Quando ir a Fernando de Noronha: veja a melhor época – dicas mês a mês

3

Atualizado em 11 de abril de 2021

Quando ir a Fernando de Noronha

Fernando de Noronha é um arquipélago que fica a 350 quilômetros da costa brasileira e isso faz com que seu clima tenha características bem peculiares, já que sofre influência direta das correntes marítimas e dos ventos oceânicos. Por isso, é muito importante entender quando ir a Fernando de Noronha.

Cercado por belas praias e com uma natureza preservada que é exuberância pura, a verdade é que  Noronha não combina com chuva  e frio.

Longe de mim desejar isso para alguém, mas quem não se atenta para a época certa na hora de escolher quando ir a Fernando de Noronha vai jogar dinheiro fora.

→ Hostel em Noronha: a lista completa

Isso pode acontecer porque, dependendo do clima, alguns passeios são cancelados: as saídas de barco, por exemplo, são suspensas em dias de mar muito batido e chuvoso.

Quando ir a Fernando de Noronha

Fernando de Noronha tem, na prática, apenas duas estações: seca e chuvosa, e entender isso é o primeiro passo para planejar sua viagem.

→ Onde comer em Noronha sem gastar muito

A estação seca vai de agosto a fevereiro. Nesse período, os dias são ensolarados e longos, perfeitos para quem quer aproveitar Noronha ao máximo.

O período das chuvas vai de março a julho, sendo que abril, maio e junho são os meses mais chuvosos. Então, é bom evitar esse período.

Quando ir a Fernando de Noronha

Temperatura da água

A temperatura em Noronha é estável, com média de 28 graus. Isso significa que faz calor e, portanto, levar roupas leves é o mais indicado.

A água é super agradável, sempre em torno dos 24 graus.

Condições do mar

Outra coisa que você precisa prestar atenção é na condição do mar.

Da metade de outubro até o final de março, as ondas ficam mais fortes e o mar mais mexido: é a chegada do swell, um termo usado por surfistas para descrever essa movimentação do mar, que, para quem curte pegar onda, é ótimo.

Por outro lado, com ondas maiores e mar agitado, a visibilidade da águia pode ser prejudicada, especialmente para quem curte esnórquel.

Noronha mês a mês

Janeiro

Dias ensolarados e com pouca chance de chuva deixam a ilha com aquela vibe que a gente busca para as férias. O mar pode estar agitado, mas dá para aproveitar as praias e fazer esnórquel e mergulho de cilindro.

Um grande ponto negativo é que o começo do ano é a época mais cara de Noronha: os preços disparam por causa da procura.

Nessa época, a ilha também fica mais movimentada, como em qualquer lugar de praia durante as férias escolares, né?

Fevereiro

O mês preferido dos surfistas tem ondas grandes quebrando na areia e isso deixa o mar um pouco mais mexido. Por isso, não é o melhor mês para quem quer fazer esnórquel.

Pode chover um pouco, mas são chuvas rápidas de verão que logo vão embora.

Depois do Carnaval, o movimento aumenta um pouco, porque alguns viajantes aproveitam que estão no Nordeste e fazem um pós-carnaval em Noronha, mas não há uma programação especial.

A ideia é mesmo descansar para começar o ano de verdade.

Março 

Com março chegam as chuvas e quantidade de dias nublados aumenta. Bom para os surfistas, que ainda podem curtir boas ondas, ruim para quem quer curtir as praias e explorar a natureza da ilha.

Uma coisa muito importante é levar calçados para lama, porque muitas ruas de Noronha não são calçadas e, com a chegada das chuvas,  viram um lameiro só.

O ponto positivo de ir a Fernando de Noronha em março é o custo: com menos procura, as pousadas fazem promoções interessantes.

Abril

É um mês bem chuvoso, considerado baixa estação em Noronha.

O movimento de turistas cai consideravelmente e até alguns moradores aproveitam para deixar a ilha e passar uma temporada no continente – nem tudo se resolve a partir de uma ilha no oceano, né?

Quando ir a Fernando de Noronha

Maio

Maio tem as mesmas características de abril: chuva todos os dias. Mas, é importante dizer que isso não significa que chove o dia inteiro todos os dias.

Às vezes chove apenas no começo do dia ou no meio da tarde. Há dias que o sol aparece timidamente. Enfim, é um período muito instável.

Junho

Quem só pode viajar para Noronha nos meses de abril, maio e junho precisa trabalhar o psicológico para encarar chuva.

Isso é importante para não se frustrar, pois Noronha não terá o mesmo charme que tem, quando o sol brilha forte, em dias nublados: praia não combina com céu cinza, não é verdade?

Junho até tem menos volume de chuvas, mas os dias são nublados e um tanto sem graça.

Uma observação importante: nos meses mais chuvosos – abril, maio e junho – apesar da pouca luminosidade, a visibilidade de água é muito boa, porque o mar estará calmo, sem fortes ondas.

Julho

Julho volta a empolgar a ilha.

Com dias alternando em parte com sol e parte com chuva, dá para aproveitar as praias, os passeios e o mar calminho, com ótima visibilidade.

Uma dica é ficar uns dias a mais para não ser prejudicado pela chuva: venha com calma, sem pressa para ir embora, mas faça as reservas com antecedência, porque os preços já começam a subir novamente.

Agosto

Agosto inaugura a temporada de céu limpo, dias quentes e lindos, perfeitos para quem esperou uma vida inteira para colocar os pés em Noronha.

Dá para fazer esnórquel, mergulho, levar as crianças para brincar de pular ondinhas e ver, de verdade, o que essa ilha tem de tão lindo que encanta o mundo.

Aliás, agosto é o mês dos europeus desembarcarem em Noronha: você verá muitos deles.

Setembro

No mesmo padrão de agosto, setembro é outro ótimo mês para ir a Fernando de Noronha.

Céu limpo, mar igual piscina, paisagens como as dos cartões-postais, mas, os preços já voltaram ao normal.

A regra de reservar tudo com antecedência é super válida.

Quando ir a Fernando de Noronha

Outubro

Até a metade de outubro o mar ainda está calmo. Depois, o swell chega e muda muita coisa.

A Praia do Cachorro começa a se encher de pedras, é preciso se afastar mais para ter boa visibilidade com o esnórquel e o mar fica mais batido para fazer passeios de barco.

O ponto positivo é que as chances de chuva são mínimas.

Novembro

Com o swell instalado, os surfistas voltam para a ilha e o mar fica mais atraente para eles do que para quem queria apenas um mergulho despretensioso.

O tempo segue firme e os preços já voltaram ao normal.

Dezembro

Dezembro segue na mesma linha de outubro e novembro: dias ensolarados e mar agitado.

Até 15 de dezembro é baixa estação e os preços pode ser atraentes, mas a ilha estará quieta, sem muito agito: todo mundo chega mais no fim do mês para curtir o réveillon.

Quando ir a Fernando de Noronha

Qual a melhor época?

Esta é a pergunta que todo mundo gostaria de responder, mas é difícil dar garantias sem avaliar um conjunto de fatores  – que podem ser até pessoais.

Mas, de forma geral, um bom período para conhecer Fernando de Noronha é agosto, setembro e outubro, quando o céu está mais limpo e o mar mais calmo.

Neste período, ainda não é altíssima estação – fora dos feriados, claro – e dá para economizar um pouco.

Onde ficar em Fernando de Noronha

A parte mais movimentada, que podemos considerar o Centro de Noronha, é a Vila dos Remédios. É nesta área que a vida noturna acontece e onde há mais opções de comércios e serviços.

Da Vila dos Remédios, é fácil chegar às praias do Cachorro, do Meio e da Conceição: apesar das ladeiras, dá para ir caminhando tranquilamente.

→ Onde ficar em Fernando de Noronha

Sem dúvida, esta é a parte perfeita de Noronha para quem quer fazer praticamente tudo de forma independente, curtindo o dia e a noite.

Na Vila, as pousadas Recanto e Germana têm tarifas dentro da média e acomodações muito boas.

Uma opção econômica é a Simpatia da Ilha.

A Pousada do Vale fica pertinho da Vila e tem uma estrutura muito melhor.

Fora da Vila dos Remédios

Há áreas bem próximas da Vila dos Remédios que também são boas para ficar em Fernando de Noronha.

Um pouquinho mais para dentro da ilha, pertinho da BR-363, que vai do aeroporto ao Centro, eu indo as pousadas Lua Bela e Corveta.

A Martinelli Residence e a Palhoça da Colina são boas opções bem mais simples e econômicas.

Onde comer em Fernando de Noronha sem gastar muito: lugares e preços

Abaixo da rodovia, no bairro Floresta Nova, ficam a Atobá e as duas pousadas do Bruno Gagliasso, a Maria Bonita e a Maria Flor, que ainda não foi inaugurada.

No bairro Floresta Nova, ainda perto do Centro, estão as clássicas Zé Maria, Morena e a fantástica Filó.

Quem quiser privacidade e não faz questão de ficar perto do movimento, pode escolher a Pousada Maravilha, a mais cara de Noronha, que fica perto da Praia do Sueste.

POUSADA ATOBÁ

Do outro lado da BR-363, no finalzinho do bairro Floresta Nova, a Pousada Atobá tem um custo-benefício muito bom. Os quartos são compactos, mas muito bem decorados, limpos e arejado.

Onde ficar em Fernando de Noronha

A área da piscina é incrivel e o atendimento também é excepcional: tudo é muito ajustado e, mesmo não sendo uma pousada grande, funciona muito bem.

Onde ficar em Fernando de Noronha

POUSADA MARIA BONITA

Ainda no Floresta Nova, a Maria Bonita é a famosa pousada do Bruno Gagliasso. Aliás, é a primeira, porque ele está construindo a segunda, a Maria Flor.

Onde ficar em Fernando de Noronha

Não é uma pousada que impressiona logo de cara, mas fica muito bem localizada, numa parte bem urbanizada e perto de tudo: só não tem uma vista bonita – aliás, nenhuma.

POUSADA MORENA

A Pousada Morena fica na margem da rodovia, no bairro Floresta Velha, perto da Vila dos Remédios, e é uma das minhas favoritas em Noronha.

Onde ficar em Fernando de Noronha

Ela tem uma piscina de borda infinita de cara para o Morro do Pico que é sensacional. Os quartos são muito espaçosos e o conforto é excepcional. Vale muito a pena dar uma olhada com calma nesta pousada.

POUSADA ZÉ MARIA

A Pousada Zé Maria é uma das mais tradicionais de Noronha. Ela começou logo que a ilha abriu para o turismo e vem se renovando ao longo dos anos.

Os bangalôs são muito espaçosos e têm vista panorâmica para o Morro do Pico. Todas as quartas e sábados, a partir das 20h30, acontece o Festival Gastronômico no restaurante da pousada.

Onde ficar em Fernando de Noronha

MARAVILHA

A Pousada Maravilha fica do outro lado da ilha, perto da Praida de Sueste. Espaçosa e muito bem decorada, ela tem uma piscina incrível com vista para a praia.

Onde ficar em Fernando de Noronha

Todos os ambientes são arejados, modernos e os quartos são magníficos: também com uma vista incrível. Com tudo isso, ela é a pousada mais cara de Noronha.

Onde ficar em Fernando de Noronha

Pousadas econômicas

POUSADA SIMPATIA DA ILHA

A Pousada Simpatia da Ilha fica na Vila dos Remédios, perto de tudo: ponto de ônibus, restaurantes e lanchonetes e tudo mais.

É uma pousada pequena, muito arrumadinha, com quartos compactos e preço super interessante. É um dos melhores custo-benefício da ilha.

PALHOÇA DA COLINA

A Palhoça da Colina fica na Estrada da Colina, pertinho da Vila dos Remédios. Pequena, ela tem bangalôs básicos, com o essencial para ter dias tranquilos e confortáveis.

É uma boa ideia para quem quer uma opção alternativa e pretende passar o dia fora e só voltar para o quarto para dormir. O atendimento é muito elogiado.

MARTINELLI RESIDENCE

A Martinelli Residence fica na entrada da Vila dos Remédios e é mais uma boa opção para quem não quer gastar muito.

Os quartos são básicos, mas bem arrumadinhos – alguns têm banheiro compartilhado. Dá para usar a cozinha e pegar muitas dicas com o Caio, dono da pousada.

RECOMENDAÇÕES DE VIAGEM - COVID-19

Devido à pandemia de Covid-19, novas medidas de saúde e segurança foram adotadas. Elas são importantes para evitar o contágio, protegendo você, quem trabalha diretamente com o turismo e as comunidades locais.

Antes de viajar, verifique a situação do seu destino para não encontrar atrativos fechados e, claro, não colocar a sua vida e a de seus familiares em risco.

Veja algumas medidas adotadas:

  • Álcool gel disponível nos quartos e nas áreas comuns;
  • Uso obrigatório de máscaras nas áreas comuns;
  • Respeito às regras de distanciamento físico;
  • Uso de produtos de limpeza eficazes contra o coronavírus;
  • Café da manhã pode ser servido no quarto.

Veja mais dicas de Pernambuco

Ficou mais fácil planejar sua viagem? Se tiver alguma dúvida, deixe sua pergunta nos comentários que eu respondo.

Se preferir, pode falar comigo no Instagram: @altiermoulin. Agora, aproveite para ver outras dicas.

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou jornalista, capixaba e apaixonado pelo universo viajante. Sempre gostei de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Quando criança, sonhava em viajar pelo mundo e, já adulto, isso virou um propósito de vida.

3 Comentários

  1. Pingback: Destaques de Viagem: 31 de Julho de 2020 – Roteiro Planejado

Escreva um comentário