Dia Zero: Cape Town pode ficar sem água

0

Atualizado em 9 de Fevereiro de 2018

Depois de três anos enfrentando uma forte seca, Cape Town pode ficar sem água em maio deste ano. Se isso acontecer, a segunda maior cidade da África do Sul será a primeira capital do planeta a esgotar suas reservas de água.

O chamado Dia Zero – quando todas as torneiras secarão por completo – deverá acontecer quando o nível dos reservatórios ficar abaixo dos 13,5%. Em dezembro do ano passado, a prefeitura de Cape Town já havia informado que o nível das represas era de 32%. Desde então, sem chuvas, o volume de água só diminui.

O temido Dia Zero estava marcado para 12 de abril e, recentemente, foi adiado para maio, de acordo com a prefeitura.

Se o abastecimento de água for suspenso, os moradores de Cape Town precisarão esperar em filas para receber água potável, que será distribuída em 200 postos da cidade. Serão 25 litros por morador e a polícia acompanhará todo o processo. Para você ter uma ideia, um banho de chuveiro gasta em média 15 litros de água por minuto.

Eu conversei com dois amigos sul-africanos que moram em Cape Town e ambos me disseram que o que está acontecendo parece inacreditável.

Todo mundo está fazendo o máximo para poupar água. Não molhamos os jardins, não lavamos os carros e nossos banhos duram, no máximo, 90 segundos. Todo mundo está armazenando água em tanques”, conta Cadwill Pillay.

Já o farmacêutico Ande Spies diz que quem não economiza recebe multas altíssimas e pode ter a água de casa cortada.  “Isso é assustador”, desabafa.

Cape Town pode ficar sem água

Cape Town pode ficar sem água para abastecer os quatro milhões de habitantes por causa dos invernos extremamente secos dos últimos três anos. Por isso, todos os turistas que chegam à cidade são recebidos com cartazes implorando pelo racionamento de água e  pela conscientização em relação a esse recurso vital.

Então, se você está de viagem marcada para Cape Town ou está planejando conhecer esse cantinho da África do Sul, há algumas coisas que você precisa saber, de acordo com o órgão responsável pelo turismo em Cape Town:

  • Há água suficiente para suas necessidades essenciais, como tomar banho, lavar as mãos e usar o vaso sanitário. Isso acontecerá mesmo durante o Dia Zero.
  • As torneiras só serão fechadas completamente se não chover nos próximos meses. O período de chuvas começa em abril, mas pode atrasar para junho.
  • O período de racionamento severo deverá durar, pelo menos, três meses.
  • A maioria dos estabelecimentos turísticos está se adequando e criando planos emergenciais. Alguns hotéis estão usando água do mar nas piscinas.
  • Restaurantes e bares continuarão funcionando normalmente, já que a maioria deles se preparou para o período de racionamento.
  • A maioria das atividades turísticas, como Table Mountain, Cape Point e Kirstenbosch Botanical Gardens não será afetada.
  • Todos os serviços de emergência serão mantidos, incluindo hospitais, clínicas médicas, polícia e bombeiros.

Foto de capa: Office Magazine

CONPARTILHE COM SEUS AMIGOS

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou um jornalista que gosta de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Desde menino, meu desejo era viajar pelo mundo. Já adulto, descobri que isso não era apenas um sentimento, mas um propósito de vida.

Escreva um comentário