Visite a cúpula da Basílica de São Pedro

0

Atualizado em 30 de junho de 2017

A Basílica de São Pedro fica no Vaticano e é a maior representação do poder e da importância da Igreja Católica. Então, você já pode imaginar que entrar nessa grandiosa igreja é algo magnífico, e entre os diversos passeios que você pode fazer aqui, visitar a cúpula da Basílica de São Pedro é imperdível.

O Vaticano é uma Cidade-Estado que fica em Roma e possui cerca de 500 metros quadrados, o que equivale a um vasto quarteirão. A cidade, que foi fundada em 1929, é, ainda hoje, o núcleo oficial da Igreja Católica. É aqui, também, que mora o papa, chefe da igreja e autoridade máxima do país.

Visite a cúpula da Basílica de São Pedro

O lugar onde acontecem as audiências papais no Vaticano.

Subindo as escadas

A cúpula da Basílica de São Pedro foi projetada por Michelangelo e pode ser vista por quase toda cidade de Roma. Chegar ao topo da cúpula com seus 132 metros – o que equivale a um prédio de 44 andares – exige fôlego e um pouco de esforço físico: são 551 degraus que separam o chão do ponto mais alto da basílica.

A subida não é tão fácil, mas você tem duas opções. A primeira é subir todos os 551 degraus de escada, e a segunda opção é um pouco mais confortável: você subirá uma parte do trajeto de elevador até o terraço e depois encarar os últimos 320 degraus. Parece bastante desafiador e cansativo, mas eu lhe garanto que cada degrau subido vale muito à pena e a recompensa é encantadora.

O primeiro passo para a visita é comprar a entrada. A bilheteria fica fora da basílica, no lado direito e os ingressos custam EUR 8, com elevador, e EUR 6, só escada.

Se você optar por subir todo percurso de escada, basta seguir as indicações e partir para o desafio, mas se você, assim como eu, preferir deixar de lado tamanho esforço físico, aguarde a fila do elevador e suba até o terraço. Na minha visita à cúpula, a fila de espera do elevador foi bem rápida, algo em torno de dez minutos.

Visitando a cúpula

A primeira parada é no terraço da basílica. Lá você vai encontrar banheiros, uma loja de souvenir e um pequeno bar para tomar um café.

O terraço dá acesso ao lado de dentro da basílica. Então, vá se preparando, pois ao entrar você ficará deslumbrado com tamanha beleza e riqueza de detalhes que não são possíveis enxergar lá de baixo. Você verá que as pinturas no teto da basílica que, na verdade, são grandiosos e impressionantes mosaicos, e conseguirá ver as pessoas lá em baixo visitando a basílica, porém do tamanho de pequenas formigas. Recomendo que você não tenha pressa e repare em cada detalhe possível.

Visite a cúpula da Basílica de São Pedro

Detalhe da cúpula da Basílica de São Pedro.

Visto o interior da basílica, agora é hora de continuar o passeio e chegar ao topo da cúpula. Essa é a parte mais difícil de todo o trajeto, já que os corredores são estreitos e todos devem andar em fila. Visitantes com idade avançada, crianças pequenas e pessoas claustrofóbicas não devem subir até o topo.

Visite a cúpula da Basílica de São Pedro

A vista aqui do alto.

Visite a cúpula da Basílica de São Pedro

Os belos jardins do Vaticano.

A expectativa pela vista do alto, nesse momento de subida, é muito grande e confesso que fiquei muito ansioso por este momento, afinal é uma vista de 360 graus de toda a cidade de Roma.

Chegando ao topo, você vai entender porque este passeio é inesquecível. Aqui do alto, você vai ver a beleza dos jardins do Vaticano, a arquitetura fantástica da Praça São Pedro, o Coliseu, o monumento a Vittorio Emanuelle II, o Castelo Sant’Angelo e grande parte da cidade de Roma.

Visitar a cúpula da basílica é enxergar toda grandiosidade e esplendor da Igreja Católica e da cidade de Roma, além de ser um passeio que emociona a todos.

Programe sua visita à cúpula da Basílica de São Pedro

Quanto custa | Há duas opções para você visitar a cúpula da Basílica de São Pedro: subindo parte do trajeto de elevador, você paga EUR 8, mas se optar por subir todos os 551 degraus de escada, o ingresso custa EUR 6. A bilheteria está localizada na entrada da direita da Basílica.

Quando ir | Você pode visitar a Basílica de São Pedro durante todo o ano, mas os horários variam de acordo com a estação do ano: de 1º de outubro a 31 de março, ela abre das 8h às 17h, e de 1º de abril a 30 de setembro, das 8h às 18h.

Quem leva | Há várias outras atrações na Cidade do Vaticano e você pode comprar seus ingressos com antecedência para evitar as gigantescas filas. Veja todas as opções de passeio.

Como chegar | Usando o transporte público, você pode descer na estação de metrô Ottaviano e caminhar até o Vaticano.

Onde ficar | Roma é uma das cidades mais visitadas do mundo e há uma infinidade de hotéis, hostels e apartamentos disponíveis na cidade. O grande detalhe é que, fazendo as reservas com antecedência, você consegue uma boa localização e, claro, preços mais baixos. Veja as melhores opções de hospedagem em Roma.

Visto | Brasileiros não precisam de visto para entrar e permanecer na Itália por até 90 dias. Porém, é preciso apresentar o passaporte com até seis meses de validade e o seguro viagem. Veja como comprar o seu com descontos exclusivos.

CONPARTILHE COM SEUS AMIGOS

SOBRE O AUTOR

André Pain

Administrador atuando como auditor contábil em uma multinacional e viajante nas horas vagas, meu sonho de criança era conhecer o mundo. Hoje, meu maior prazer é ver isso se realizar toda vez que embarco para um novo destino.

Escreva um comentário

Inline
Inline