Onde comer no Cairo

4

Atualizado em 15 de maio de 2018

Comer em um país com hábitos tão diferentes pode ser um desafio. Contudo, sempre vale a pena se arriscar e se surpreender com sabores diferentes. Na capital do Egito, há de tudo. Aqui, você encontra desde as redes de fast food internacionais até muitas opções de pratos típicos e ótimos restaurantes para comer no Cairo.

É verdade que ler o cardápio em alguns restaurantes será a hora mais difícil de escolher suas comidas no Egito. Por isso, escolha lugares mais turísticos onde o menu é traduzido para o idioma britânico. E também, os garçons podem entender o seu inglês. O Zööba é um desses locais, onde você vai ser bem atendido, comer muito bem e sem estresse.

Onde comer no Cairo

O agradável ambiente do Zööba é ideal para você provar as comidas do Egito.

Delícias do Egito                                      

Aqui, eu experimentei um delicioso koshary. Este é um prato que mistura macarrão, arroz, lentilha, grão de bico, cebola e alho, com um molho de tomate levemente apimentado. Parece estranho, mas eu lhe garanto que sua opinião não será a mesma depois de comer um dos mais famosos pratos da culinária egípcia. O halal é bem semelhante, mas leva carne.

Seu passeio gastronômico pode continuar pelas comidas de rua. Elas estão em todos os lugares da capital: são diversos ambulantes com carrinhos e todo tipo de comida.

Reserve já o seu hotel no Cairo e garanta os melhores preços.

Abra sua mente e se aventure com esses novos sabores. Comer pão árabe recheado com feijão e ovo, por exemplo, foi uma dessas deliciosas surpresas que tive.

Não deixe de dar atenção aos pães quando for comer no Cairo. O famoso pão árabe é vendido, também, em barraquinhas de rua. O acompanhamento de pão baladi, ou pão camponês, é irresistível.

Onde comer no Cairo

O aysh baladi é um pão de trigo integral que vem de acompanhamento. Foto Cairo-29ago004.

O ful medames é outro prato típico da região e que, já lhe adianto, não tem o melhor dos aspectos, mas surpreende no sabor. O prato é uma papa fervida de feijão, com brotos, raízes e diversos temperos. A maioria vem acompanhada de aysh baladi, o pão de trigo integral, e complementada com tomates, ovos cozidos e muitas especiarias.

Aliás, é aí que a culinária egípcia brilha: nas especiarias. Para quem não está acostumado, eu aconselho pegar leve nos primeiros dias, evitando passar mal e perder bons momentos da viagem.

O kofta é outro destaque das comidas de rua que você precisa provar quando for comer no Cairo. Trata-se de uma mistura de carne moída, temperos, zaatar, cebola, alho e salsinha. Isso tudo se transforma em um delicioso espetinho grelhado.

O café árabe e os sucos não são exatamente pratos típicos, mas você não pode ir embora sem provar. Você encontra pequenos estabelecimentos vendendo sucos feitos de frutas frescas e, normalmente, com fila.

Onde comer no Cairo

O koshary é uma tradicional comida de rua do Cairo. Foto: h-bomb

Onde comer no Cairo

Além do Zööba, um ótimo restaurante para você provar a comida tradicional egípcia é o Felfera que, com a fama, acabou aumentando os preços e se transformando em uma cadeia que você encontra em toda a cidade.

O Sequoia é indicado para quem quer ter um jantar mais chique. Ele fica na ilha de Zamalak, a área mais valorizada da cidade. Há pratos da culinária árabe e internacional, e todos são muito elogiados pelos clientes na internet.

Onde comer no Cairo

Uma experiência muito legal é jantar no alto da Torre do Cairo.

O Koshary Abou Tarek, como o nome diz, é especializado em koshary e tem preços mais convidativos: tem pratos de EGP 5. O restaurante tem uma história muito interessante: seu dono começou vendendo o prato nas ruas do Cairo e, hoje, seu negócio é uma parada obrigatória.

Se você quer uma experiência memorável, tome um café ou jante no restaurante giratório que fica no alto da Torre do Cairo. Lá, você tem uma vista de 360° de toda região. O ideal é chegar antes do anoitecer, para pegar o pôr do sol e ver as luzes da cidade se acenderem. É uma bela maneira de se despedir da cidade.

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou um jornalista que gosta de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Desde menino, meu desejo era viajar pelo mundo. Já adulto, descobri que isso não era apenas um sentimento, mas um propósito de vida.

4 Comentários

  1. Avatar

    Muito interessante essa postagem, ainda não havia visto nenhuma parecida e tinha receio do que iria encontrar para comer lá. Confesso que não pretendo comer nessas barraquinhas, tenho medo de passar mal.. não pelos temperos mas pela higiene. Li que isso é um assunto sério por lá. Mas em alguns restaurantes mais arrumadinhos me proponho a experimentar a culinária local rsrs Um abraço

Escreva um comentário