Quando ir à Chapada Diamantina: melhores épocas para curtir sua viagem

Atualizado em 13 de fevereiro de 2023 – 5 min de leitura

Quando ir à Chapada Diamantina

Você deve estar querendo saber quando ir a Chapada Diamantina para poder aproveitar melhor os seus dias, certo? Então, eu tenho uma boa notícia para você.

Sempre é uma boa ideia visitar a Chapada Diamantina, já que cada estação do ano oferece paisagens incríveis.

→ Cinco dias na Chapada Diamantina

Mas alguns fatores precisam ser levados em consideração na hora de escolher a data da viagem: o clima, a temporada de chuvas, a quantidade de água nas cachoeiras e os preços na alta temporada são alguns deles.

A época de seca vai de abril a outubro, e a de chuvas – não tão intensas –, de novembro a março. As chuvas de verão – especialmente de novembro a janeiro – podem enlamear as trilhas, mas deixam as cachoeiras mais caudalosas.

Entre abril e maio, passadas as chuvas de verão, a Chapada está mais verde, e entre junho e setembro, dificilmente chove.

Neste artigo, eu vou explicar sobre:

Quando ir à Chapada Diamantina

O clima na Chapada muda bastante ao longo do ano. De novembro a março, é quente e úmido, com muita chuva e temperaturas altas.

Já de maio a setembro, o clima é mais seco e temperaturas um pouco mais baixas.

Cada época tem suas vantagens e desvantagens, então pense quais são as suas prioridades para escolher quando ir á Chapada Diamantina. Você vai entender tudo melhor com o que vou explicar a partir de agora.

Parque Nacional da Chapada Diamantina

O Parque Nacional da Chapada Diamantina é uma imensa área protegida na Bahia. É um dos mais importantes destinos turísticos do país, graças à sua beleza natural, riqueza de fauna e flora e atividades de aventura.

O parque abrange uma área de mais de 1.520 quilômetros quadrados e é cercado por cadeias de montanhas, planícies e cavernas. É o lar de uma variedade de espécies animais e vegetais, incluindo jaguatiricas, macacos, aves exóticas, árvores seculares e riachos cristalinos – além dos sítios históricos.

O Parque Nacional da Chapada Diamantina é também um destino popular para os amantes da natureza e dos esportes de aventura, como trilhas, escaladas, mergulhos, rapel e camping. Além disso, oferece uma ampla gama de opções para quem busca relaxar e desfrutar da natureza, como hotéis, pousadas e centros de bem-estar.

O Parque Nacional da Chapada Diamantina é um destino imperdível para quem procura uma fuga da rotina da cidade e deseja explorar a beleza da natureza em seu estado mais puro e preservado.

Temporada de chuvas

No verão, de novembro a março, os níveis de chuva vão lá em cima e isso faz com que os rios e as cachoeiras fiquem mais cheios. A chuva começa a aparecer em outubro, se intensifica em novembro e segue até abril, quando começa a dar uma trégua.

→ Como chegar à Chapada Diamantina

A paisagem fica linda e verde e as cachoeiras ficam cheias e imponentes, mas tome cuidado com as trilhas: elas ficam escorregadias e alguns percursos mais complicados podem ser perigosos.

Quando ir à Chapada Diamantina

Na temporada de chuvas, é bom ficar esperto com algumas cachoeiras mais fundas – não se arrisque. Também fique esperto com a cabeça d’água, como eu explico abaixo.

Pelo menos a água fica mais quentinha, não tão gelada quanto no inverno. Isso é ótimo para mergulhar depois de uma trilha cansativa no sol quente da Bahia – as temperaturas costumam passar dos 30 graus com facilidade!

CABEÇA D'ÁGUA

A cabeça d’água é um fenômeno natural que acontece quando o nível do rio aumenta rapidamente devido a uma grande quantidade de chuva, o que pode ser extremamente perigoso.

Isso geralmente acontece nas partes superiores de uma cachoeira, e é mais comum no verão, quando as chuvas são mais intensas. Então, fique atento se você estiver planejando viajar na época das chuvas.

Temporada de seca

De maio a setembro, o clima é mais seco e as temperaturas são um pouco mais baixas. Áreas mais altas, como Mucugê e Vale do Capão, têm noites com termômetro marcando perto dos 10 graus. Então, não esqueça o casaco!

Essa época é ótima pra caminhar nas trilhas, curtir os dias ensolarados e ver paisagens incríveis.

Mas é importante lembrar que durante a seca, algumas cachoeiras tendem a secar – isso não acontece com todas, claro! E lembra que, nessa época, as temperaturas podem subir bastante e chegar a 35 graus ou mais. Então, não esquece de beber água e usar protetor solar, tá?

Alta temporada

A alta temporada na Chapada Diamantina ocorre durante os meses de julho e agosto, quando muitos turistas visitam a região. É uma época animada e cheia de vida, mas também é  quando os preços tendem a ser mais altos e as atrações ficam mais lotadas.

Então, se você prefere evitar multidões e quer ter mais tranquilidade na sua viagem, talvez seja melhor escolher outra época para visitar a Chapada Diamantina.

Dezembro, janeiro e fevereiro também são meses de muito movimento, mas não por causa do clima: as férias escolares atraem muitos viajantes, que chegam com a família inteira para explorar a Chapada.

Melhores épocas

Em resumo, a melhor época para visitar a Chapada Diamantina, claro, depende de suas preferências e prioridades na viagem.

Se você quer ver as cachoeiras cheias, as trilhas úmidas e a natureza verdejante, opte por visitar a região de novembro a março. Se prefere trilhas mais acessíveis, paisagens secas e a luz solar nas grutas, a época ideal é de maio a setembro.

Quando ir à Chapada Diamantina

E se quer curtir a vida noturna, a movimentação e as atrações lotadas, escolha a alta temporada de julho e agosto.

Antes de decidir quando ir á Chapada Diamantina, veja quais as melhore épocas para algumas atividades:

Vale do Pati

A trilha do Vale do Pati é feita em uma parte protegida do Parque Nacional da Chapada de Diamantina e dura três dias – além do roteiro de três dias, também pode ser feita em quatro dias, cinco dias ou até mais. A melhor época para encarar este desafio é no meio do ano, entre junho e agosto.

Poço Azul

Dar um mergulho no Poço Azul é experimentar uma das coisas mais incríveis que a Chapada Diamantina tem a oferecer. A visibilidade é melhor de fevereiro a outubro, entre 12h30 e 14h, quando os raios de sol refletem dentro da caverna.

Poço Encantado

Se quiser ver o Poço Encantado no seu máximo esplendor, precisa ir entre abril e setembro. Durante esse período, a luz do sol entra de tal forma que cria reflexos incríveis na água, dando ao lago um azul intenso. Se você quiser ver o fenômeno, tem que ir entre 10h e 13h30.

Cachoeira da Fumaça

Para ver a Cachoeira da Fumaça por cima é preciso percorrer uma trilha de 12 quilômetros – os dois primeiros quilômetros são de subida bastante íngreme. Na temporada de chuvas, boa parte da trilha fica alagada e bastante escorregadia. Na estação seca, é comum que a cachoeira fique praticamente sem água.

Sobre o Autor

<a href="https://www.penaestrada.blog.br/author/altier/" target="_self">Altier Moulin</a>

Altier Moulin

Sou jornalista, capixaba e apaixonado pelo universo viajante. Sempre gostei de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Quando criança, sonhava em viajar pelo mundo e, já adulto, isso virou um propósito de vida.

comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share to...