A Ilha das Iguanas em Cayo Largo

2

Atualizado em 7 de novembro de 2017

Cayo Largo del Sur tem o mar mais lindo de Cuba e isso a gente percebe antes mesmo de colocar os pés na ilha: do avião, dá para ver a mistura de tons de azul e verde que colorem as praias que cercam essa pequena porção de terra. Aqui, a exuberante Ilha das Iguanas tem areia fina, água cristalina e a presença desses exóticos animais.

A Ilha das Iguanas é um amontoado de areia que surgiu do processo de dragagem dos canais de Cayo Largo – cayo é como se chamam as ilhas novas, formadas pela areia que emergiu mais recentemente. Para que embarcações maiores pudessem chegar e sair do píer, foi preciso escavar o fundo do mar e a areia amontoada deu origem a várias pequenas ilhas.

Com o passar do tempo, a vegetação foi crescendo e virou árvores grandes e pequenos arbustos. Em busca de alimentos, também chegaram as iguanas. Nadando entre uma ilhota e outra, elas descobriram que aqui poderiam viver tranquilamente sem se preocupar com predadores. O resultado é o que você pode imaginar: a ilha é infestada por esse réptil esquisitão.

A Ilha das Iguanas em Cayo Largo

A paisagem da Ilha das Iguanas.

A Ilha das Iguanas em Cayo Largo

O mar que envolve esse pequeno monte de areia.

A Ilha das Iguanas em Cayo Largo

Iguanas atravessaram o mar para morar aqui.

A Ilha das Iguanas em Cayo Largo

Turistas chegam para curtir a praia e ver os donos da ilha.

A Ilha das Iguanas em Cayo Largo

Sem predadores naturais, as iguanas encheram a ilha.

A praia das iguanas

Se a terra é dominada por iguanas, a praia é o paraíso que nos espera. Muito procurada por turistas, ela tem uma incrível transparência. Aqui, você pode aproveitar para relaxar nas águas calmas da pequena enseada ou fazer esnórquel para ver peixes, arraias e outros animais, como estrelas do mar.

Só não se assuste se encontrar iguanas nadando por aqui. Esses animais são herbívoros e, não raramente, saem para dar uma volta. Mas fique tranquilo, porque iguanas não oferecem risco algum e, certamente, se afastarão de você.

Aproveite, também, para fazer uma caminhada pela ilha para perceber um pouco mais da beleza desse lugar, enquanto gaivotas voam alegremente sobre sua cabeça.

A Ilha das Iguanas em Cayo Largo

Uma arraia nadava livremente na praia quando cheguei.

A Ilha das Iguanas em Cayo Largo

Não é permitido tocar nas iguanas.

A Ilha das Iguanas em Cayo Largo

Gaivotas enchem o céu da ilha.

A Ilha das Iguanas em Cayo Largo

Não há como não aproveitar esse lugar.

Além da Ilha das Iguanas, há o passeio de catamarã que nos leva a vários lugares incríveis, como você vê em: Playa Paraiso, uma das melhores do mundo o e Cayo Largo: a imperdível Playa Sirena.

Planeje sua vista à Ilha das Iguanas

Quanto custa | O passeio de catamarã para a Ilha das Iguanas, que também faz paradas em vários outros lugares, custa CUC 48. Se quiser passar apenas um dia em Cayo Largo, o pacote que inclui as passagens aéreas de ida e volta, saindo de Havana, o passeio, os traslados e o almoço, custa CUC 229. A partida acontece por volta das 4h e o retorno é depois das 20h. Se quiser ir de forma independente, será preciso pagar cerca de CUC 160, pelos voos de ida e volta, e uma diária no Hotel Pelicano, por exemplo, custa CUC 237, por pessoa.

Para comprar este e outros pacotes de viagem, você terá que procurar uma das agências de turismo governamentais, como eu mostro em: Como funcionam as agências de viagem em Cuba. A Cubatur tem exclusividade nos passeios para Cayo Largo.

Entenda como funciona o câmbio no país em: Dinheiro em Cuba: câmbio, taxas e saques.

Quando ir | A alta temporada vai de dezembro a março, quando os preços ficam mais altos e os hotéis mais lotados. Julho e agosto são os meses mais quentes e o calor é insuportável.

temporada de furacões vai de junho a novembro, mas claro que isso não significa que vai ter furacão. Na prática, essa temporada significa que começou o período de alerta contra furacões e, portanto, governos e população devem ficar atentos. Veja outros detalhes em: Escolha quando viajar para Cuba.

A Ilha das Iguanas em Cayo Largo

O catamarã que nos leva até a ilha.

Quem leva | A Cubatur tem exclusividade nos passeios de Cayo Largo, por isso, os preços são tabelados e é impossível conseguir um desconto. Para contratar, você deverá ir até uma das agências ou procurar um balcão da empresa nos principais hotéis do país. Eu explico como são esses serviços em: Como funcionam as agências de viagem em Cuba.

Como chegar | A única forma de chegar a Cayo Largo é de avião. O Aeroporto Internacional Vilo Acuña (CYO) é bem pequeno, mas tem serviços básicos. A Aerogaviota é a principal companhia que opera aqui, mas para comprar a passagem, você precisará procurar a Cubatur, já que os voos são fretados pela empresa. As aeronaves partem do Aeroporto de Havana (UPB), que fica na Praia de Baracoa, a 30 quilômetros do Centro, e a viagem dura cerca de 30 minutos.

Para ver mais detalhes, leia: Como chegar a Cayo Largo.

Para chegar à Ilha das Iguanas, você deve contratar um passeio de catamarã. As embarcações saem do píer de Cayo Largo e a viagem dura cerca de 20 minutos.

O Aeroporto Internacional José Martí (HAV) fica em Havana e é a principal porta de entrada de Cuba. Não há voos direto do Brasil para cá, e as empresas mais utilizadas por brasileiros são a Copa Airlines, que faz paradas no Panamá, e a Avianca, que faz escala na Colômbia. Aproveite para comprar passagens aéreas promocionais.

Onde ficar | Há inúmeros hotéis em Cayo Largo e, como a ilha é pequena, a sua escolha deverá levar em conta as comodidades oferecidas.  Entretanto, não  é recomendado ficar apenas uma noite na ilha, já que são constantes os atrasos e cancelamentos de voos. A indicação, então, é passar, pelo menos, duas noites. Você pode ver a lista completa de hotéis aqui.

A ilha é estritamente turística e não há moradores: as pessoas chegam para trabalhar e passam uma temporada de 20 dias. Isso significa que não há vida além dos resorts e o que encontramos no pequeno centro – chamado de Pueblo – são restaurantes e lojas para turistas.

O que levar | Como esta é uma paisagem natural, há bastante mosquito e, por isso é indispensável usar repelente. Protetor solar e óculos de sol também são itens básicos. Eu ainda aconselho trazer água, lanches rápidos e uma muda de roupa para trocar na volta.

Visto e documentos | Brasileiros necessitam de visto para entrar em Cuba. Além disso, você vai precisar do seguro viagem, do certificado de vacinação contra febre amarela e do comprovante de onde ficará hospedado. Eu explico esses detalhes em: Como comprar o visto para Cuba.


Seguro viagem | O seguro viagem é obrigatório para quem pretende ir a Cuba. Sem ele, você será impedido de entrar no país. Veja como comprar seu seguro com desconto.

Informações importantes | Cuba é um país muito peculiar e ainda pouco conhecido em sua diversidade. Muito mais do que é divulgado na mídia, o país possui regras próprias e bem diferentes do resto do mundo: como ter uma moeda exclusiva para turistas. Antes de viajar, eu sugiro que você leia: Viagem a Cuba: informações essenciais.

CONPARTILHE COM SEUS AMIGOS

SOBRE O AUTOR

Altier Moulin

Sou um jornalista que gosta de contar histórias e de extrair do cotidiano um valor que muitos não percebem. Desde menino, meu desejo era viajar pelo mundo. Já adulto, descobri que isso não era apenas um sentimento, mas um propósito de vida.

2 Comentários

    • Altier Moulin

      Oi, Ana Paula.

      Eu fiz isso, fui e voltei no mesmo dia. Dentro do tempo que tinha e do que podia gastar, fiquei satisfeito.
      Para comprar este e outros pacotes de viagem, você terá que procurar uma das agências de turismo governamentais. 
      A Cubatur tem exclusividade nos passeios para Cayo Largo.

      Um abraço.

Escreva um comentário

Inline
Inline