Mais países tornam o seguro viagem obrigatório

0

Atualizado em 18 de junho de 2018

Nos últimos meses, alguns países anunciaram que tornaram o seguro viagem obrigatório para turistas. O Equador foi o mais recente, mas a longa lista tem ainda Cuba, Venezuela, Dubai, Rússia, Argélia, Irã e todos os países da comunidade europeia que fazem parte do Tratado de Schengen.

Aliás, quem já visitou a Europa sabe que o seguro viagem obrigatório não pode ser qualquer um. Tem que ser um seguro específico para o Antigo Continente. Então, antes da viagem, é muito importante pesquisar bastante para não ser pego de surpresa.

Para deixar as coisas bem claras, quando um país define que o seguro viagem é obrigatório, isso significa que os oficiais da imigração poderão exigir que você mostre o comprovante no momento da chegada ao país. Sem ele, você será impedido de entrar.

Uma dica de ouro que sempre dou é contratar o seguro viagem mesmo que o país de destino não exija, porque, na maioria dos casos, os gastos com hospital para estrangeiros são muito altos.

Seguro viagem obrigatório

Na América Latina, a maioria dos países não exige a contratação de um seguro viagem, com a exceção de Cuba, Venezuela e Equador.

Os Estados Unidos não exigem a contratação obrigatória do seguro, porém, o custo de qualquer atendimento médico no país é altíssimo e, nessas horas, é melhor estar assegurado.

Na Europa, o seguro viagem obrigatório nos seguintes países: Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslovênia, Eslováquia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Holanda, Hungria, Itália, Islândia, Letônia, Lituânia, Liechtenstein, Malta, Noruega, Luxemburgo, Polônia, Portugal, República Tcheca, Suécia e Suíça.

A Austrália também considera o seguro viagem obrigatório e, sem ele, você pode ser impedido de entrar no país.

Onde comprar

Eu lhe indico a fazer uma cotação e comprar com a Seguros Promo. Eles reúnem as melhores operadoras do mundo e mostram qual o melhor valor para você, dentro que o seu destino exige. Pode confiar que o serviço é campeão.

Passaporte em dia

Além do seguro viagem, é preciso se atentar à documentação exigida. Na América Latina, por exemplo, existem alguns países para viajar sem passaporte, mas ele permanece sendo o documento oficial do viajante em todos os lugares do mundo.

Checar o prazo de validade também é importante. Afinal, alguns destinos pedem que o passaporte seja válido por até seis meses após a data de chegada ao país.

Outro detalhe é se atentar ao visto que pode ser exigido pelo país de destino. Nos Estados Unidos, mesmo que seja só conexão, é exigido o visto americano.

Certificado de vacinação

Mais de 130 países exigem o Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia contra diversas doenças, inclusive a febre amarela. Por isso, vale pesquisar com antecedência e se planejar sem estresse. Para lhe auxiliar, sugiro que você leia: Como solicitar o certificado de vacinação.

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou jornalista, capixaba e apaixonado pelo universo viajante. Sempre gostei de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Quando criança, sonhava em viajar pelo mundo e, já adulto, isso virou um propósito de vida.

Escreva um comentário