Mergulho em Cayo Largo

0

Atualizado em 19 de setembro de 2017

Cayo Largo tem o mar mais lindo de Cuba e, por isso, você não pode deixar de visitar esse lugar. O passeio no catamarã, que nos leva para fazer o mergulho em Cayo Largo, tem paradas em vários lugares e custa CUC 48. Nesse valor, estão inclusos o guia, o almoço, todas as bebidas e os equipamentos para esnórquel.

Aqui, você pode conhecer praias fantásticas, como eu explico em: Playa Paraiso, uma das melhores do mundo e em Cayo Largo: a imperdível Playa Sirena. Só que o que eu mais gostei, foi mesmo do mergulho em Cayo Largo. Olha que nem falei das aventuras mais exóticas: eu, por exemplo, visitei uma ilha habitada por enormes iguanas, que têm a praia de mar azul transparente como quintal de casa. Isso eu mostro em: A Ilha das Iguanas em Cayo Largo.

Se quiser passar apenas um dia em Cayo Largo, o pacote que inclui as passagens aéreas de ida e volta, saindo de Havana, o passeio, os traslados e o almoço, custa CUC 229. A partida acontece por volta das 4h e o retorno é depois das 20h. Se quiser ir de forma independente, será preciso pagar cerca de CUC 160, pelos voos de ida e volta, e uma diária no Hotel Pelicano, por exemplo, custa CUC 237, por pessoa. Entenda como funciona o câmbio no país em: Dinheiro em Cuba: câmbio, taxas e saques.

Para saber todos os detalhes, leia: Um espetacular mergulho em Cayo Largo

Como chegar a Cayo Largo

A única forma de chegar a Cayo Largo é de avião. O Aeroporto Internacional Vilo Acuña (CYO) é bem pequeno, mas tem serviços básicos. A Aerogaviota é principal companhia que opera aqui, mas para comprar a passagem, você precisará procurar a Cubatur, já que os voos são fretados pela empresa. As aeronaves partem do Aeroporto de Havana (UPB), que fica na Praia de Baracoa, a 30 quilômetros do Centro, e a viagem dura cerca de 30 minutos.

Para ver mais detalhes, leia: Como chegar a Cayo Largo.

CONPARTILHE COM SEUS AMIGOS

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou um jornalista que gosta de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Desde menino, meu desejo era viajar pelo mundo. Já adulto, descobri que isso não era apenas um sentimento, mas um propósito de vida.

Escreva um comentário

Inline
Inline