O Grande Hotel Bubapeste

2

Atualizado em 1 de julho de 2017

Já faz um tempo que eu vi esse filme, mas tenho muita vontade de assisti-lo novamente por alguns motivos. São essas razões que me fizeram indicar a você O Grande Hotel Budapeste.

Para começar, a fotografia é muito original e totalmente direcionada a partir de um olhar estético apurado, uma característica do diretor Wes Anderson. Aliás o bom gosto é uma forte marca desse filme. Os figurinos, por exemplo, deram a ele um Oscar, apesar de ter disso um dos filmes que recebeu mais indicações: fotografia, figurino, edição, maquiagem e cabelo, desenho de produção, além de melhor filme, direção, trilha sonora original e roteiro original.

Por falar em roteiro, ele é muito envolvente e conta uma história leve com pitadas de bom humor. O texto é baseado na obra do Stefan Zweig, poeta e dramaturgo austríaco que morreu em Petrópolis, Rio de Janeiro, na década de 1940.

A trilha sonora é completamente fascinante e vai lhe conduzir para dentro da história com muita delicadeza. Assim também são as belas paisagens de Görlitz, uma pequena cidade alemã, na divisa com a Polônia, que serviu de locação para o filme.

O longa gira em torno de um velho escritor que decide contar a história do tempo que passou no Grande Hotel Budapeste, quando conheceu o dono do hotel que lhe contou a história de como virou dono do lugar. Entre as aventuras do filme constam o roubo de um famoso quadro do Renascimento, a batalha pela grande fortuna de uma família e as transformações históricas durante a primeira metade do século 20.

Título original: The Grand Budapest Hotel
Ano produção: 2013
Diretor: Wes Anderson
Estreia: 3 de julho 2014
Duração: 100 minutos
Gênero: Comédia e Aventura
País: Reino Unido e Alemanha

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou jornalista, capixaba e apaixonado pelo universo viajante. Sempre gostei de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Quando criança, sonhava em viajar pelo mundo e, já adulto, isso virou um propósito de vida.

2 Comentários

Escreva um comentário