado: tanto pela estrutura do prédio, quanto pelo atendimento extremamente diferenciado.

Ele fica na Plaza de Armas, o coração da cidade, e daqui você pode fazer caminhadas com muita tranquilidade. Nessa região também há lojas, bares, cafés e restaurantes. Tudo o que você precisa para ter dias completos, não é mesmo?

Os quartos nem precisam de muita explicação: basta olhar as fotos. As camas são gigantes, confortáveis e tudo parece ter sido perfeitamente pensado para esse lugar. O café da manhã é bom, mas poderia ter mais variedades.

Almasur Punta Arenas

O Almasur Punta Arenas tem uma estrutura excelente, muito bem cuidada e uma localização excelente, perto do Centro, mas em uma área bem tranquila.

O hotel é uma das referências na cidade e tem quartos amplos, muito aconchegantes, arejados e com limpeza em dia. As roupas de cama são de primeira e sempre estão cheirosas.

O café da manhã é excelente, com muitas opções e isso conta muito, não é mesmo? Meu destaque vai para os banheiros adaptados – que faz total diferença para viajantes com mobilidade reduzida.

Hostal Boutique Patagonia MíStica

O Hostal Boutique Patagonia Mística foi reformado e tem um ótimo custo-benefício. Ele fica muito bem localizado, com faço acesso a todas a áreas da cidade e isso é uma mão na roda.

Tudo é muito limpo e cheiroso, além quentinho, porque o sistema de aquecimento funciona de verdade – isso é essencial em Punta Arenas.

O atendimento é sempre muito elogiado, mas o café da manhã poderia ser melhor – falta um pouco de variedade. Quem estiver viajando de carro pode usar o estacionamento sem pagar nada por isso.

Hostel Keoken

O Hostel Keoken é muitíssimo aconchegante: os ambientes comuns têm uma decoração rústica de bom gosto e os quartos valem o preço cobrado.

O atendimento é muito simpático, as camas são excelentes e eles prezam muito pelo silêncio: evite tocar a campainha antes das oito da manhã. A limpeza e a organização também estão super aprovadas, porque a Maribel, a dona, é muito caprichosa.

O Keoken fica ao lado do Cemitério de Punta Arenas, a 600 metros do calçadão da orla e o Museu Maggiorino Borgatello também fica pertinho. Certamente, me hospedarei novamente quando voltar a Punta Arenas.

Hostel Entre Vientos

De frente para o mar, o Hostel Entre Vientos é uma excelente opção para ficar em Punta Arenas. Ele fica a 600 metros do mercado da cidade e a apenas 20 minutos a pé da praça principal, onde está a estátua do índio que você deve tocar o pé.

Todos os quartos têm internet, aquecedor – item muito importante – e banheiro compartilhado. Além disso, o café da manhã é servido como cortesia todos os dias – você não precisa pagar nada a mais mesmo – e também tem cozinha.

O hostel tem um terraço onde você pode relaxar e socializar, um lounge compartilhado com televisão – e ainda com vista para o Estreito de Magalhães – além de um salão de jogos equipado com tênis de mesa.

Apart Hotel Endurance

O Apart Hotel Endurance tem apartamentos muito bem resolvidos pertinho do Centro e de vários restaurantes super legais. Na mesma região, é fácil encontrar supermercados e outros serviços que a gente sempre precisa em uma viagem.

Os quartos têm dois ambientes, uma cozinha equipada com itens básicos – que ajuda a economizar, já que alimentação em Punta Arenas não é barata – e um quarto, além do banheiro que é grande e sempre está limpo. As roupas de cama e as toalhas são ótimos.

O café da manhã é servido no quarto e a atenção dos funcionários é excepcional. Sem dúvida é uma excelente opção para ficar em Punta Arenas sem gastar muito.

Informações Básicas

Visto

Não é necessário ter  visto para entrar no país e o tempo de permanência é de até 90 dias.

Documentos

Você pode apresentar o passaporte ou a carteira de identidade emitida há menos de dez anos.

Moeda

O peso chileno, representado pela sigla CLP, é a moeda local. Você pode levar dólares e trocar ao chegar.

Vacinas

Não há exigência de vacinação para nenhuma doença não importa qual seja o motivo da viagem.

Informações sobre covid-19

As autoridades chilenas deixaram de exigir comprovantes de vacinação e testes RT-PCR de todos os viajantes, vacinados ou não. Entretanto, você precisa cumprir alguns procedimentos antes de embarcar para o país:

  1. Preencher a Declaração Juramentada C19 para validar o comprovante de vacinação e obter o Pase de Movilidad Chileno, necessário para frequentar ambientes fechados e viajar em transporte coletivo, por exemplo;
  2. Estar preparado para testes aleatórios na chegada ao país: se o resultado for positivo, você poderá ser orientado a fazer quarentena;
  3. Se você for um viajante vacinado e tomou a última dose há mais de seis meses, a dose de reforço será exigida.
Retorno ao Brasil

De acordo com informações da Anvisa, viajantes com o esquema vacinal completo não precisam fazer teste de antígeno (teste rápido) ou RT-PCR para retornar ao Brasil, e também não é preciso preencher a Declaração de Saúde do Viajante, que está suspensa pela Anvisa.

Viajantes não-vacinados ou vacinados parcialmente precisam apresentar resultado negativo de teste de antígeno (teste rápido), coletado até 24 horas antes do voo, ou RT-PCR, coletado até 72 horas antes do embarque.

Seguro viagem

Apesar de não ser obrigatório,  viajar sem um seguro viagem com cobertura para covid-19 não é uma boa ideia. 

É que nem todos os países têm um sistema de saúde público e gratuito. Na verdade, na maioria deles, viajantes estrangeiros não têm acesso a assistência médica gratuita. Por isso, é muito importante ter o seguro internacional de saúde – também chamado de seguro viagem –, mesmo que ele não seja obrigatório.

O custo de um seguro viagem é menor do que se costuma pensar e ele garante que você terá atendimento em casos de emergências médicas comuns, como acidentes de trânsito, intoxicações alimentares, acidentes vasculares e infartos cardíacos, por exemplo.

→ Faça uma cotação do seguro viagem

Você já imaginou quanto custa um tratamento médico para esses casos em outros países? Dependendo da gravidade, o atendimento pode custar milhares de dólares, podendo gerar sérias dificuldades financeiras para você e seus familiares para o resto da vida.

Então, antes de embarcar, compre o seguro viagem, imprima o comprovante e tenho o número de emergência em local de fácil acesso.

Eu sempre uso a plataforma da Seguros Promo para comparar valores antes de fazer a compra. Eles têm um suporte muito eficiente e preços sempre muito bons.

MAIS COMPRIDO DO MUNDO

O Chile é o país mais comprido do mundo, com uma distância de 4.329 quilômetros entre seu ponto mais ao norte e mais ao sul. Por ter uma geografia extremamente diversa é possível conhecer regiões com climas muito distintos entre si.

Além do fato de que o país está espremido entre a Cordilheira dos Andes, ao leste, e o Oceano Pacífico, seu atual território envolve fronteiras, ainda, conquistas políticas e militares.

No norte, está o deserto do Atacama, considerado o mais seco do mundo. Ao sul, fica a Patagônia, território de temperaturas glaciais dividido entre Chile e Argentina. Com tantos contrastes, o território chileno tem paisagens realmente inesquecíveis.

A maior parte da população vive no centro do país. Uma das maiores cidades da América Latina, a capital Santiago se destaca pela gastronomia e pela agitada vida noturna. A charmosa Valparaíso, localizada no litoral, é marcada pelas construções coloridas.

Veja mais dicas do Chile

Ficou mais fácil planejar sua viagem? Se tiver alguma dúvida, deixe sua pergunta nos comentários que eu respondo.

Se preferir, pode falar comigo no Instagram: @altiermoulin. Agora, aproveite para ver mais dicas do Chile.

Sobre o Autor

<a href="https://www.penaestrada.blog.br/author/altier/" target="_self">Altier Moulin</a>

Altier Moulin

Sou jornalista, capixaba e apaixonado pelo universo viajante. Sempre gostei de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Quando criança, sonhava em viajar pelo mundo e, já adulto, isso virou um propósito de vida.

comentários

12 Comentários

  1. milena

    Oi Altier!
    Eu e minha família estamos indo para patagônia em dezembro, vamos fazer el calafate, puerto natales e estou incluindo punta arenas no passeio. Nossos planos são de fazer el calafate, puerto natales e punta arenas de carro, o que acha? estava pensando em reservar 1 dia e 1/2 para puerto natales e 1 dia e 1/2 para punta arenas. Você acha o suficiente?

    Responder
    • Altier Moulin

      Oi, Milena.

      Eu não fiz de carro, mas recomendo sim. Quando estive por lá, vi vários comentários dessa viagem.
      Você vai a Torres del Paine, ne? Só lá será um dia inteiro pelo menos.
      Acho que tá bom um dia e meio para cada. vai ver o essencial.

      Um abraço.

      Responder
  2. Mariana R de Almeida

    Eu irei para punta arena em janeiro. A minha filha terá 2 anos e 6 meses.
    Como é essa embarcação? Pq eu não sei se consigo leva-la.

    Responder
  3. Alberto Borges

    Olá Altier,
    Parabéns pelo seu blog. É uma boa ajuda para quem pretende visitar esta ilha.
    Estou a planear uma visita a Punta Arenas e pretendia visitar a ilha Magdalena no final de novembro.
    É fácil adquirir bilhetes para visitar a ilha? Aconselha adquirir o bilhete com antecedência?
    Obrigado
    Alberto Borges

    Responder
    • Altier Moulin

      Alberto,

      Geralmente não é necessário comprar com antecedência.

      Um abraço.

      Responder
  4. Maria Angela

    Pretendo ir a Punta Arenas no inicio de Outubro/2016, será que vou encontrar os pinguins na Isla Magdalena.

    Responder
    • Altier Moulin

      Vai sim, Maria.

      Eu fui em setembro e eles estavam chegando para se acasalar.

      Um baraço.

      Responder
      • Camila von Treuenfels

        Altier, boa noite. Qual data de setembro vc foi? Qual agencia? Todas que encontro nao reservam para o mes de setembro. =(
        Obrigada!

        Responder
  5. Janaína

    Olá,
    Comprei as passagens para Punta Arenas hoje, mas já visito seu blog há algumas semanas.
    Marido e eu levaremos nossos três filhos e esse passeio à Isla Magdalena já está nos planos.
    Seguiremos acompanhando suas aventuras enquanto planejamos as nossas.

    Responder
    • Altier Moulin

      Que coisa boa, Janaína. Aproveitem a viagem e depois nos conte como foi.

      Um abraço!

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5