rodape-hungria

0

Atualizado em 20 de novembro de 2021

Informações Básicas
Visto | Brasileiros não precisam de visto para entrar e permanecer na Hungria por até 90 dias.
Documentos | É necessário apresentar o passaporte com validade de, pelo menos, três meses.
Dinheiro | A moeda do país é o forint húngaro, identificado pela sigla HUF. Você pode levar euros e trocar nas casas de câmbio.
Vacinas | Nenhuma vacina é exigida de brasileiros, mas o seguro viagem é obrigatório. Sem ele, você pode ser impedido de entrar no país. 

SEGURO VIAGEM

O seguro viagem é obrigatório para todos os países europeus que fazem parte do Tratado de Schengen:  a Hungria é um deles. 

Sem o seguro, você pode ser impedido de entrar no país. E tem mais: há uma cobertura mínima de EUR 30.000. Portanto, você precisa informar para qual – ou quais – país vai viajar antes de comprar o seguro.

Eu sempre indico o Seguros Promo, um site que compara os preços de várias seguradoras e nos mostra os melhores valores para cada cobertura.

Além disso, nem todos os países têm um sistema de saúde público e gratuito. Na verdade, na maioria deles, viajantes estrangeiros não têm acesso a assistência médica gratuita. Por isso, é muito importante ter o seguro internacional de saúde – também chamado de seguro viagem.

→ Faça uma cotação do seguro viagem

O custo de um seguro viagem é menor do que se costuma pensar e ele garante que você terá atendimento em casos de emergências médicas comuns, como acidentes de trânsito, intoxicações alimentares, acidentes vasculares e infartos cardíacos, por exemplo.

Você já imaginou quanto custa um tratamento médico para esses casos em outros países? Dependendo da gravidade, o atendimento pode custar milhares de dólares, podendo gerar sérias dificuldades financeiras para você e seus familiares para o resto da vida.

Então, antes de embarcar, compre o seguro viagem, imprima o comprovante e tenho o número de emergência em local de fácil acesso.

Veja mais sobre a Hungria

Ficou mais fácil planejar sua viagem? Se ainda tiver alguma dúvida, deixe sua pergunta nos comentários que eu respondo.

Se preferir, pode falar comigo pelo Instagram: @altiermoulin. Aproveite, também, para ler outros posts sobre a Hungria.