Como chegar à Chapada dos Guimarães, no Mato Grosso: dicas importantes

18

Atualizado em 2 de setembro de 2020

Como chegar à Chapada dos Guimarães

Foto: Rafael Soares

Chegar à Chapada dos Guimarães é um tarefa fácil, principalmente quando a gente compara a viagem com outros paraísos naturais do Brasil.

As facilidades começam porque esse Parque Nacional fica em um município de mesmo nome, pertinho de Cuiabá. É por causa dessa localização que o acesso é rápido e barato, um motivo a mais para você conhecer a Chapada dos Guimarães.

Entende o Parque Nacional

Antes de avançar, eu acho bom que você entenda um pouco mais sobre a criação do Parque, a área protegida onde estão todos os atrativos mais interessantes dessa região de rica beleza natural.

O Parque Nacional de Chapada dos Guimarães é considerado Patrimônio da Humanidade pela Unesco, no Brasil. Ele fica no estado de Mato Grosso, a cerca de 80 quilômetros de Cuiabá, a capital do Estado.

São mais de 32 mil hectares de terra protegida com um relevo peculiar cheio de paisagens fascinantes, trilhas perfeitas para quem gosta de aventura e cachoeiras de água gelada para espantar o calor do Cerrado.

Como chegar à Chapada dos Guimarães

São diversas cachoeiras, grutas e rios para você explorar ao chegar a Chapada dos Guimarães. Cada esforço, cada trilha e gota de suor são recompensados com a paisagem e toda exuberância da natureza.

A Cidade de Pedra, por exemplo, é um dos lugares mais surreais para você conhecer no Parque.

Como chegar à Chapada dos Guimarães

Eu já expliquei que é fácil chegar à Chapada dos Guimarães, mas ainda não contei quais as opções você tem e quais as melhores escolhas.

Então, tome nota porque é isso que eu explico com detalhes a partir de agora.

Avião

O aeroporto mais próximo é Aeroporto Internacional de Cuiabá (CGB), que fica a cerca de 80 quilômetros do município de Chapada dos Guimarães e, para quem vem de longe, esse é o primeiro passo.

Depois disso, é preciso escolher o transporte a ser usado em terra durante toda a viagem.

No próprio Aeroporto Internacional de Cuiabá você pode alugar um carro, tomar um ônibus ou contratar um serviço particular de transporte para chegar à Chapada dos Guimarães.

Carro

Este é o melhor meio de transporte para chegar à Chapada dos Guimarães.

Você tem mais liberdade, pode conhecer Cuiabá por alguns dias e escolher o cronograma que quiser.

Os veículos alugados já estão preparados para os obstáculos das estradas. Seguindo pela BR-251, que está duplicada, você chega até a MT-020. A navegação é fácil, com boa sinalização e uma paisagem belíssima complementando o caminho.

 Eu aluguei um Fiat Uno e consegui fazer todos os trajetos sem problemas. 

Mas, mesmo indo de forma independente, saiba que  é necessário contratar um guia  para acompanhá-lo nos programas dentro do Parque, pois esta é uma exigência do órgão que administra esta área de proteção ambiental. Eu contratei o serviço desta guia.

Como chegar à Chapada dos Guimarães

Condição das estradas

De forma geral, as estradas estão bem conservadas, por pequenos trechos precisando de reparos.

A estrada que corta o Parque não é duplicada e é importante obedecer o limite de velocidade para evitar acidentes com animais silvestres.

Há posto de gasolina na cidade de Chapada dos Guimarães.

Como chegar à Chapada dos Guimarães

Dentro do Parque, você precisa ter  atenção com alguns trechos arenosos para o carro não patinar e sair da pista. Por isso, ande em baixa velocidade e peça orientações ao seu guia.

Ônibus

Em Cuiabá, você pode tomar um ônibus dá Expresso Rubi (não tem site) para chegar à Chapada dos Guimarães. Os veículos saem de hora em hora, mas eu aconselho você a ligar para a empresa e confirmar os horários: (66) 3421-0015. A passagem custa cerca de R$ 20.

Caso escolha usar o ônibus para chegar ao município, saiba que será necessário contratar os serviços de uma agência de turismo para fazer os passeios no Parque Nacional. Normalmente, os pacotes incluem o transporte.

Onde ficar na Chapada dos Guimarães

A cidade da Chapada dos Guimarães é pequena, tem pouco menos de 20 mil moradores e é fácil encontrar um bom lugar para ficar.

Nos arredores do Centro – na praça do Santuário de Sant’Ana -, há várias pousadas interessantes e esse é o melhor lugar para ficar, porque você fica perto de tudo: bares, restaurantes, bancos, agências de turismo e todos os serviços que você pode precisar durante a viagem.

→ Onde ficar na Chapada dos Guimarães

Só tem um segredo: é preciso fazer a reserva com antecedência, porque há vários eventos que acontecem na cidade que lotam as pousadas e, se deixar para última hora, você corre o risco de pagar mais caro.

As melhores pousadas são a aconchegante Pousada das Orquídeas, a charmosa Villa Guimarães, e a rústica Vento Sul.

Quem gosta de hotel, vai se dar bem no Hotel Turismo MT.

Mas, se quiser ter a melhor experiência da Chapada deve escolher a Pousada do Parque, que tem um visual incrível e uma energia inigualável.

Veja mais sobre o Mato Grosso

Ficou mais fácil planejar sua viagem? Se tiver alguma dúvida, deixe sua pergunta nos comentários que eu respondo, e aproveite para ver outras dicas.

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou jornalista, capixaba e apaixonado pelo universo viajante. Sempre gostei de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Desde criança, sonhei em viajar pelo mundo e, já adulto, isso virou um propósito de vida.

18 Comentários

    • Altier Moulin

      Oi, Julia.
      Sai da Rdoviária. O Rubi faz bastante paradas, mas a Expresso Chapadense tem linhas diretas.
      Por causa da pandemia, é bom verificar os horários antes.
      O telefone da rodoviária é (65) 3621-1764.

      Um abraço.

  1. Avatar
    Caroline Alves Gonzaga on

    Altier Boa noite! Vou agora de 02 a 10/01, esse é período alugando um carro normal da pra andar por la, queria muito conhecer alem da Chapada, bom jardim e o pantanal, o que me recomenda? Vc acha melhor alugar carro ou ir de ônibus e ver com as agencias de turismo na chapada?
    Obrigada pela ajuda

    • Altier Moulin

      Oi, Caroline.

      Eu fiz isso: Chapada dos Guimarães, Bom Jardim e Poconé, no Pantanal. É sensacional.
      Deu até vontade fazer novamente. 😉
      Esse período é mais chuvoso – janeiro é o mês que mais chove.
      Ir de carro até a Chapada é tranquilo, porque é tudo asfaltado.
      Mas, para fazer os passeios pode ser que precise de um 4×4 em algumas áreas e você precisa guia para a maioria dos lugares (é obrigatório).
      Bom Jardim é praticamente todo off road e, nesta época, é cheia no Pantanal.
      Com todos esses riscos, pode ser mais interessante ir com uma agência.
      Aproveite.

      Um abraço.

  2. Avatar

    Olá, iremos a Cuiabá final de outubro. Quero ir muito a Chapada, porém gostaria de saber se chegando lá de ônibus encontro algum receptivo que me leve até o véu da noiva?

    • Altier Moulin

      Oi, Claudia.

      Há vários. A cachoeira Véu de Noiva e alguas outras cachoeiras que não exigem muita caminhada. A Cidade de Pedras também é fácil, porque o carro chega até lá.

      Contrate um guia e boa viagem.

      Um abraço.

  3. Avatar

    Ola Altier, a estrada que saem de Cuiabá ao parque se encontra em boas condições? e li também que alguns passeios podem ser auto guiados como véu da noiva, é isso mesmo?

Escreva um comentário