Onde ficar em São Bento do Sapucaí: as dicas mais importantes – com preços

0

Atualizado em 1 de março de 2021

Onde ficar em São Bento do Sapucaí

Se você quer fugir da correria de São Paulo e respirar ar puro bem longe de aglomerações, já pode começar a olhar onde ficar em São Bento do Sapucaí.

São quase três horinhas de viagem, saindo da capital, até a Estância Climática de São Bento do Sapucaí – esse é o nome completo da cidade, mas eu explico isso melhor daqui a pouco.

Essa cidadezinha, que fica a 33 quilômetros de Campos do Jordão, na Serra da Mantiqueira, tem um charme especial e você vai comprovar isso.

Mas, seu grande atrativo natural é a Pedra do Baú.

Do alto da Pedra, é possível ter uma vista linda da Serra da Mantiqueira, na divisa dos estados de São Paulo e Minas Gerais.

Dentro da APA Sapucaí-Mirim, que inclui as pedras do Bauzinho e da Ana Chata, e nos arredores dessa área de proteção ambiental, você pode fazer várias atividades de aventura e de contato com a natureza.

Onde ficar em São Bento do Sapucaí

ESTÂNCIA CLIMÁTICA
São Bento do Sapucaí é um dos 12 municípios paulistas considerados estâncias climáticas pelo Estado de São Paulo, por cumprirem determinados pré-requisitos definidos por Lei Estadual.

Esse status garante aos municípios uma verba maior por parte do Estado para a promoção do turismo regional. Também, o município adquire o direito de agregar junto a seu nome o título de Estância Turística, termo pelo qual passa a ser designado tanto pelo expediente municipal oficial quanto pelas referências estaduais.

O que fazer em São Bento do Sapucaí

Na área do Complexo da Pedra do Baú há trilhas com diversos níveis de dificuldade. As principais são:

  • Trilha do Baú – via Ferrata;
  • Trilha do Bauzinho;
  • Trilha Ana Chata.

Subindo alguns níveis de adrenalina, dá para faz escaladas, rapel e voo livre. Tem, também, várias cachoeiras que valem a pena.

É importante dizer que para fazer as trilhas com segurança, é preciso estar acompanhado de um guia local. Veja a lista de agências e guias.

Onde ficar em São Bento do Sapucaí

Foto: Miguel Schincariol

Você também pode aproveitar outro lado da região visitando vinícolas, plantações de morango, almoçando no Entre Vilas, no Pedra do Baú e tendo aulas na Escola de Chá Embahú.

Viu como tem programação para encher seus dias de folga sem estresse e aglomeração?

Onde ficar em São Bento do Sapucaí

A dica é passar pelo menos um final de semana para poder aproveitar os atrativos e sentir o clima gostoso da noite.

Eu selecionei três casas de temporada super aconchegantes e algumas pousadas ótimas para você escolher onde ficar em São Bento do Sapucaí.

CHALÉ NAS OLIVEIRAS

O Chalé nas Oliveiras tem uma vista linda para o vale da Pedra do Baú e é perfeito para quem quer privacidade e um pouco de ar puro.

Onde ficar em São Bento do Sapucaí

A casinha é nova, com tudo novinho e bem cuidado. Note que o chalé não aceita crianças nem animais de estimação. A diária custa R$ 430.

Onde ficar em São Bento do Sapucaí

CHALÉ RINOCERONTE

O Chalé Rinoceronte é outra excelente opção. Ele acomoda até quatro pessoas e tem uma banheira com uma vista linda.

Onde ficar em São Bento do Sapucaí

Aliás, essa vista acompanha todos os dois mil metros quadrados da terreno onde fica o chalé. Então, espaço não vai faltar. A diária custa cerca de R$ 850.

Pedra do Baú, em São Bento do Sapucaí

SÍTIO BRUMAS DO BAÚ

O chalé do Sítio Brumas do Baú é sensacional. Espaçoso, arejado e com uma jacuzzi com uma vista fenomenal. Mas, isso tem um preço: R$ 780 a diária.

Onde ficar em São Bento do Sapucaí

É um lugar daqueles que a gente chega e nunca mais quer ir embora, sabe como é? A cozinha é completa e o quarto é perfeito para um casal. O sítio não aceita animais de estimação.

POUSADA VILLA DA MONTANHA

Os pontos forte da Pousada Villa Da Montanha são a localização, o café da manhã e o atendimento da equipe. Juntando as isso o conforto dos quartos e o cuidado com que tudo é feito, é o lugar ideal para quem procura uma pousada.

A pousada parece uma vila encantada muito tranquila e aconchegante. A área da piscina é sensacional e o valor da diária para casal fica em torno de R$ 450.

POUSADA QUILOMBO

A Pousada do Quilombo é  amis completa de São Bento do Sapucaí na minha opinião. Quadras de tênis, uma vista incrível para as montanhas, varandões com uma vista linda para o pôr do sol e um atendimento excepcional.

Os quartos são também excelentes, amplos, bem decorados e super confortáveis. E, além disso, há apartamentos que acomodam bem até oito pessoas. A diária mais barata custa R$ 480.

POUSADA TURMALINAS

A Pousada Turmalinas ganha muitos pontos com o atendimento, feito com carinho pelos donos da pousada, e isso ajuda a ter aquela sensação de estarmos em casa, sabe?

A localização é muito boa, fácil de chegar a qualquer lugar e os quartos sempre estão impecavelmente limpos – assim como todas as áreas compartilhadas. Dá para perceber que eles cuidam de todos os detalhes.

POUSADA QUINTA DOS COLIBRIS

A Pousada Quinta dos Colibris é uma das mais elogiadas de São Bento e os motivos são justos: ótima área verde, quartos super bem cuidados e atendimento caloroso dos proprietários.

Além disso, tem um delicioso café da manhã – daqueles caprichado mesmo, sabe como é? – e a localização é ótima. Ah! Se estiver viajando de carro, pode estacionar dentro da pousada. A diária custa em torno de R$ 440.

POUSADA SAPUCAÍ

A Pousada Sapucai é um lugar simples, mas muito agradável e aconchegante: tem tudo que a gente precisa para passar noites confortáveis e seguras.

A localização é ótima, no centro perto de tudo. O café da manhã é muito bom e o atendimento é excelente – toda a equipe é muito atenciosa. O valor da diária é bem atraente, cerca de R$ 230 para o casal.

Faixas de Preços

Se quiser dar uma olhada em outras opções de hospedagem antes de decidir onde ficar em São Bento do Sapucaí, é só conferir o mapa abaixo. 

Nele, você pode ver os preços e escolher aquela opção que se encaixa melhor no seu orçamento.


Booking.com

Como chegar a São Bento do Sapucaí

São Bento do Sapucaí fica a 201 quilômetros da capital e a melhor época é o inverno, quando a cidade ganha um clima mais romântico, mas, no resto do ano, os dias ensolarados são melhores para curtir a natureza.

De carro, a viagem dura cerca de 2h40. Há cobrança de pedágio no trecho.

Para quem pretende viajar de ônibus, a empresa Pássaro Marrom faz o trecho de São Paulo a Campos do Jordão, e de Campos do Jordão a São Bento do Sapucaí. Então, será preciso comprar passagens separadas.

RECOMENDAÇÕES DE VIAGEM - COVID-19

Devido à pandemia de Covid-19, novas medidas de saúde e segurança foram adotadas. Elas são importantes para evitar o contágio, protegendo você, quem trabalha diretamente com o turismo e as comunidades locais.

Antes de viajar, verifique a situação do seu destino para não encontrar atrativos fechados e, claro, não colocar a sua vida e a de seus familiares em risco.

Veja algumas medidas adotadas:

  • Álcool gel disponível nos quartos e nas áreas comuns;
  • Uso obrigatório de máscaras nas áreas comuns;
  • Respeito às regras de distanciamento físico;
  • Uso de produtos de limpeza eficazes contra o coronavírus;
  • Café da manhã pode ser servido no quarto.

Veja mais dicas de São Paulo

Ficou mais fácil planejar sua viagem? Se tiver alguma dúvida é só deixar sua pergunta nos comentários que eu respondo.

Se preferir, pode falar comigo no Instagram: @altiermoulin. Agora, aproveite para ver outras dicas de São Paulo.

SOBRE O AUTOR

Sou jornalista, capixaba e apaixonado pelo universo viajante. Sempre gostei de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Quando criança, sonhava em viajar pelo mundo e, já adulto, isso virou um propósito de vida.

Escreva um comentário