Comidas estranhas e sabores exóticos

1

Atualizado em 8 de fevereiro de 2017

Quem viaja e, portanto, deixa a sua adorável zona de conforto para trás está predestinado a experimentar sabores diferentes e a provar comidas estranhas em qualquer lugar do planeta. É verdade que eu nunca comi aranha frita ou churrasquinho de gafanhoto e muito menos vermes que são mastigados ainda vivos, como na foto acima. Mas é fato que já experimentei alguns pratos bem interessantes.

Sanduíche de feijão

No Egito, por exemplo, comi um sanduíche de pão árabe, feijão e ovo cozido. Mas isso não é tudo, a forma como eles preparam essa iguaria é tão interessante quando o próprio: abre-se o pão com as mãos, colocam-se generosas colheradas de feijão batido, acrescenta-se um ovo cozido inteiro e então se dá um tapa – ou vários – seguido de um breve esfregão para que o ovo já esmagado se misture ainda mais ao feijão. Foi assim a minha primeira refeição no conturbado Cairo e eu garanto que esse sanduíche de nome estranho – Foul Bel Beid – é delicioso, tanto que repeti em outra ocasião.

Comidas estranhas | Foul Bel Beid

Foul Bel Beid: sanduíche de feijão com ovo.

Carne de caça desidratada

Na África do Sul, a minha experiência começou, também, logo no meu primeiro dia em Joanesburgo. Aqui, é comum ver lojas que oferecem infinitas variedades de biltong, que na verdade é carne de caça desidratada que eles comem naturalmente nas ruas, nas casas e nos bares como um petisco qualquer. Eu experimentei carne de springbok – ou cabra-de-leque, mas nas lojinhas especializadas as opções não faltam. O sabor é forte e eu realmente não consegui dar mais do que duas mordidas.

Comidas estranhas | Biltong

Biltong: carne de caça desidratada.

Comidas estranhas | Loja de Biltongs

As lojinhas que vendem Biltongs.

Feijão doce

Na República Dominicana a minha experiência com feijão atingiu o seu ápice. Eu jamais imaginei que seria capaz de comer feijão doce. Porém, não tive como resistir e provei habichuelas con dulce, que é um prato servido especialmente nas festas de fim de ano. Esse cozido de feijão vermelho com passas, canela e biscoito pode parecer estranho, mas também foi uma das gostosas surpresas que tive por lá.

Comidas estranhas | Habichuela con Dulce

Habichuela con dulce: o feijão doce da República Dominicana.

Carne de alpaca e outros sabores

Por onde viajei já experimentei tantos sabores exóticos que ainda me lembro do gosto anestesiante do Tacacá, que experimentei em Rio Branco, no Acre; da maciez do filé de alpaca, que comi no Salar de Uyuni, na Bolívia; do cheiro do salmão fresquinho que chega aos mercados do Canadá; e do refrescante sabor da Inka Cola, a bebida gasosa mais amada do Peru. É assim, prazeres e descobertas à mesa também fazem parte da vida de um viajante.

Comidas estranhas | Carne de Alpaca

Almoço em pleno Salar de Uyuni com carne de alpaca.

Comidas estranhas | Tacacá

Tacacá: sabor exótico que vem da amazônia.

Você já comeu algo mais estranho? Gostou? Deixe o seu comentário e conte para nós.

SOBRE O AUTOR

Sou jornalista, capixaba e apaixonado pelo universo viajante. Sempre gostei de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Quando criança, sonhava em viajar pelo mundo e, já adulto, isso virou um propósito de vida.

1 comentário

Escreva um comentário