Barra Grande: refúgio no litoral nordestino

0

Atualizado em 16 de fevereiro de 2018

Se você quiser descansar sossegado e fugir da rotina aproveitando belas paisagens, seu destino tem que ser Barra Grande, no Piauí. Isso é o que nos conta Letícia Oliveira, geógrafa, de Belo Horizonte. Ela escreveu nos contando os segredos desse lugarzinho no litoral piauiense. Apesar de não ser muito procurado por brasileiros, já foi descoberto pelos gringos por esconder uma linda praia que envolve beleza natural, esporte e opções para fugir do caos urbano.

Barra Grande fica no município Cajueiro da Praia, a 360 quilômetros de Teresina. Aqui, esqueça aquela ideia de praias lotadas e cheias de confusão. Barra Grande não atrai – ainda – multidões de pessoas. Pelo contrário, você pode desfrutar o sol deitado sobre a areia ou sentar-se em alguns quiosques na beira-mar. A maioria têm serviços com a qualidade que todo bom turista nos dias de folga merece.

Aqui, onde o vento parece fazer a curva, o kitesurf colore o mar e o céu com suas pipas. Isso pode ser visto com facilidade na alta temporada, que por aqui vai de julho a dezembro, com ápice em outubro. Essa quantidade de vento abundante fez com que apaixonados pelo esporte incluíssem a Barra Grande entre as cinco mais importantes para a prática de kitesurf no mundo. O vilarejo tem até escolinha para quem quer aprender os primeiros passos.

Nos meses em que o vento está mais calmo, é o stand up poddle que toma conta da praia. Mas se você não é adepto ao esporte, Barra Grande tem um mar tranquilo e com água quente todinho pra você. Além disso, há opções de passeios oferecidos por guias turísticos locais. Eles te levam para uma descida de boia pelo rio, para ver cavalos marinhos e ao Delta do Parnaíba.

O vilarejo ainda não foi descoberto pelo turismo de massa e, por isso, é ainda um local rústico que tem as características locais preservadas. Há ruas sem calçamento e a estrutura de serviços ainda está em pequena proporção, mas há restaurantes e pousadas com diversos estilos, padrões e com preços variados. Não é necessário se preocupar com carro, em Barra Grande pode se fazer tudo a pé”, conta Letícia.

barra-grande-piaui-06

Pé no chão: uma das ruas de acesso à praia.

barra-grande-piaui-03

O céu colorido pelas pipas do kitesurf.

barra-grande-piaui-07

Leticia Oliveira no Delta do Parnaíba.

barra-grande-piaui-01

O pôr do sol nesse cantinho ainda pouco conhecido do nordeste brasileiro.

Planeje sua viagem a Barra Grande, no Piauí

Porque ir | Barra Grande é uma praia tranquila cujo destaque está na prática de kitesuf, esporte aquático que explora os ventos, que são mais que abundantes por aqui. Além disso, o mar é calmo, sem muitas ondas e a água é quentinha.

Quando ir | Na alta temporada, de julho a dezembro, a noite é mais movimentada com shows de música ao vivo nos bares e restaurantes do povoado. Muitos quiosques e restaurantes possuem ótima infraestrutura com sofás, espreguiçadeiras e almofadas na praia. A culinária também é de qualidade.

Para quem quer praticar o kitesurf, a pedida é ir no mês de outubro, quando os ventos também parecem escolher Barra Grande como destino.

Como chegar | Você pode voar para Teresina, no Piauí, ou para Fortaleza, no Ceará, e de lá voar para Parnaíba, onde está o aeroporto mais próximo, a 60 quilômetros. De ônibus, a viagem é feita a partir de uma dessas capitais pela empresa Expresso Guanabara. De Parnaíba, a melhor opção é tomar um táxi ou um micro-ônibus até praia de Barra Grande. A passagem custa R$ 10.

barra-grande-piaui-02

O vilarejo de Barra Grande.

barra-grande-piaui-04

Em um dos passeios podemos ver cavalos-marinhos,

barra-grande-piaui-05

Barra Grande é considerada uma das melhores praia para a prática do kitesurf no mundo.

A Leticia Oliveira nos contou suas dicas de Barra Grande, no Piauí. Saiba como participar contando suas histórias de viagem. Assim, você vira notícia e ainda incentiva muita gente a viajar mais e melhor.

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou um viajante apaixonado pelas coisas desse mundo. Um jornalista que adora contar boas histórias e compartilhar informações de viagem. Meu propósito de vida é ajudar outras pessoas a conhecerem lugares novos e a viverem experiências inesquecíveis.

Escreva um comentário