Alter do Chão: dicas de quando ir, como chegar, onde ficar e comer – com preços

1

Atualizado em 4 de novembro de 2021

Onde ficar em Alter do Chão

A história de Alter do Chão começou há muito tempo, mas foi depois de ser eleita a melhor praia brasileira pelo jornal britânico The Guardian que o turismo bombou. A matéria, escrita pelo correspondente do jornal no Brasil, trouxe – e ainda traz – gente de todo o mundo para conhecer este canto da Amazônia.

Alter do Chão não é uma cidade, mas um distrito de Santarém, uma das mais antigas cidades da Amazônia brasileira. A estrutura de hotéis, restaurantes e outras opções de entretenimento ainda são limitadas, mas dá para notar que já há pontos mais estilosos, sem perder a essência do lugar.

Entenda Alter do Chão

Quando os portugueses chegaram à região, a maior parte das terras era habitada pela etnia borari. Com o passar do tempo, os índios foram catequizados, aculturados e hoje se misturam à população local, mantendo algumas tradições na culinária e de festejo, como o Sairé, que acontece sempre no mês setembro.

Onde ficar em Alter do Chão

A partir do século 18, Alter entrou na rota de exportação do látex, extraído das seringueiras de cidades vizinhas. Mas, logo o novo investimento se transformou em um grande fracasso e, então, passou-se a investir no turismo como o principal motor da economia local.

A FESTA DO SAIRÉ
A Festa do Sairé acontece todos os anos em Alter do Chão, sempre no mês de setembro. São cinco dias de festejo, começando na quinta-feira e terminando na segunda. Mas, atenção, a data exata varia de acordo com a lua.

Toda a história e coreografia o Sairé é uma manifestação que mistura elementos religiosos e profanos, começando com o hasteamento de dois mastros enfeitados com frutas regionais, no qual homens e mulheres o disputam separadamente, seguido de ritual religioso e danças folclóricas desempenhadas pelos moradores do balneário.

No último dia, na segunda-feira, ocorre a “varrição da festa”, a derrubada dos mastros e a “cecuiara” (almoço de confraternização), entre outros eventos. A programação termina à noite, com a festa dos “barraqueiros”.

Atualmente a festa conserva muito pouco da sua originalidade. Ganhou destaque também com o Festival dos Botões, disputa existente entre o Boto tucuxi e seu rival, o Boto-cor-de-rosa.

De Santarém a Alter do Chão, a viagem de carro dura cerca de 40 minutos. São 35 quilômetros de estradas asfaltadas e em boas condições. 

Quando ir: a melhor época

O clima em Alter do Chão e em toda esta parte da Amazônia tem características específicas.

De fevereiro a julho, mais ou menos, é o período que mais chove. Então, os rios ficam mais cheios e isso significa que, se você chegar a Alter do Chão nesta estação, você não verá sua principal atração, a Ilha do Amor, porque ela estará coberta pela água.

No verão amazônico, que vai de agosto a janeiro, as chuvas diminuem drasticamente e o nível dos rio baixa, deixando à mostra as praias que ladeiam o Rio Tapajós e outros afluentes do Amazonas que correm em direção ao mar.

Durante o ano, a temperatura varia de 24 a 33 e raramente desce para menos de 22 ou avança além dos 35 graus.

A melhor época para  curtir Alter no auge de sua beleza é entre setembro e outubro , quando acontece o Sairé. Mas claro, durante todo o segundo semestre é possível viajar e ver as belas praias.

O segredo, então, é evitar o primeiro semestre que tem chuvas constantes e volumosas.

Como chegar: avião, carro e ônibus

A porta de entrada para Alter do Chão é o Aeroporto Internacional de Santarém (STM). Ele recebe voos regulares da Azul, Gol e Latam,

Do aeroporto, você pode contratar um transfer, ou mesmo um carro de aplicativo (média de R$ 80 a R$ 100), já que a viagem não é tão longa assim: são apenas 35 quilômetros.

Também dá para alugar um carro no aeroporto de Santarém, mas eu sinceramente só acho que vale a pena se você tiver alguma necessidade especiais, porque tudo é perto e a maioria dos passeios é feita de basco.

Ônibus de linha partem a cada hora da Avenida Tapajós. Esta é uma excelente opção para quem precisa economizar.

O que fazer em Alter do Chão e arredores

A Ilha do Amor é o grande cartão-postal de Alter do Chão. Talvez, em 2009, quando o jornalista escreveu para o The Guardiam elevando Alter ao posto de melhor praia do Brasil, pode ser que ela fosse mais atraente e sem tanta intervenção humana: barracas de praia, barquinhos em um movimento frenético e muitos turistas que aproveitas as mesas e cadeiras colocadas na margem do rio.

O Lago Verde também só aparece na estação seca – menos chuvosa. É fácil notá-lo porque de um lado fica o Rio Tapajós, a Ilha do Amor no meio, e o Lago Verde do outro lado. É um dos melhores lugares para tomar banho em minha opinião.

Onde ficar em Alter do Chão

Se o seu deseja é ter uma verdadeira experiência nas selva amazônica, não deixe de fora as trilhas pela Floresta Nacional do Tapajó. Na Flona, além de todo o contato com a natureza mais bruta, é possível encontrar e interagir com comunidades locais e ouvir as histórias de quem vive e preserva a mata – o ponto alto é a caminhada de cinco horas até uma gigantesca sumaúma.

Infelizmente, não consegui fazer este passeio por causa da chuva.

Além das praias de Alter, dá para visitar praias vizinhas para complementar a experiência de estar em um lugar tão paradisíaco e famoso.

Onde ficar em Alter do Chão

O passeio de barco até a Reserva Extrativista Tapajós – Arapiuns é garantia de um belo dia cheio de experiências sensacionais.

O barco sai cedinho e para na Comunidade do Coroca, uma das muitas que vivem na reserva. Nela, eles servem almoço e dá para visitar uma produção artesanal de cestos e outras peças, uma produção de abelhas e, claro, desfrutamos da maravilha Ponta Grande, mais um banco de areia que só aparece na vazante.

Onde ficar em Alter do Chão

O segredo de escolher um bom lugar para ficar em Alter do Chão é simples: fique perto da orla e do Centrinho. Isso se você for um viajante que gosta de sol quente e de praia de rio.

Quem pretender tem uma relação mais intensa com a natureza, ficar nos hotéis e pousadas mais afastados poder uma experiência sensacional.

No mapa acima, eu inclui os principais hotéis de Alter do Chão para você ter uma visão melhor de como eles estão localizados em relação à Ilha do Amor.

POUSADA CASA DO IVO ECO MARAKA

Sem dúvidas a Pousada Casa do Ivo Eco Maraka é uma grande escolha para ficar em Alter do Chão. A pousada é excelente, super bem localizada e tem uma equipe sensacional. O Ivo e o Lenilson, donos da pousada, são pessoas sensacionais, assim como todos os funcionários.

Onde ficar em Alter do Chão

O café da manhã é excelente. Os quartos e o banheiros são muito bons, limpos e organizados. Tem tudo que a gente precisa. É aquele tipo de lugar que a gente pode escolher de olhos fechados.

VILA AMZ

A Vila AMZ é cheia de predicados: café da manhã é delicioso, atendimento excelente e, além disso, ela fica em um ponto estratégico, próximo de restaurantes, pizzarias e vários outros estabelecimentos comerciais, além de estar pertinho da praia e da praça.

Onde ficar em Alter do Chão

Isso torna a pousada perfeita porque propicia a tranquilidade e a facilidade em obter outros serviços. Sem falar que ela foi renovada e está tudo limpinho e aconchegante. Vale a pena dar uma olhada com calma.

CASA DA ÁRVORE

A Casa da Árvore é linda, bem equipada, confortável e aconchegante. Todos os hóspedes são recebidos com muito carinho, e o anfitrião explica tudo sobre todos os detalhes da casa, inclusive das espécies de macaquinhos que aparecem de vez enquanto.

É uma escolhe perfeita para quem quer ficar mais perto da natureza, com privacidade e ter a experiência de se hospedar em um lugar diferente assim. Mas, fique esperto, porque é preciso fazer as reservas com bastante antecedência.

Onde ficar em Alter do Chão

POUSADA VILA ALTER

A Pousada Vila Alter é simples, mas muito aconchegante. Ela tem  o necessário para a gente ficar dormir bem: camas confortáveis, ar-condicionado que funciona de verdade e banheiro com água fria ou quente. O Cristian, um austríaco que já tem espírito brasileiro, e as meninas que trabalham na pousada são super atenciosos.

A educação e a boa recepção tanto do proprietário quanto dos funcionários, faz a gente se sentir bem acolhido. O café da manhã é muito bom, e se você quiser tapioca ou ovos mexidos, é só pedir que eles fazem para você.

POUSADA E RESTAURANTE AMAZÔNIA

A Pousada e Restaurante Amazônia fica em uma área tranquila e silenciosa – a gente acorda com o cantar dos pássaros. Apesar de ser necessário transitar em estrada de terra, não há maiores incômodos.

Onde ficar em Alter do Chão

A pousada disponibiliza transporte para o Centro de Alter em carro próprio com motorista. Por falar nisso, a equipe é extremamente gentil e atenciosa. Eles estão sempre prontos a nos ajudar e isso conta muito, né?

POUSADA DO MINGOTE

A Pousada do Mingote é super bem localizada, de frente para a Orla do Rio Tapajós. Os funcionários são muito atenciosos, especialmente os da cozinha. Café da manhã muito sortido e gostoso, e ainda tem um mercadinho com banco 24 que faz toda a diferença.

É uma pousadinha charmosa, limpa, bem cuidada e que tem a cara de Alter do Chão. É um bom lugar par quem quer ficar bem localizado sem gastar muito.

Onde ficar em Alter do Chão

HOTEL MIRANTE DA ILHA

O Hotel Mirante da Ilha fica realmente de frente para a Ilha do Amor, o maior atrativo de Alter do Chão. Para chegar a ela, você só precisa atravessar a rua e pegar um barquinho. Pronto! Em cinco minutos você estará no paraíso.

Onde ficar em Alter do Chão

Os quartos são básicos, o café da manhã é gostoso e o atendimento é impecável. É um dos hotéis mais práticos e bem localizados de Alter, por isso é indispensável fazer a reserva com antecedência.

ÁGUALINDA HOTEL 

O Águalinda Hotel é outra pousadinha que tem seu valor. Ele é super simples, mas para os padrões de Alter do Chão, está acima da média. Sem falar que o custo-benefício é ótimo.

Ele tem quartos espaçosos, limpos, o ar-condicionado funciona perfeitamente – isso é muito importante no Pará –, atendimento da recepção super cordial, e principalmente, a localização, distante apenas cinco minutos a pé do Centrinho.

TERRAMOR AMAZON

A TerrAmor Amazon fica em uma trilha em plena floresta amazônica e é perfeita para quem quer viver uma experiência assim: você terá contato com a natureza viva, com animais como macaco, pássaros e tantos outros.

Onde ficar em Alter do Chão

Os funcionários são bem solícitos e atenciosos, sempre dispostos a ajudar. O café da manhã é preparado com muito carinho com produtos frescos e regionais. Isso faz muita diferença e deixa tudo ainda mais especial.

BELOALTER HOTEL

O BeloAlter Hotel fica em uma área cercada pelo verde, tem jardins muito bem cuidados e uma praia privativa no Lago Verde. Ele é um dos mais tradicionais de Alter e tem um custo-benefício bem interessante.

Café da manhã gostoso, com bastante variedades, atendimento sempre muito elogiado, quartos básicos, mas aconchegantes. Vale a pena da uma olhada com calma neste hotel antes de decidir onde ficar em Alter do Chão.

Faixas de preço em Alter do Chão

Agora que você já viu as minhas opções preferidas – não só as minhas, mas as de muita gente também – é hora de dar uma olhada nos preços antes de decidir onde ficar em Alter do Chão.



Booking.com

No mapa acima estão todas as opções de hospedagem da cidade, especialmente as do Centro e da Orla.  Para saber mais, você só precisa clicar nos pins azuis e pronto. 

Onde comer em Alter do Chão

O ponto de encontro em Alter do Chão é a Praça Principal. Além das tradicionais barraquinhas, nesta região ficam vários bares e restaurantes é nela que a noite começa.

Um belo restaurante, com atendimento impecável é o Arco-Íris da Amazônia. Ele tem um cardápio bem variado e, se pedir o prato do dia, pode economizar uns trocados.

Eu também gostei demais do Ty Comedoria e Bar, que fica na orla do Tapajós. Para experimente comida indígena tradicional, eu indico o Restaurante Tribal.

Para sobremesa, vá a Boto Gelado da Amazônia, que fica pertinho da praça.

A verdade é que já muitos lugares bons e baratos para comer em Alter do Chão. Você só precisa dar uma volta e, com certeza, vai encontrar um perfeito para você.

RECOMENDAÇÕES DE VIAGEM - COVID-19

Devido à pandemia de Covid-19, novas medidas de saúde e segurança foram adotadas. Elas são importantes para evitar o contágio, protegendo você, quem trabalha diretamente com o turismo e as comunidades locais.

Antes de viajar, verifique a situação do seu destino para não encontrar atrativos fechados e, claro, não colocar a sua vida e a de seus familiares em risco.

Veja algumas medidas adotadas:

  • Álcool gel disponível nos quartos e nas áreas comuns;
  • Uso obrigatório de máscaras nas áreas comuns;
  • Respeito às regras de distanciamento físico;
  • Uso de produtos de limpeza eficazes contra o coronavírus;
  • Café da manhã pode ser servido no quarto.

Veja mais sobre o Pará

Ficou mais fácil planejar sua viagem? Se tiver alguma dúvida, deixe sua pergunta nos comentários que eu respondo.

Se preferir, pode falar comigo pelo Instagram: @altiermoulin. Agora, aproveite para ver outras dicas.

SOBRE O AUTOR

Sou jornalista, capixaba e apaixonado pelo universo viajante. Sempre gostei de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Quando criança, sonhava em viajar pelo mundo e, já adulto, isso virou um propósito de vida.

1 comentário

Escreva um comentário