Quando ir a Fortaleza

0

Atualizado em 5 de novembro de 2018

Para escolher quando ir a Fortaleza, não é preciso pensar muito. A cidade é um dos destinos mais queridos do Brasil – tanto por gringos quanto por brasileiros – e isso não é por acaso: se é calor e sol que você quer, este é o lugar certo.

Eu já provei que Fortaleza tem muitas atrações em qualquer época do ano, e isso vai muito além de praia: a orla de Iracema é o ponto de encontro e se torna irresistível para uma caminhada, o pôr do sol é mais um espetáculo da natureza e as atividades do Centro Cultural Dragão do Mar acontecem o ano todo.

Quando ir a Fortaleza

Independentemente da época que você escolher para ir a Fortaleza, uma coisa é certa: o calor vai estar presente. É verdade que o vento alivia baixando a sensação térmica, mas a temperatura média anual é de 27 graus e, raramente, o termômetro marca menos que 22. Resumindo: frio, por aqui, não tem vez.

O que pode influenciar a data da sua viagem é o período das chuvas. Em Fortaleza, a maioria dos passeios é ao ar livre, em contato com a natureza ou participando das festividades de rua. Por isso, pegar dias de chuva pode ser desanimador. Então, você deve se organizar levando em consideração as estações chuvosa e seca.

Quando ir a Fortaleza

Uma caminhada pela orla da Praia de Iracema é imperdível.

Chuvas | A temporada de chuvas vai de janeiro a junho e, mesmo que o tamanho dessa estação lhe assuste, não se preocupe. Graças aos ventos do Ceará, dias que amanhecem nublados e chuvosos podem ter as nuvens empurradas rapidamente, dando espaço para o sol.

Março e abril são os meses com maior incidência de chuva, mas ainda assim, ela pode não dar as caras. Recentemente, o Ceará passou por longo período de seca, com chuvas muito abaixo do normal. Então, pode ser que nem chova.

Quando ir a Fortaleza

O vento atrai muitos praticantes de esportes aquáticos.

Seca | O período seco – com menos chance de chuva – vai de julho a novembro. Nessa região do Brasil, o verão começa em julho, quando e o céu azul é predominante. O calor, sempre presente, é um pouco mais forte e o ar fica mais seco também.

Essa é a estação dos ventos, o que nos ajuda a não sentir que há um sol para cada um. Justamente por siso, a prática de wind e kitesurfe é ideal nesses meses. Só tem um problema: é durante essa estação que as hospedagens ficam mais caras e, para conseguir uma pousada barata, é preciso reservar com antecedência.

No final de julho acontece o Fortal, um dos maiores carnavais fora de época do país. Para quem não quer esperar fevereiro chegar, ele é uma ótima desculpa para decidir quando ir a Fortaleza.

CONPARTILHE COM SEUS AMIGOS

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou um jornalista que gosta de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Desde menino, meu desejo era viajar pelo mundo. Já adulto, descobri que isso não era apenas um sentimento, mas um propósito de vida.

Escreva um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.