Descubra destinos nacionais fora da rota turística

2

Atualizado em 2 de janeiro de 2019

A lista de lugares para a gente conhecer está sempre crescendo, não é mesmo? Apostar em destinos fora da rota turística é uma ideia cheia de vantagens, e nós temos vários aqui, na nossa terrinha mesmo: o Brasil é privilegiado com muitos cantos encantadores e paraísos escondidos. Então, já passou da hora da gente valorizar mais o que é nosso.

Todo viajante já está acostumado com lugares lotados, muito divulgados e com as mesmas fotos na internet, então nada melhor do que explorar regiões fora da rota turística, fugindo do burburinho e, quem sabe, gastando menos.

É que algumas cidades brasileiras simplesmente fogem do radar dos viajantes, seja por falta de informação ou pela dificuldade de acesso. Por isso, eu preparei uma lista com alguns destinos que merecem nossa atenção.

E tem mais: o melhor é que todos esses destinos fora da rota turística têm passagens mais baratas do que aqueles mais conhecidos. Na hora de procurar o melhor preço, é sempre bom usar buscadores como Voopter, Decolar e Skyscanner, por exemplo.

Destinos nacionais fora da rota turística

Descubra destinos nacionais fora da rota turística

Lagoinha do Leste (SC)

Florianópolis não está nem um pouco fora da rota turística. A ilha da magia tem seu lugar ao sol se tratando de viajantes do Brasil. Porém, depois de conhecer essa região encantadora, você pode partir para o Parque Municipal Lagoinha do Leste.

O parque, não muito famoso, tem 480 hectares de mata atlântica e fica atrás dos morros do sul da ilha de Santa Catarina. Aqui, você vai se deparar com lagoa, cachoeiras, praia paradisíaca e o melhor, o acesso é feito somente por trilhas, te colocando mais em contato com a natureza exuberante do lugar. A caminhada dura cerca de três horas, mas nada de receio, o esforço é muito recompensado pela paisagem.

Descubra destinos nacionais fora da rota turística

Boipeba (BA)

Ah! Bahia. Região que não precisa de propaganda alguma para ganhar um espacinho no coração de quem pisa aqui, mas a ilha de Boipeba vai lhe fazer amar mais ainda esse estado. Terra do sossego, da tranquilidade e de muita beleza, ela fica a meia hora de Salvador, pegando um táxi aéreo. Outra opção é pegar uma ferry-boat até a Ilha de Itaparica, de onde dá para ir de ônibus para Boipeba.

Esse pedacinho de paraíso é ideal para quem gosta de praias desertas. Nesse mar de águas calmas, você encontra muitos peixinhos curiosos e corais. Se durante o dia, a paisagem é incrível, à noite, Boipeba te conquista mais ainda. As estrelas do céu brilham mais forte por aqui e, com a hospitalidade dos moradores nas alturas, você com certeza vai querer voltar.

Descubra destinos nacionais fora da rota turística

Jalapão (TO)

Lugar mais que encantador, o Jalapão está saindo das sombras de ficar de fora da rota turística e recebendo um reconhecimento merecido. Para chegar ao Parque Estadual do Jalapão, você vai precisar fazer uma parada em Palmas, a capital do Tocantins. Com o pé na estrada, prepare-se para conhecer o paraíso com ecoturismo.

Aqui, você vai ver de perto o poder surreal da natureza, que dispõe de diversas cachoeiras, dunas, piscinas naturais, chapadas e fervedouros. Quando eu digo diversas, são muitas mesmo. Para você ter uma ideia, o Jalapão tem uma área maior que os estados do Sergipe e Alagoas. Para facilitar a sua preparação – e dar aquele empurrãozinho final – dê uma olhada em: O melhor roteiro de viagem ao Jalapão.

Descubra destinos nacionais fora da rota turística

Marajó (PA)

Um dos diversos tesouros do norte do país é a ilha de Marajó, que fica a três horas e meia de Belém. Para chegar aqui, você precisa pegar uma balsa ou navio, mas, acredite, isso faz parte da aventura. Ela é a maior ilha fluviomarinha do mundo e marca o encontro dos rios Amazonas e Tapajós com o oceano.

Aqui, você vai se deparar com um pedaço quase intacto da selva amazônica e poderá desvendar essa área exótica. Outra atividade interessante é montar no lombo de um búfalo para passear. Isso mesmo, um búfalo. Os animais são símbolo da ilha e andam tranquilamente por ela.

Com um olhar curioso, descubra mais de Marajó realizando atividades de observação de aves, pesca, focagem de jacarés e até mesmo programas mais radicais como caminhadas na selva, rafting e ciclismo.

Descubra destinos nacionais fora da rota turística

Alter do Chão (PA)

Outro tesouro do norte é a praia Alter do Chão, a 1.400 quilômetros de Belém. Aqui, quem chama atenção é o rio Tapajós, que faz dessa a praia mais bonita do Brasil, segundo o jornal britânico The Guardian,  considerada o Caribe da Amazônia.

O lugar é perfeito para relaxar e o cenário paradisíaco com certeza vai te colocar no clima leve dessa vila de pescadores. A areia da é fina e as águas claras, mas se quiser variar a programação, você pode fazer caminhadas ecológicas e visitar áreas onde botos nadam tranquilamente.

Descubra destinos nacionais fora da rota turística

Monte Roraima (RR)

Um paraíso escondido é o Monte Roraima. Apesar de o nome ter fama, poucos turistas de fato se jogam pra cá. O território do Monte Roraima é dividido entre Brasil, Venezuela e Guiana, sendo que nós temos a menor parte.

O jeito mais fácil de subir essa enorme montanha em formato de mesa é pelo lado venezuelano, mas não se preocupe, cruzar a fronteira esta no roteiro de quase todos os viajantes que desejam fazer essa expedição. A subida ao topo é uma trilha que requer folego, mas novamente, tudo será recompensado com a imensidão que a natureza nos apresenta.

Descubra destinos nacionais fora da rota turística

Icaraí da Amontoada (CE)

A capital do Ceará, Fortaleza, é palco de muitas atividades do turismo. Porém, muitos chegam até aqui e se limitam aos roteiros tradicionais, perdendo a chance de conhecer um paraíso fora da rota turística. A cerca de 200 quilômetros de Fortaleza fica a praia de Icaraí de Amontoado, um destino pouco conhecido, a não ser pelos praticantes de kitesurf, que já se divertem nesse cantinho há um tempo.

As opções de hospedagem são poucas, mas isso faz parte do charme de Icaraizinho, como é chamado pelos locais. Aqui, você mergulha na gastronomia, no mar e se conecta com a natureza em aventuras nas dunas e lagoas da região.

Descubra destinos nacionais fora da rota turística

Praia de Sagi (RN)

A 90 quilômetros de Natal, depois de uma estrada de terra, a Praia de Sagi lhe aguarda. A charmosa vila de pescadores é ideal para os amantes da natureza e para quem busca sossego. Aqui, você observa o mar de tons esverdeados enquanto caminha por dunas de areia branca. A última praia do Rio Grande do Norte é um paraíso. Além de curtir o mar e a foz do rio Sagi, é possível fazer um passeio de canoa belo manguezal.

Se quiser ter mais um gostinho antes de comprar suas passagens, eu sugiro que você leia Praia de Sagi: o último paraíso do Rio Grande do Norte.

Descubra destinos nacionais fora da rota turística

Nobres (MT)

Nobres, no Mato Grosso, é muito comparado a Bonito. Só com isso o destino já merece um pouco mais de atenção, certo? O que diferencia os dois é, em maior parte, o custo. Bonito já conquistou seu espaço no turismo brasileiro, e Nobres está apenas começando a mostrar sua beleza – que é muita -, por isso, em Nobres os preços são mais camaradas e é mais fácil negociar.

Na infraestrutura, o distrito de Bom Jardim perde para Bonito, destino número um de ecoturismo no Brasil, porém, em Nobres você também vai se aventurar pela natureza exuberante do e mergulhar em maravilhosas águas cristalinas.

Descubra destinos nacionais fora da rota turística

Carolina (MA)

A 800 quilômetros de São Luís, capital do Maranhão, você encontra a base para explorar a menos explorada  Chapada das Mesas, que é tão rica quanto às outras. Mas não se engane achando que Carolina serve somente como pit stop para se aventurar pelo Parque Nacional, essa cidade já foi uma das mais movimentadas do Maranhão, tem um passado cultural curioso e também é chamada de Paraíso das Águas.

Esse apelido não é atoa, já que em pouco mais de seis mil quilômetros quadrados, já foram encontradas exatamente 89 cachoeiras e mais de 400 nascentes. Tenho certeza que se você der uma olhada nas fotos, colocará esse destino na sua lista rapidinho. Para saber mais, leia: Conheça as cachoeiras de Carolina no Maranhão e Carolina, a cidade da Chapada das Mesas.

 

SOBRE O AUTOR

Sou jornalista, capixaba e apaixonado pelo universo viajante. Sempre gostei de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Quando criança, sonhava em viajar pelo mundo e, já adulto, isso virou um propósito de vida.

2 Comentários

  1. leonardo henrique on

    Muito bom a matéria. Estou indo para Alter do Chão em novembro. Já conheço Jalapão. Ano que vem se Deus quiser quero conhecer a Chapada das Mesas.

Escreva um comentário